quinta-feira, 7 de maio de 2020

Após confirmação de 9 casos de Covid-19, Prefeitura de Campos Belos (GO) volta atrás e determina fechamento de comércio não essencial


Após confirmação de 9 casos de Covid-19, a Prefeitura de Campos Belos (GO) voltou atrás e determinou fechamento do comércio não essencial. 

A determinação foi publicada ontem à noite, quarta-feira (06), pelo Decreto º 81, que estabelece novas medidas sobre o funcionamento do comércio local.

O Decreto municipal já está em vigor e prevê o fechamento por 10 dias dos estabelecimentos não essenciais.

As medidas restritivas do novo documento visam o isolamento e distanciamento social, para tentar combater a disseminação do novo coronavírus na cidade.

Poderão funcionar os estabelecimentos considerados essenciais, que são especificamente farmácias, clínicas de vacinação, laboratórios de análises clínicas e unidades de saúde, supermercados e congêneres. Ficou expressamente vedado o consumo de gêneros alimentícios e bebidas no local.

Podem funcionar também oficinas mecânicas e borracharias, desde que obedecidos os critérios estabelecendo e postos de Gasolina.

O atendimento presencial em bancos na área interna em horário comercial ocorridas das 09h às 15h, somente poderão ocorrer por agendamento prévio, inclusive nas áreas destinadas ao autoatendimento e adotar medidas para evitar aglomerações.
Os estabelecimentos deverão seguir as recomendações de prevenção e combate ao coronavírus. Aqueles cujas atividades não sejam consideradas como essencial, como serviços de bares, restaurantes, lanchonetes, padarias ou congêneres, somente poderão comercializar seus produtos de forma delivery (entregas), sendo vedado o consumo no ambiente do estabelecimento.

O prefeito também proibiu a realização de festas residências de qualquer natureza.

A população deve adotar ar ações preventivas, como lavar as mãos de maneira adequada, evitar aglomerações, usar máscaras e, principalmente, sair de casa somente quando for estritamente necessário, para assim controlar a disseminação do coronavírus na cidade.
A Secretaria de Saúde do município está orientando a população que tome devidas precauções de contato e distanciamento social.

A única coisa que faltou foi a Prefeitura criar um número de Whatsapp para que as pessoas denunciem aquelas que abusam da proibição e insistem em fazer festas em casa; brincadeiras em piscinas, confraternizações em fazendas - tudo criando aglomerações - ou também aquelas que não tomarem os cuidados devidos, como o uso de máscaras.

Fica o alerta de que publicações desses eventos citados, feitos em redes sociais, são provas incontestes de desobediência e pode render ação penal junto à Justiça Criminal.

O número do Whatsapp para denúncia já existe: (62) 9 8593-1859 (SAU-COVID) ou 190, da PM. (Informação acrescentada)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os cometários aqui publicados são de inteira responsabilidade dos autores. Este Blog não se responsabiliza pelos comentários postados pelos leitores, que poderão ser responsabilizados e penalizados judicialmente por abuso do direito da livre manifestação.