terça-feira, 13 de abril de 2021

Forças policiais apreendem grande carregamento de cigarros contrabandeados





A Polícia Militar de Goiás, em operação integrada com a Polícia Federal (PF), Polícia Militar do Mato Grosso (PMMT) e Polícia Militar do Mato Grosso do Sul (PMMS), apreendeu no último sábado (10/04) um carregamento com 800 mil carteiras de cigarros. 

Os produtos, contrabandeados do Paraguai, foram interceptados no momento em que eram trazidos para Goiânia. A apreensão trouxe prejuízo estimado em R$ 5 milhões ao crime organizado.  

A ação foi desencadeada pelo Comando de Operações de Divisas (COD/PMGO) e teve início após troca de informações entre as equipes de inteligência das forças de segurança pública. 

“O objetivo foi interceptar um comboio de caminhões, que estariam sendo utilizados para o transporte e contrabando de cigarros”, informou o Capitão do COD, Renyson Castanheira.

Segundo as informações apuradas, os produtos pertenciam a uma organização criminosa, que utilizava a malha rodoviária dos três Estados do centro-oeste. 

Os cigarros tinham como destino final a capital goiana, onde seriam comercializados. Após diligências, os veículos foram localizados no município de Aragarças, na região Oeste de Goiás.  

Um dos condutores, de 29 anos, foi preso em flagrante. “Ele é sul-mato-grossense e era o motorista de uma das carretas”, pontuou. O outro condutor fugiu durante a ação policial e segue sendo procurado. 

Os dois veículos foram apreendidos. “Haverá a possível sanção de perdimento dos veículos, em favor da União, através da Receita Federal”, completou o capitão da PMGO. 

A ocorrência foi encaminhada para a Delegacia da Polícia Federal em Barra do Garças (MT). 

Ao todo, 60 policiais atuaram na operação. 

Entre as unidades que participaram, estão equipes do COD/PMGO, Comando de Policiamento Especializado (CPE/PMGO), 22º Batalhão (PMGO), Batalhão de Rotam (PMGO), Força Tática do Araguaia (FTA/PMMT), Batalhão de Polícia Militar Rodoviária (BPMRv/ PMMS) e Polícia Federal. 

Fonte: Governo

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os cometários aqui publicados são de inteira responsabilidade dos autores. Este Blog não se responsabiliza pelos comentários postados pelos leitores, que poderão ser responsabilizados e penalizados judicialmente por abuso do direito da livre manifestação.