segunda-feira, 11 de maio de 2020

Novo Alegre (TO) também monta barreira sanitária contra a Covid

 


A preocupação com o letal e altamente contagioso novo coronavírus têm mexido com as rotinas das pequenas cidades do Tocantins e de todo o Brasil.

Antes o vírus parecia ser uma coisa distante, de notícias de TV e de grandes cidades do mundo.

Mas bastou a Covid-19 matar uma pessoa em Campos Belos (GO), que tem apenas 20 mil habitantes, e contaminar outras 12 pessoas, inclusive de cidades vizinhas, que a comunidade parece que acordou para o problemão que a humanidade está lindando, desde dezembro de 2019, quando o novo vírus surgiu numa província da China.

De lá para cá, mais de 4 milhões de pessoas se infectaram em todo o mundo e quase 300 mil já morreram, em pouco mais de 5 meses. 

É uma coisa avassaladora.

A preocupação nossa era chegar nas pequenas cidades do Brasil e nas periferias da grandes, que têm pouca ou nenhuma estrutura séria de saúde pública para lidar com tamanha pandemia.

Como a melhor forma até agora é a prevenção, servidores de Novo Alegre (TO), cidade mais próxima de Campos Belos, também intensificou ações em barreiras sanitárias. 

Lá os profissionais da Secretaria de Saúde, desde o dia 4 de maio, vêm realizando Barreira Sanitária com orientações educativa, verificação de temperatura corporal e borrifação em veículos e locais estratégicos com solução de hipoclorito de 2.0% a 2,5% p/p, a fim de proteger todos os viajantes bem como toda a população local.

Diante da manutenção das medidas protetivas os comércios e a população vêm obedecendo às normas decretada pelo Poder Executivo, que conta com o apoio da Secretaria de Saúde e Polícia Militar.

Além da barreira sanitária, os profissionais de saúde realizam também um trabalho de orientações e distribuição de máscaras a toda a população, já que se tornou obrigatório seu uso no município.

Novo Alegre até momento não registrou nenhum caso, nem mesmo como suspeito.

Mas será difícil evitar. No entanto, com  todo o empenho dos profissionais da Secretaria de Saúde está sendo direcionado a esse objetivo, e que contará com o apoio e compreensão de todos.

"Quando Jesus está no Barco não importa o tamanho das ondas, juntos venceremos, disse um dos fiscais que participa da ação nas duas entradas da cidade.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os cometários aqui publicados são de inteira responsabilidade dos autores. Este Blog não se responsabiliza pelos comentários postados pelos leitores, que poderão ser responsabilizados e penalizados judicialmente por abuso do direito da livre manifestação.