sexta-feira, 31 de janeiro de 2020

Curso Gestor de Turismo das Serras Gerais é realizado no câmpus de Arraias (TO)


Com o intuito de desenvolver habilidades para facilitar o gerenciamento e acompanhamento das ações estratégicas de desenvolvimento do Turismo nos municípios que compõem a região turística das Serras Gerais, está sendo realizado, no câmpus de Arraias, o curso Gestor de Turismo das Serras Gerais. 

O projeto ocorre até esta sexta-feira (31).

O curso é ofertado em quatro polos: Arraias, Dianópolis, Aurora e Natividade. Além desses quatro, também são atendidos os municípios de Almas, Rio da Conceição, Lavandeira e Taguatinga. 

Durante os três dias de curso, os participantes realizam atividades práticas, discutem e aprendem como realizar projetos.

O projeto se encontra na etapa de elaboração de projetos e captação de recursos, que corresponde aos módulos III e IV, com a finalidade de introduzir conhecimentos básicos, visando o fortalecimento e estruturação das regiões turísticas do Tocantins. 

Este módulo será ministrado pela Superintendente de Turismo da Agência do Desenvolvimento do Turismo, Cultura e Economia Criativa (Adetuc), Maria Antônia Valadares.

A coordenadora geral do projeto, professora Valdirene de Jesus, explica que o curso atende àqueles que trabalham de maneira direta com o turismo. 

"Nós temos secretários de Turismo dos municípios, representantes das comunidades e dos conselhos municipais, donos de hotéis e agências, além do mercado da cadeia produtiva. 

Tivemos uma boa adesão. Os oito municípios responderam e ainda indicaram mais pessoas interessadas", disse, acrescentando que o encerramento do curso será ofertado entre os meses de março e abril, com o módulo 'Empreendedorismo'.

Sikerão: um tutorial básico para os diretores de presídio no Brasil


Enel rebate governador de Goiás e afirma já ter instalado rede elétrica em Policlínica de Posse (GO)


A Enel Distribuição divulgou nota nesta quarta-feira (29), afirmando já ter concluído as obras de instalação da rede elétrica na Policlínica de Posse, em resposta ao governador de Goiás, Ronaldo Caiado, que cobrou a empresa em vídeo postado em suas redes sociais.

No vídeo, Caiado diz ter o compromisso de inaugurar a Policlínica em 28 de fevereiro, com a presença do presidente Jair Bolsonaro e do Ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta. 

“Nós estamos aqui com um transformador de 750 KVA, já pronto para fazer funcionar toda a nossa aparelhagem, de ressonância magnética a raio X, a todos os outros aparelhos, mas até agora a Enel não apareceu”, declara.

Em resposta, a Enel afirmou que as obras estão concluídas desde agosto de 2019, com tudo pronto para energizar a unidade de saúde. 

Para isto, no entanto, segundo a companhia de energia, é necessário que Secretaria da Saúde finalize a obra de subestação responsável por atender a unidade.

Confira, na íntegra, a nota da Enel:


"A Enel Distribuição Goiás informa que finalizou em 07 de agosto de 2019 a construção da rede elétrica para atender a Policlínica de Posse. 

A empresa reforça que, desde então, a obra da distribuidora está pronta para energizar a unidade de saúde. 

Para que a Policlínica seja conectada à rede elétrica, a Secretaria de Saúde precisa finalizar a obra da subestação que atenderá a unidade, que é de responsabilidade da própria instituição.

A Enel Goiás está em contato com representantes da Secretaria para prestar todo apoio necessário e realizar a vistoria e a energização da Policlínica. 

A companhia aguarda a conclusão da obra pela Secretaria de Saúde para que a unidade esteja em condições adequadas para ser energizada.

A Enel Goiás construiu uma rede elétrica nova de alto padrão para atender a Policlínica, além de substituir cabos antigos por outros mais resistentes para garantir a confiabilidade do fornecimento. 

A empresa atuou de forma a antecipar todos os prazos e exigências para conectar a unidade de saúde à rede de distribuição de energia, ainda em 2019."

