terça-feira, 9 de junho de 2020

Campos Belos (GO) registra mais dois casos de Covid-19; agora são 23



O município de Campos Belos (GO) está se consolidando como o epicentro da pandemia da Covid-19 no nordeste de Goiás e sudeste do Tocantins, com o maior número de pessoas contaminadas pela doença entre todas as cidades da região. 

Para efeito de comparação, Dianópolis (TO), por exemplo registrou apenas dois casos de Covid, assim como Posse (GO), municípios que possuem população equivalentes. 

Já Formosa (GO) registrou 75 casos,  Barreiras (BA) 124 e Luiz Eduardo Magalhães (BA) 74. 

A Secretaria de Saúde divulgou ainda há pouco o boletim epidemiológico, que traz mais dois novos casos confirmados da doença. 

Agora são 23 pacientes confirmados por laboratório portadores do novo coronavírus.

O boletim diz também que ainda há 17 casos suspeitos a espera da confirmação dos exames laboratoriais. 

O pior é que esses números, que não param de subir, indicam que há uma transmissão comunitária no município e que não são apenas pacientes que tiveram algum contato com profissionais de saúde e familiares do idoso que morreu no início de maio, tido como o paciente "01". 

Desde a primeira vítima, em maio, a secretaria já registrou 137 casos notificados como suspeitos. Desses, 96 foram descartados. 

Dos doentes contaminados pela Covid-19 em Campos Belos, um morreu. Uma segunda vítima precisou de ser levada para uma UTI em Goiânia devido às complicações da doença e os demais não precisaram de internação. 

Dos 23 contaminados, 18 estão recuperados e 4 ainda estão em isolamento, com o vírus ainda ativo no corpo. 

2 comentários:

  1. A cidade de Campos Belos, infelizmente o pessoal não estão tendo conciencia da gravidade da doença.

    ResponderExcluir
  2. Eu só queria entender uma coisa, as pessoas que foram contaminadas aqui, não precisaram serem enternadas? Por quê se curararm em casa? Qual é o remédio?

    ResponderExcluir

Os cometários aqui publicados são de inteira responsabilidade dos autores. Este Blog não se responsabiliza pelos comentários postados pelos leitores, que poderão ser responsabilizados e penalizados judicialmente por abuso do direito da livre manifestação.