sexta-feira, 30 de outubro de 2020

Desastre: Dinit já bateu o martelo e Cavalcante, Monte Alegre, Campos Belos e Arraias ficarão fora da BR-010


Com a frustação de Cavalcante (GO), o Dnit informou que foi realizado um Estudo de Viabilidade Técnica, Econômica e Ambiental (EVTEA) no qual foram avaliadas duas alternativas de traçado para a BR-010. 

A Alternativa 1, com 277,10 km, e a Alternativa 2, que atende Cavalcante, com 272,32 km. 

O estudo, conforme o órgão, recomendou a Alternativa 1 porque, embora os dois traçados interceptem o território calunga, esta opção é menos impactante.

No caso da Alternativa 1 a BR-010 vai ocupar uma extensão de 35 km, com grande parte do trecho já asfaltado. 

Na Alternativa 2 a interceptação é menor, mas em contrapartida a intervenção seria maior porque o leito é natural e o terreno virgem.

O Dnit enfatiza que a opção pela Alternativa 1 também implica em menos intervenção em Áreas de Preservação Permanente (APPs) porque os corpos hídricos identificados são em menor quantidade do que na Alternativa 2.

Ainda na Alternativa 1, conforme o Dnit, o relevo é mais favorável, o que vai exigir um volume menor de terraplanagem. Outra vantagem apresentada pelo órgão é que a extensão a implantar de novos trechos na Alternativa 1 é inferior em cerca de 25% à Alternativa 2.

Com a conclusão do EVTEA, o Dnit já contratou a empresa responsável pelo desenvolvimento dos projetos. “A previsão de conclusão dos mesmos é para o segundo semestre do próximo ano”, informou o órgão federal.

O órgão nem aventou a passagem da BR-010 por Monte Alegre, Campos Belos e Arraias. 

Com informações de O Popular

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os cometários aqui publicados são de inteira responsabilidade dos autores. Este Blog não se responsabiliza pelos comentários postados pelos leitores, que poderão ser responsabilizados e penalizados judicialmente por abuso do direito da livre manifestação.