Fonte: Sagres

Vídeo do Dia: Carreta roda em rodovia próximo a Campos Belos (GO)


Prefeito de Posse (GO) rebate Caiado e diz que Estado cancelou convênio para obra em avenida



O prefeito de Posse, Wilton Barbosa (PSDB), disse à Sagres 730 nesta quinta-feira (30) que a Avenida JK, onde fica a policlínica estadual a ser inaugurada no município, está esburacada e com atoleiros porque o governo do Estado cancelou o convênio Goiás na Frente, que havia destinado R$ 5 milhões para infraestrutura no município.

Segundo o prefeito, o governo de José Éliton, que é do município e seu aliado político, liberou R$ 3 milhões do convênio que ele usou para construir a galeria pluvial. 

No entanto, afirmou, faltaram R$ 2 milhões que seriam usados para ligar as bocas de loco à galeria e asfaltar a avenida, o que não aconteceu porque o Estado cancelou Goiás na Frente, criado pelo governo de Marconi Perillo (PSDB).

“Eu passei o ano todo tentando uma audiência com o governador Ronaldo Caiado e não consegui. Sem o convênio a prefeitura não tem os recursos para concluir a obra”.

Em vídeo divulgado em suas redes sociais nesta quarta-feira (29) o governador mostrou as péssimas condições da avenida e cobrou solução da prefeitura para sua trafegabilidade, já que o presidente da República, Jair Bolsonaro, confirmou presença na inauguração da policlínica dia 28 de fevereiro. 

No mesmo vídeo, Caiado também cobrou da Enel a implantação da rede de energia elétrica. 

Em nota, divulgada ontem, a distribuidora informou que concluiu em 7 de agosto a construção da rede de energia e que a ligação entre o posto e a subestação interna da clínica é responsabilidade do Estado.

Fonte: Sagres

Polícia Civil do DF abre inscrições para 300 vagas; Salário mais de R$ 8mil



Após muita espera dos concurseiros, o período de inscrições da Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF), desde  quarta-feira (22/1).

São 300 vagas para escrivães, destinadas a quem tem formação superior em qualquer área, com remuneração de R$ 8.698,78.

Os aprovados exercerão jornadas de trabalho de 40 horas semanais.

As inscrições podem ser realizadas até as 18h de 10 de fevereiro, pelo site www.cebraspe.org.br.

O valor da taxa de participação é de R$ 199. 


O pagamento deve ser realizado até 12 de fevereiro. Poderão participar candidatos que possuem graduação em qualquer área de formação e Carteira Nacional de Habilitação, na categoria "B" ou superior.

A seleção será realizada por prova objetiva, prova discursiva, prova prática de digitação, exames biométricos, avaliação médica, prova de capacidade física, avaliação psicológica, sindicância de vida pregressa e investigação social. Também haverá curso de formação profissional.

Todas as etapas serão realizadas no Distrito Federal.

Para ajudar nos estudos para a seleção, o Papo de Concurseiro disponibiliza abaixo um simulado gratuito.

O professor de legislação penal do Gran Cursos Online e policial legislativo do Senado Federal, Diego Fontes, preparou 10 questões comentadas, de CERTO e ERRADO, sobre o conteúdo de legislação. Confira aqui!

Fonte: Correio Web

Em Brasília, mortes por câncer de colo de útero aumentam 25%, em dez anos


Na contramão mundial, o Brasil tem observado contínua escalada no número de mulheres vitimadas pelo câncer de colo útero ano após ano. 

De acordo com a FEBRASGO (Federação Brasileira das Associações de Ginecologia e Obstetrícia), a doença é altamente prevenível e tratável. 

Contudo, no país, o enfretamento da doença encontra obstáculos no elevado número de mulheres que não realizam exames preventivos periodicamente, na escassez de centros especializados no tratamento do câncer e na reduzida cobertura da vacinação contra o HPV (Papilomavírus Humano), principal agente causador da neoplasia. 

Dados do Inca (Instituto Nacional do Câncer) revelam que o câncer de colo de útero é o terceiro tumor maligno mais frequente em mulheres e a segunda causa de morte por neoplasias na população feminina.

O ginecologista Dr. Jesus Paula Carvalho, presidente da Comissão Nacional Especializada em Ginecologia Oncológica da Febrasgo, explica que a forma mais eficaz de prevenção do câncer de colo de útero se dá por meio da vacinação contra o HPV. 

