segunda-feira, 5 de outubro de 2020

Pau no lombo: mulher é presa após vizinho filmá-la agredindo cachorro; vai responder agora com mais rigor pela nova lei




A Polícia Civil do DF prendeu uma mulher após receber vídeos com o flagrante do espancamento de dois cães em uma casa no Recanto das Emas. 

Nas imagens, a mulher de 31 anos agride os animais com uma vassoura.

Os bichos estavam sem comida, sem água e eram mantidos em uma casinha de ferro embaixo do sol quente.

Segundo a vice-presidente da Comissão de Defesa de Direitos dos Animais da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Ana Paula Vasconcelos, esta é a primeira primeira prisão em flagrante pelo crime de maus-tratos de animais no DF desde que o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) sancionou a lei que prevê pena maior para os agressores. 

A norma entrou em vigor no dia 30 de setembro.

A ação que resultou na prisão da mulher foi comandada pela 27ª Delegacia de Polícia (Recanto das Emas).

A mulher foi presa em flagrante, conforme a Lei n° 14.064/2020, e só será liberada após audiência de custódia, o que deverá ocorrer na segunda feira (5/10).

Para a advogada Ana Paula de Vasconcelos, responsável pelo registro da ocorrência policial, a prisão é um marco na luta por justiça pelos combate ao crime de maus-tratos. 

“Agora, quem maltrata animal fica preso”, afirmou.

Os cachorros foram apreendidos e encaminhados para atendimento veterinário emergencial e depois serão levados para lares temporários. Uma das cadelas esta com uma lesão no olho em razão das agressões.

Fonte: Metrópoles 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os cometários aqui publicados são de inteira responsabilidade dos autores. Este Blog não se responsabiliza pelos comentários postados pelos leitores, que poderão ser responsabilizados e penalizados judicialmente por abuso do direito da livre manifestação.