quinta-feira, 3 de setembro de 2020

Caso Ozenildo Dias: Associação Quilombo Kalunga (AQK) publica Nota e cobra ação do Governo



"A Associação Quilombo Kalunga (AQK) vem a público repudiar com veemência a violência sofrida pelo professor Ozenildo Dias Soares nesta terça-feira (1/9) em Monte Alegre de Goiás. 

Homem negro, Ozenildo voltava de um trabalho, quando foi agredido gratuita e covardemente por um policial à paisana no município. 

Há testemunhas. A advogada que acompanha o caso foi ameaçada. 

Há notícias de que o policial também agrediu um menor negro momentos antes de abordar, bater e atirar em Ozenildo, que foi transferido para uma cirurgia em Goiânia. Exigimos apuração rigorosa do caso.

GOVERNADOR RONALDO CAIADO, a sociedade goiana quer acreditar que o senhor não compactua com esse tipo de comportamento na corporação que existe para proteger o cidadão. 

Queremos crer que o senhor também é sensível ao fim do racismo estrutural que ainda nos envergonha. A AQK conta com seu apoio para as devidas providências e medidas legais cabíveis."

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os cometários aqui publicados são de inteira responsabilidade dos autores. Este Blog não se responsabiliza pelos comentários postados pelos leitores, que poderão ser responsabilizados e penalizados judicialmente por abuso do direito da livre manifestação.