A vacina distribuída pelo SUS (Sistema Único de Saúde) protege contra quatro tipos do vírus: 6, 11, 16 e 18 – sendo os dois últimos relacionados a 70% dos casos de câncer de útero. 

“A Febrasgo tem defendido que para uma ação efetiva, a cobertura vacinal seja de 90%. Hoje é de 46%”. 

O especialista ainda explica que a vacina contra HPV deve em um cenário ideal ser ministrada em três doses para completa ação protetiva, porém duas doses têm se mostrado suficientes. 

Segundo ele, seria importante que todas elas fossem aplicadas nas escolas. “Hoje, para tomar a última dose da vacina, é necessário buscar uma unidade de saúde, o que tem gerado evasão. É importante irmos até os jovens para garantir essa prevenção. 

E as escolas poderiam ser esse local”. Mulheres de 09 a 45 anos podem se vacinar contra o HPV. 

A vacina está disponível gratuitamente nas unidades básicas de saúde para meninas de 9 a 14 anos e para meninos de 11 a 13 anos. Para os homens, indica-se que a prevenção ocorra até os 26 anos. 

Quanto mais precocemente ocorrer, maior o potencial de a proteção ocorrer antes que a pessoa tenha contato com o vírus.

A dificuldade de acesso ou hábito de se consultar regularmente com profissionais de ginecologia é outro entrave à prevenção, identificação e, consequente, tratamento do câncer cervical uterino. 

Pesquisa da Febrasgo, realizada em 2018, revelou que 13% das mulheres, com mais de 16 anos, nunca foram ou não costuma ir ao ginecologista. 

Outro dado que incide negativamente no combate à doença aponta que 60% da população feminina chegam, pela primeira vez, ao consultório do ginecologista com cerca de 20 anos de idade em decorrência de algum problema instalado, por suspeita de gravidez ou por já estar grávida.

O Dr. Carvalho sugere que uma forma de incentivar a procura por acompanhamento médico preventivo seria atrelá-lo a programas sociais, como o Bolsa Família. 

“Cerca de 1/3 das mulheres não realizada o exame de prevenção do câncer de colo de útero, o Papanicolaou. 

Ao colocá-lo como uma das contrapartidas de acesso a esse tipo de programa, teremos mais condições de promover um rastreamento da doença, além de orientar e ajudar a prevenir outras patologias”.

Enel Distribuição Goiás anuncia novas turmas para curso de formação de eletricistas no Senai


A Enel Distribuição Goiás está investindo na formação de eletricistas em todo o Estado. 

Com o objetivo de qualificar a mão de obra de profissionais, a companhia firmou uma parceria com o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai) para oferecer gratuitamente cursos aos interessados em trabalhar em rede elétrica. 

Na última quarta-feira (29), o Presidente da Enel Distribuição Goiás, José Luis Salas; o Presidente da Federação das Indústrias do Estado de Goiás (Fieg), Sandro Mabel; e o Diretor Regional do Senai, Paulo Vargas, entregaram o certificado aos novos eletricistas formados nas duas primeiras turmas de dezembro e anunciaram seis novas turmas para o próximo mês: uma em Goiânia, uma em Aparecida de Goiânia, duas em Anápolis e uma em Catalão.

Os cursos são custeados pela Enel Distribuição Goiás, que também construiu oito centros de treinamento em unidades do Senai no Estado. 

As aulas são ministradas pelos professores do Senai e a expectativa é formar profissionais qualificados e ainda criar um banco de candidatos que poderá preencher futuras vagas nas empresas parceiras da Enel. 

Desde que assumiu a distribuição de energia em Goiás, a Enel está trabalhando fortemente para a criação de uma cultura de segurança entre seus colaboradores próprios e parceiros.

Durante o evento, o Presidente da Enel Distribuição Goiás ressaltou que o programa de formação de mão de obra reforça o compromisso da empresa com o Estado e reforçou que os cursos serão contínuos. 

“Nosso objetivo é abrir novas turmas a cada mês. Qualquer pessoa maior de 18 anos, com o ensino fundamental completo, pode procurar uma unidade do Senai nas cidades selecionadas e se inscrever para o curso. Em seguida, a instituição fará um processo seletivo e os aprovados começarão a formação”, explica.

