sexta-feira, 7 de agosto de 2020

Artigo: Quanto devo ter de reserva para comprar um imóvel em Brasília?

Imagem: Pixabay
Um dos maiores choques na compra de uma casa é descobrir que você precisa de muito mais dinheiro para fechar uma casa do que apenas um adiantamento. 

Já é difícil economizar o adiantamento em sua casa , apenas para descobrir que você precisa de mais - muitas vezes muito mais - para concluir a transação.

Vejamos quanto dinheiro é necessário para comprar uma casa. E sempre que possível, encontre maneiras de reduzir ou até eliminar os requisitos adicionais de gastos. 

Confira então, as dicas que separamos para você fazer isso tudo de maneira organizada aqui neste post! Acompanhe!

1. Descubra quanto você precisará economizar

Antes de começar a economizar um adiantamento para uma casa, primeiro você precisa saber quanto precisará economizar. Planeje sentar-se com um credor de financiamento que informará para o quanto de empréstimo você pode se qualificar. 

De um modo geral, suas despesas com moradia não devem exceder 28% de sua renda mensal estável. Portanto, se sua renda for de R$ 5.000, você poderá alocar R$ 1.400 com segurança (R$ 5.000 x 0,28) ao pagamento futuro da sua casa. 

Os R$ 1.400 incluirão o valor principal e juros do empréstimo, além de impostos imobiliários, seguros e taxas diversas, quando houverem. Com taxas de financiamento bancário em cerca de 4,5%, isso se traduzirá em um montante de empréstimo de cerca de R$ 177.500. 

Para chegar ao valor que você pode pagar por casas à venda em Brasília será necessário adicionar o valor de entrada, também chamado de adiantamento.

2. Reserve pelo menos 20% do valor para dar de entrada

No mercado restrito de empréstimos de hoje, você geralmente deve pagar de entrada o mínimo de 20% em uma casa. Não, isso não é um requisito - é apenas o pagamento mínimo para obter as melhores ofertas. 

Você certamente pode economizar menos, mas provavelmente pagará uma taxa mais alta e, se tiver algum tipo de problema de crédito, poderá não conseguir obter o financiamento bancário. 

Portanto, tomando nosso exemplo de um financiamento de R$ 177.500 e fazendo uma provisão para um adiantamento de 20%, podemos calcular o valor real da seguinte maneira: 

R$ 177.500 dividido por 0,80 = R$ 221.875, menos o empréstimo hipotecário de R$ 177.500 = R$ 44.375, ou arredondado, R$ 45.000. Arredondando os números, você estará comprando uma casa por R$ 222.000, com um empréstimo de R$ 177.500 e um adiantamento de cerca de R$ 45.000. 

Obviamente, é algo a se ficar muito preocupado, mas não se apegue de forma direta a esses cálculos, pois seu credor poderá executar os mesmos cálculos para você com base em suas próprias circunstâncias financeiras e adaptar uma planilha de acordo com sua possibilidade de prazo. 

Fique atento, contudo, aos juros embutidos! Fizemos isso apenas para fins ilustrativos e para que possamos levar adiante esse número de R$ 45.000 para mais cálculos.

3. Determine seu prazo para conseguir o valor da entrada

O próximo passo é determinar seu prazo. Se você planeja comprar apartamento em Brasília ou uma casa em cinco anos, terá que estar preparado para economizar R$ 9.000 por ano (R$ 45.000 dividido por cinco anos). Naturalmente, quanto menor o seu prazo, maior será sua meta de economia anual.

4. Encontre a melhor maneira de economizar seus 20% de entrada

Como regra, como o dinheiro que você está economizando para o adiantamento de uma casa tem uma finalidade definida e precisa ser alcançado dentro de um período de tempo específico, você não deve economizar dinheiro em veículos de investimento do tipo de risco (ações, fundos de investimento imobiliário, etc.) Em vez disso, você deve economizar seu dinheiro em locais super seguros, como a velha caderneta de poupança, por exemplo. 

Claro, você pode ganhar mais dinheiro investindo em locais de maior risco, mas também existe o risco real de você perder dinheiro no processo. Lembre-se, se você está economizando para uma casa, o pior cenário não seria perder retornos, pois perderia parte do dinheiro necessário para comprar seu tão almejado imóvel.

5. Libere espaço em seu orçamento

Como estamos falando em economizar alguns bons reais por ano, você precisa liberar espaço em seu orçamento para garantir que sua meta de economia seja viável. Isso significa que você pode ter que obter renda adicional, reduzir despesas ou ambas. 

Porém, reservar espaço no seu orçamento pode ajudá-lo a economizar o tipo de dinheiro necessário para o seu adiantamento e também o preparará para gerenciar o tipo de orçamento mais restrito exigido pela casa própria. Toda forma de ganhar mais dinheiro e de economizar vai valer à pena!

6. Considere configurar um plano de economia automatizado

A menos que você seja um poupador por natureza, e a maioria de nós não é na maioria das vezes, você precisará automatizar o processo de economia. Isso significará deixar configurada a transferência do valor recebido no dia do pagamento à sua poupança ou local seguro. 

Ao alocar uma certa porcentagem ou valor em dinheiro do seu pagamento regularmente para entrar diretamente em uma conta poupança ou em uma conta do mercado monetário dedicada a acumular os fundos para seu adiantamento, você estará evitando gastar o seu dinheiro de reserva de maneira consciente. Isso não apenas torna o processo automático, mas também invisível. 

O dinheiro passa do seu salário para a sua conta poupança sem que você veja isso acontecer. Isso removerá a tentação e a capacidade de gastar o dinheiro com outras coisas. Seja fiel aos seus propósitos!

7. Deposite cada ganho inesperado

Você pode facilitar o processo de poupar dinheiro para dar como adiantamento em uma casa - ou até encurtar o processo de economia para reservar dinheiro para a compra de um imóvel - efetuando lucros inesperados periodicamente, como a produção de serviços de consultoria, freelancers ou horas extras. 

Isso também valores que você não esperava receber, e pode incluir restituições de imposto de renda, presentes recebidos, bônus ou grandes cheques de comissão ou até a venda de bens pessoais que estão encostados e você não precisa tanto. 

Ao depositar esses fundos em sua conta poupança de adiantamento, você avança o processo de economizar dinheiro para comprar sua futura casa. 

Depositar regularmente uma boa quantia por ano pode cortar alguns anos do seu período de poupança e será uma ótima forma de reservar dinheiro para sua tão sonhada casa própria. 

A partir daí, você pode começar a dar uma boa olhada em imóveis à venda em Brasília!


Gostou destas dicas? Aproveite e compartilhe este post em suas redes sociais!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os cometários aqui publicados são de inteira responsabilidade dos autores. Este Blog não se responsabiliza pelos comentários postados pelos leitores, que poderão ser responsabilizados e penalizados judicialmente por abuso do direito da livre manifestação.