terça-feira, 6 de abril de 2021

Passa da hora do Ministério Público responsabilizar pastores e outros religiosos por fiéis contaminados e mortos



Já passa da hora de o Ministério Público responsabilizar pastores e outros religiosos por fiéis contaminados em igrejas e em templos sob sua responsabilidade. 

A ciência já confirmou que o novo coronavírus tem o poder de ficar em suspensão no ar, principalmente em ambientes fechados e sem ventilação, como é o caso de templos religiosos e igrejas, em sua maioria.

Uma só pessoa contaminada é capaz de contaminar outras tantas nesses ambientes, mesmo distantes um dos outros indivíduos e cumprindo os rigores do distanciamento social. 

Mesmo com essa comprovação da ciência, milhares de religiosos, Brasil a fora, têm pouco se lixado com a saúde dos seus fiéis.

Pelo contrário, pelo recebimento do dízimos, fazem questão de manter as portas abertas. Um absurdo. 

Não são poucas as notícias de velhinhos, que tem a igreja como o único ponto de apoio e de interação social, pressionar familiares para suas idas diárias a cultos e missas, por óbvio, com incentivo de quem dirige as igrejas. 

É suicídio, ou melhor, homicídio doloso. 

Assim, pessoas comprovadamente contaminadas em igrejas e mortas pelo vírus, são de responsabilidade também de quem as incentivou e tinha dever de cuidado. 

Não tem que alisar. 

É hora do Ministério Público Estadual entrar de sola e começar a abrir processos, civis e criminais, para responsabilizar igrejas e seus dirigentes pelas respectivas culpas.

A partir de hoje vou cobrar diuturnamente esse tipo de responsabilização.

O leitor que puder fotografar qualquer templo religioso cheio, pode nos mandar as imagens, que serão expostas e cobrado, sem pestanejar, junto às autoridades competentes.  

 

4 comentários:

  1. Dinomar, você vai receber o mesmo castigo da mulher adúltera. Às vezes a crença se torna fanático, não existe sensatez

    ResponderExcluir
  2. Olha com todo respeito aí autor desse blog e demais pessoas vocês tem o direito de pedir a esses órgãos que fiscalize as igrejas em geral abre as normas de prevenção e o cuidado que tamos que ter mas não faça disso uma perseguição as igrejas católicas e evangélicas e cristãs em geral pois os devotos que a elas frequenta vai lá para clamar o socorro de Deus...e é esse Deus que em cujas mãos está a vida de cada um de nós...ele e amor mas também e fogo consumidor

    ResponderExcluir
  3. Me desculpa mas ao invés de criticar vai buscar a misericórdia de Deus pq vc precisa mto .Reconheça q Deus é soberano e está no controle de tudo.

    ResponderExcluir
  4. Creio que fui o primeiro a fazer comentário e avisei da falta de sensatez e a previsível enxurrada de comentários raivosos e ignorantes. Todo o meu apoio, Dinomar

    ResponderExcluir

Os cometários aqui publicados são de inteira responsabilidade dos autores. Este Blog não se responsabiliza pelos comentários postados pelos leitores, que poderão ser responsabilizados e penalizados judicialmente por abuso do direito da livre manifestação.