O projeto teve início em setembro de 2019 e formou 65 alunos em três turmas, deste total cerca de 75% já foram contratados por empresas parceiras e os outros estão em fase de contratação. 

Com a abertura das seis novas turmas, os interessados devem procurar as unidades do Senai com os documentos pessoais e um comprovante de endereço para se cadastrarem. 

Em seguida, o Senai promoverá um processo seletivo e os alunos aptos iniciarão o curso. Caso o número de candidatos seja maior do que o número de vagas, os interessados ficarão em uma lista de espera e serão chamados assim que novas turmas se abrirem. 

O projeto é contínuo e a ideia é que novas turmas sejam formadas ao longo do ano.

Para viabilizar os cursos, a companhia investiu cerca de R$ 2,5 milhões para a construção de oito centros de treinamento e para custear os cursos para a formação de eletricistas nos próximos anos. 

Em cada centro, a distribuidora instalou postes, transformadores, caixas de medidores e cabos iguais aos que são utilizados nas redes de média e baixa tensão, além de postes de 4 metros de altura, chamados de postes miniaturas, que são utilizados pelos novos eletricistas no início dos treinamentos. 

“Essas réplicas da rede de distribuição fazem parte da didática utilizada para que os futuros eletricistas coloquem em prática todo o aprendizado obtido em sala de aula, garantindo que esses profissionais saiam do curso com a qualificação necessária para atuar em qualquer uma de nossas parceiras”, afirma Salas.

Inscrições

Qualquer pessoa maior de 18 anos pode ingressar no curso, que é totalmente custeado pela distribuidora, e tem duração de 368 horas, cerca de dois meses e meio, contemplando os cursos de Formação de Eletricista, Norma Regulamentadora 10 e 35, Direção Defensiva e Segurança na Operação e Manuseio de Motosserras e Moto Podas. 

As oportunidades estão disponíveis em centros de treinamentos localizados nos municípios de Goiânia, Aparecida de Goiânia, Anápolis, Jataí, Catalão, Itumbiara, Niquelândia e Quirinópolis. Essa é mais uma ação que reforça o compromisso da Enel por Goiás.

Novo Centro de Treinamento Avançado

A distribuidora também está investindo na construção de um Centro de Treinamento Avançado em parceria com a Fieg e o Senai. 

O principal objetivo do novo centro será formar mão de obra especializada para atuar nos mais modernos tipos de rede de energia e capacitar os profissionais reforçando a cultura de segurança, que é um dos principais pilares do Grupo Enel.

O Centro de Treinamento Avançado terá capacidade para atender cerca de 100 alunos por dia. 

No espaço, também será instalada uma rede completa, com toda cadeia de distribuição de energia, desde a alta tensão até os medidores, possibilitando que os principais elementos que compõem a rede ou o sistema possam ser estudados ou visitados, como cabos, postes, equipamentos de medição inteligente, transformadores e um laboratório de telecontrole.

Confira os contatos e os locais dos centros de treinamento:

Senai Goiânia – Rua Armogast J. Silveira, nº 612 – Setor Centro Oeste.

Contato – Wanessa Lourenço / (62) 3226-4500.

Senai Aparecida de Goiânia – Rua dos Pirineus, quadra 01, lote 01 – Setor Residencial Village Garavelo.

Contato – José Antônio Lobo Filho / (62) 3236-6900.

Senai Anápolis – Av. do Estado, quadra 40, Parque Residencial das Flores.

Contato – Pedro H. Neves / (62) 3902-6200.

Unidade Integrada Sesi Senai Rio Verde – Rua Guanabara, n° 217.

Contato – (64) 3624-4400

Senai Jataí – Av. Veriano de Oliveira Lima, nº 1.861 – Bairro Dom Benedito.

Contato – Tays Almeida / (64) 3632-4027.


Senai Quirinópolis – Rodovia GO 164, km 10 – Setor Agroindustrial.

Contato – Jefferson Monte de Carvalho / (64) 3513-9552.


Senai Catalão – Av. Doutor Lamartine P. Avelar, nº 1.400 – Setor Universitário.

Contato – Márcio Mendes / (64) 3411-1065.


Senai Itumbiara – Av. Olivia Fagundes, nº 32 – Setor Oeste.

Contato – Ricardo Tirone / (64) 3432-2500.


