quinta-feira, 2 de julho de 2020

No Tocantins, homem desaparecido pode ter sido devorado por jacarés



Adilson Bernardes de Oliveira, de 48 anos, estava acampado com amigos às margens do Rio Javaés e desapareceu na última quinta-feira, 27 na região do Capão do Coco, localizada no assentamento Loroty.

O local fica, aproximadamente a 100 km do município da Lagoa da Confusão.

O município está a 220 km da capital Palmas. É o portal de entrada da maior ilha fluvial do mundo, a Ilha do Bananal, e do Parque Nacional do Araguaia, primeiro parque ambiental a ser criado no Brasil.

Segundo testemunhas, Adilson Bernardes, natural de Minas Gerais, transparecia perturbado e, por volta das 22h do dia 27, desapareceu do acampamento.

Após, integrantes do acampamento localizaram os chinelos dele na margem do rio.

No dia seguinte a presença de quatro jacarés estarem juntos na outra margem do rio foi percebida por testemunhas que estranharam a atitude do animal que se reúnem apenas quando estão se alimentandos.

Em seguida foi acionado o Corpo de Bombeiros e abateu um dos animais e foi encontrado em seu estômago restos de ossos, que supostamente pode ser de Adilson Bernardes.

Com informações do Portal Atitude

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os cometários aqui publicados são de inteira responsabilidade dos autores. Este Blog não se responsabiliza pelos comentários postados pelos leitores, que poderão ser responsabilizados e penalizados judicialmente por abuso do direito da livre manifestação.