quarta-feira, 29 de julho de 2020

Dois Thiagos; dois amigos, dois ciclistas e uma única dor




Os corpos dos ciclistas que morreram após serem atropelados por um caminhão na TO-080 nesta terça-feira (28), foram identificados pelo Instituto Médico Legal (IML). 

São eles Thiago Krygsman Horácio, de 35 anos, e Thiago Batista Branquinho Moreira, de 32. Os corpos já foram liberados para velório e enterro.

Os dois eram moradores de Paraíso do Tocantins. 

Thiago Krygsman trabalhava em uma agência bancária e costumava compartilhar fotos da prática de pedal com amigos, por vários lugares. Já o outro, era representante comercial.

Os corpos estão sendo velados em funerárias de Paraíso do Tocantins e devem ser enterrados no período da tarde.

No momento do acidente, os dois estavam passeando e praticando atividades físicas, na descida da Serra do Estrondo. 

A Polícia Militar informou que a carreta seguia no sentido Palmas - Paraíso, quando perdeu o controle e atingiu os ciclistas. 

Com o impacto, um deles teve o corpo carbonizado e uma das pernas amputadas.

Após o atropelamento, o caminhão bateu na encosta da serra e pegou fogo. 

As chamas também atingiram a vegetação nas margens da rodovia, mas foram controladas pelos brigadistas florestais. Os bombeiros informaram que o motorista não foi encontrado no local.

A Polícia Civil informou que o motorista foi identificado e um inquérito será aberto para apurar as causas do acidente. A investigação deverá ser feita pela 62ª delegacia de Paraíso do Tocantins.

Texto e fonte: Agência Tocantins 

Um comentário:

  1. Infelizmente dois jovens sonhadores,e com um futuro que prometia ser brilhante,foi interrompido dessa maneira,que Deus conforte o coração de todos os familiares nesse momento de dor.

    ResponderExcluir

Os cometários aqui publicados são de inteira responsabilidade dos autores. Este Blog não se responsabiliza pelos comentários postados pelos leitores, que poderão ser responsabilizados e penalizados judicialmente por abuso do direito da livre manifestação.