Senai Niquelândia – Av. Brasil, quadra 26/27, Conjunto Habitacional Codemin – Jardim Atlântico.

Contato – Fernanda Cortês / (62) 3354-1802 / (62) 3354-1750.


Escola Senai Sama – Mina Cana Brava, Caixa Postal 04 – Minaçu.

Contato (62) 3379-8000 / 3379-8001

Sobre a Enel Distribuição Goiás


A Enel Distribuição Goiás, subsidiária da multinacional italiana Enel, serve a 237 municípios do Estado de Goiás, abrangendo 98,7% do território estadual, com cobertura de uma área de 336.871 km². 

A Região Metropolitana de Goiânia representa a maior concentração do total de 3 milhões de clientes atendidos pela companhia.

Filmes sobre o caso Richthofen ganham pôster e vídeo teasers


Materiais antecipam a divulgação do trailer de “a menina que matou os pais” e “o menino que matou meus pais”, marcada para segunda-feira



A Galeria Distribuidora acaba de divulgar um pôster digital animado e um teaser com as primeiras cenas de “A Menina que Matou os Pais” e “O Menino que Matou meus Pais”, filmes baseados nos depoimentos de Suzane von Richthofen e Daniel Cravinhos durante o julgamento do assassinato dos pais dela. 

Para assistir ao vídeo, clique aqui. Para baixar o pôster em alta, clique aqui.

O lançamento dos dois materiais serve de aquecimento para a divulgação do trailer e dos cartazes oficiais do filme, que está marcado para a próxima segunda-feira, 3 de fevereiro.

Com filmagens realizadas durante sete semanas na cidade de São Paulo, os filmes têm roteiro de Ilana Casoy (autora de “Casos de Família: Arquivos Richthofen”, também sobre o caso) e Raphael Montes, com base nos autos do processo. 

A direção é de Maurício Eça, com produção da Santa Rita Filmes e coprodução da Galeria Distribuidora e do Grupo Telefilms.

No elenco estão Carla Diaz (Suzane von Richthofen), Leonardo Bittencourt (Daniel Cravinhos), Allan Souza Lima (Cristian Cravinhos), Leonardo Medeiros (Manfred von Richthofen), Vera Zimmermann (Marísia von Richthofen), Debora Duboc (Nadja Cravinhos), Augusto Madeira (Astrogildo Cravinhos) e Kauan Ceglio (Andreas von Richthofen).

A estreia simultânea de “A Menina que Matou os Pais” e “O Menino que Matou meus Pais” está prevista para 2 de abril.

quinta-feira, 30 de janeiro de 2020

Pais e estudantes de Combinado (TO) fazem protesto contra saída de professoras de escola


"Boa tarde Dinomar Miranda,

Venho por meio deste contar com seu apoio e influencia em prol desse protesto movido pelos pais e alunos do Colégio Joaquim de Sena e Silva, da Cidade de Combinado Tocantins região sudeste do Tocantins .

Por questão de política essas professoras , estão sendo substituídas da UE cujos alunos e pais estão adaptados ao seu processo ensino aprendizagem.


Nós, pais e alunos, estamos em protesto pela volta das professoras Mairy Rosa, Érica e Wigna. 

Não desmerecendo as possíveis substitutas, com certeza são excelentes profissionais, mas gostaríamos que respeitassem nossos direitos quando nos impõem outros profissionais com os quais teremos que nos adaptarmos.

E nesta altura do processo, seriamos lesados no quesito ensino-aprendizagem, uma vez que já nos adaptamos às metodologias, critérios avaliativos, convivência, carinho e respeito mútuo das nossas professoras anteriores. 

Assim, pedimos às autoridades competentes q reavaliem suas indicações. 

Somos os maiores interessados e consequentemente os maiores prejudicados com essas mudanças. 

Queremos garantir nossos direitos! #voltemprofessorasMairyEricaWigna."

Eleições municipais: Em Arraias, Wagner Gentil vai à reeleição mas sai do PSDB; Cacildo e vereador Herman são cotados para disputa


Eleito pelo PSD em 2016, o prefeito de Arraias, Wagner Gentil, foi para o PSDB, mas deve disputar a reeleição por outro partido. 

Ele contou à Coluna do CT que está fechando com seu grupo para onde deve seguir.

