terça-feira, 25 de agosto de 2020

Enteado é acusado de matar padrasto. Ele foi preso após PMs verem imagens de circuito de TV


Por volta das 3h de sábado (22/08), Sandro Francisco de Jesus Oliveira, de 49 anos, foi morto a facadas na porta de sua casa, na Avenida Vicente de Paula Souza, no Centro de Cabeceiras de Goiás, nordeste do estado.

Em relatos à Polícia Militar, a esposa de Sandro disse que ele chegou em casa e ficou na porta conversando com uma pessoa não identificado por ela. 

Minutos depois, ele entrou em casa pedindo por socorro informando que teria sido esfaqueado.

Uma equipe de socorro do hospital local foi acionada, mas a vítima não resistiu aos ferimentos e morreu no local. 

A perícia esteve na cena do crime e atestou que a vítima foi atingida por golpes na axila, nas costas e no rosto.

Desde o conhecimento do crime, equipes da PM realizaram diligências ininterruptas e analisaram diversas imagens de câmeras de segurança em que foi possível reconhecer o autor do crime como sendo um homem de 19 anos.

Ele era enteado da vítima.

A partir do reconhecimento, os militares localizaram o suspeito em sua casa, em Cabeceiras.

Na casa do rapaz, foram encontradas uma bicicleta e uma camiseta idênticas às que foram identificadas nas câmeras de segurança como sendo as utilizadas pelo autor do crime. 

O acusado negou participação do crime, mas entrou em inúmeras contradições. 

Assim, ele recebeu voz de prisão e foi encaminhado à Central de Flagrantes, onde foi autuado pelo crime de homicídio consumado.

Com informações do Foca Lá 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os cometários aqui publicados são de inteira responsabilidade dos autores. Este Blog não se responsabiliza pelos comentários postados pelos leitores, que poderão ser responsabilizados e penalizados judicialmente por abuso do direito da livre manifestação.