Cacildo pode disputar

Outra forte corrente de Arraias é a do ex-prefeito e ex-deputado estadual Cacildo Vasconcelos (Progressistas), que pode voltar a disputar o Paço. 

Ele já administrou a cidade por duas vezes e sua esposa, Marizeth Vasconcelos, por um mandato.

Também é pré-candidato a prefeito o vereador Herman Gomes de Almeida (Republicanos). 

Ele disse à Coluna o CT que pode mudar de partido, caso seja necessário, e disputar a prefeitura por outra sigla.
Terceira via ou polarizado

Herman avaliou que se Cacildo levar sua candidatura adiante será terceira via nesse processo eleitoral. 

“Do contrário, a disputa será polarizada entre minha candidatura e a do atual prefeito”, avisou. Ele sempre fez oposição a Wagner Gentil.

Fonte: Coluna CT 

Deu na TV Brasil Central: Campos Belos (GO) ganha um vapt-vup e uma policlínica, com hemodiálise

Vídeo do Dia: Um grito pelo povo


Justiça do Tocantins determina realização de concurso para os colégios da Polícia Militar


O juiz José Maria Lima, da 2ª Vara da Fazenda e Registros Públicos de Palmas, determinou a realização de concurso para selecionar alunos para seis Colégios da Polícia Militar em cinco cidades. 

A medida vale para as duas unidades de Palmas e também para as escolas que ficam em Araguaína, Arraias, Araguatins e Colinas do Tocantins.

A medida é liminar e cabe recurso. O juiz aceitou os argumentos apresentados pela Defensoria Pública Estadual de que a realização do processo seletivo está prevista em lei. 

A lei em questão é de 2012, mas no ano passado a Secretaria de Educação anunciou que a entrada nestas escolas seria por meio do Sistema Informatizado de Matrículas da rede estadual.

Na decisão, o magistrado afirma que a instrução normativa da secretaria não “possui o condão de substituir ou revogar Lei”. 

O prazo para a realização dos processos seletivos é de 20 dias.Os processos seletivos das escolas militares mais recentes foram muito concorridas. 

No fim de 2018, quando foram disponibilizadas 956 vagas em sete unidades, houve inscrição de 3,5 mil estudantes. 

A decisão de não realizar mais os concursos desagradou pais e estudantes, que fizeram até protestos contra a medida na sede da Seduc.

Com informações do Surgiu

Arraias (TO): UFT divulga resultado do Vestibular 2020 de Direito via Enem


A Universidade Federal do Tocantins (UFT) divulgou nesta quarta-feira, 29 de janeiro, o resultado do Vestibular 2020 de Direito para o campus Arraias.

Veja o resultado

Os aprovados devem se matricular nos dias 3 e 4 de fevereiro. As matrículas são presenciais e os aprovados devem levar todos os documentos descritos no edital

Novas chamadas devem ser realizadas nos dias 7 e 18 de fevereiro.
Seletiva

A UFT realizou a avaliação dos candidatos por meio das notas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) das edições de 2018 e 2019. As notas foram avaliadas conforma o peso das disciplinas.

A oferta do vestibular foi de 40 vagas gratuitas para o curso de Direito do campus Arraias, em Tocantins. 

As oportunidades foram divididas entre ampla concorrência (16); Lei de Cotas para escolas públicas (22); Ações Afirmativas da UFT (4).

Para mais informações acesse o Site da UFT ou consulte o edital.

Juiz de Campos Belos (GO) suspende multa aplicada a motorista com veículo que tem quilometragem menor que a distância até o local da infração


O Juiz Fernando Marney Oliveira de Carvalho, da Vara das Fazendas Públicas de Campos Belos, determinou a suspensão de multa aplicada a um motociclista que não esteve no local da infração. 

Ao pedir antecipação de tutela, o motorista demonstrou que a quilometragem do veículo é menor que a distância entre a cidade de origem até o local onde foi lavrada a multa pela Agência Goiana de Infraestrutura e Obras (Goinfra).Advogado Rubens Rosa Júnior.

Ao conceder a antecipação de tutela, o juiz determinou, ainda, a suspensão da multa e pontuação imputadas ao motorista, com todos seus efeitos, inclusive os pecuniários e sancionatórios, bem como as pontuações imputadas ao autor. O motociclista é representado na ação pelo advogado Rubens Rosa Júnior.

O motociclista narra que, recentemente, foi multado por ultrapassar em local proibido. 

A ultrapassagem pela contramão da linha de divisão de fluxos, teria ocorrido na GO 139 (Km 33 Marzagão, Corumbaíba). Assim, a distância entre a cidade em que mora, Campos Belos de Goiás, até o local da suposta infração, seria de 738,5 quilômetros.

Ocorre que a quilometragem da motocicleta em questão, que foi adquirida em Campos Belos de Goiás, é de 558,5 quilômetros. 

O motorista apresentou nota fiscal que comprova a aquisição. Ou seja, ele não percorreu a distância até o local da infração. O motociclista tem tentado, pela via administrativa, reverter a penalidade por acreditar ter sido aplicada erroneamente. Mas não obteve êxito.

A defesa do motorista observa, ainda, que não houve a abordagem do suposto infrator, fato que deveria ter sido o procedimento correto, para o caso em tela. Além disso, ao que tudo indica, o agente errou a anotação da placa do veículo. 

E, possivelmente, a infração tenha sido cometida por um caminhão de transporte de cargas químicas perigosas, visto o alegado no próprio auto de infração.

Ao analisar o caso, o magistrado disse que a probabilidade do direito do autor encontra-se demonstrada nos autos pelos documentos apresentados pelo autor. 

Sobretudo pela notificação da autuação da infração, pela foto do velocímetro e nota fiscal de entrega da motocicleta, indicando real possibilidade do veículo do autor não ter trafegado na via em que supostamente ocorreu a infração de trânsito.

O risco de dano irreparável também está presente, uma vez que o inadimplemento da multa pelo autor, mantida até o final do deslinde do feito, poderá lhe causar prejuízos e até mesmo anotação de seu nome no cadastro de inadimplentes.

Processo: 5469559.23.2019.8.09.0026

Fonte: Rota Jurídico 

quarta-feira, 29 de janeiro de 2020

Caiado anuncia R$ 13 milhões para policlínica em Campos Belos (GO)


O governador Ronaldo Caiado deu uma boa notícia aos moradores de Campos Belos, que vivem diariamente a aflição resultante de anos de descaso, por parte dos governos anteriores, com a saúde no interior do Estado. 

O município localizado a mais de 600 quilômetros de Goiânia, na fronteira com o Tocantins, vai ser um dos contemplados com uma das 17 policlínicas previstas pela gestão estadual, que vão revolucionar a rede de atendimento fora do eixo Goiânia-Anápolis.

“Meu compromisso, como médico e como governador, é trazer a regionalização da Saúde, para que as pessoas possam ter facilidade e condição de acesso aos atendimentos com dignidade. Minha missão é salvar vidas, não negociá-las. 

Assim, vou implantar uma policlínica aqui”, anunciou o governador nesta terça-feira (28/1), durante a solenidade de inauguração do Vapt Vupt do município. Imediatamente após o evento, o governador participou de uma reunião com o prefeito, Eduardo Terra, e outras autoridades para discutir o projeto.

De acordo com o secretário de Estado da Saúde, Ismael Alexandrino, a entrega da policlínica de Campos Belos está prevista para 2021, com um investimento total de R$ 13 milhões, sendo R$ 8 milhões investidos na obra e R$ 5 milhões em equipamentos. 

“O prefeito ficou de olhar a área mais adequada, porque será um foco regional e nós precisamos que seja de fácil acesso”, explicou o secretário. Ismael disse ainda que a estrutura deverá ter em torno de 4 mil m², com capacidade de atenção especializada a mais de 12 especialidades médicas e seis não-médicas, além de diagnóstico por imagem e laboratorial.

Não é de agora que Caiado abraçou a causa da população. Antes mesmo de ser eleito para o governo, ele já acompanhava e se mostrava preocupado com os problemas enfrentados pelo município. 

“Em vários discursos, me pronunciei sobre a situação de Campos Belos. Não podemos ter um Goiás desenvolvido e um Goiás onde as pessoas não têm sequer condição, por ter uma insuficiência renal, de ter qualidade de vida”, disse apontando para os cartazes de moradores indignados.

Uma das que ostentavam as faixas era Joelma de Souza Real, filha de José de Souza Vaz, paciente mais idoso da lista, com 87 anos. Ao todo, a cidade tem 57 pacientes na lista de hemodiálise. 

O paciente mais novo tem 16 anos. “Estamos nesta luta para trazer um centro de hemodiálise. Toda região sofre precisando desse tratamento. Os pacientes precisam se deslocar até Formosa; são 800 quilômetros ida e volta, e mais 4 horas na máquina que eles ficam”, frisou Joelma.

O governador ponderou que, apesar das evidentes dificuldades pelas quais o governo passa, saberá priorizar a vida e a dignidade do cidadão no Estado de Goiás. Para isso, pontuou, tem contado com amplo apoio do presidente Jair Bolsonaro. 

No entanto, tudo será feito com muita responsabilidade. “Vamos fazer tudo dentro de um cronograma correto, com detalhes de dia para iniciar e acabar, para que as pessoas não se sintam enganadas e usadas, principalmente numa situação como essa, onde estão acometidas com problemas de saúde”, refletiu Caiado.

Vistoria da GO-452

Antes de partir de Campos Belos, o governador se deslocou com sua comitiva até o trecho onde se iniciarão as obras da GO-452, que liga o município de Campos Belos ao seu distrito de Pouso Alto, a 30 quilômetros de distância. 

Ao todo, a rodovia possui 59 quilômetros que estão em situação crítica. “Vejam vocês os atoleiros”, indignou-se Caiado ao chegar ao local. “Estamos há mais de 20 anos sem manutenção. 99% da população de Pouso Alto depende desta rodovia para ter acesso à Bahia e está sitiada”, destacou o vereador Rodrigo Ferreira.

O presidente da Goinfra, Pedro Sales, destacou a importância econômica desta intervenção para a comunidade. “Terminamos a expedição de uma ordem de serviço para a completa recuperação dessa rodovia não pavimentada. 

Acreditamos que em breve, 90, 120 dias no máximo, ela estará em total e plena condição de trafegabilidade, contribuindo para o desenvolvimento da região”, prospectou.

O trecho vai passar por serviços de topografia, em primeiro lugar, para dar trafegabilidade às áreas mais difíceis. 

“Depois será providenciado o levantamento do leito da rodovia (greide), dando condições para que os produtores rurais e pessoas que moram na região e todo o povoado aqui possam ter condições de ter novamente condições de acesso.

“Não temos condições, ainda, de fazer o asfaltamento dela, mas numa junção de forças, do prefeito, produtores rurais e do governo do Estado, já vamos dar uma melhorada e torná-la transitável nos próximos dias. Tudo isso dentro de um esforço da comunidade, vendo que, nós juntos, podemos reconstruir o Estado de Goiás”, concluiu Caiado.

Fonte: DM 

terça-feira, 28 de janeiro de 2020

Gravado em vídeo: Caiado diz que vai construir uma policlínica em Campos Belos (GO)



Cercado por dezenas de moradores e parentes de pacientes que necessitam filtrar o sangue diariamente para não morrer, o governador de Goiás, Ronaldo Caiado, disse, em alto e bom som, gravado em vídeo, inclusive, que vai construir uma policlínica em Campos Belos. 

E dentro dela, em anexo, o Centro de Hemodiálise, para dar qualidade de vida às centenas de moradores da região que precisam todos os dias enfrentar uma máquina de hemodiálise para filtrar o sangue. 


Muitos deles, velhinhos e sem saúde, às vezes precisam percorrer cerca de 800 quilômetros diário. Um sofrimento que beira a uma tortura. 

Um desses pacientes de Campos Belos, há poucos meses, desistiu do tratamento e, em razão disso, morreu pouco tempo depois.

Após a inauguração do vap-vup na cidade, Caiado visitou uma área doada pela prefeitura de Campos Belos para abrigar as futuras instalações da policlínica.

Amanhã, junto com o presidente Jair Bolsonaro, Caiado inaugura a policlínica de Posse (GO), cidade também situada no nordeste goiano.

Nos discursos, que você pode acompanhar aqui, Ronaldo Caiado apenas não disse quando começará as obras. 


Falou das dificuldades financeiras do estado, mas que irá encontrar uma saída para começar e terminar o empreendimento.

Como "gato escaldado tem medo de água fria" e  como 2020 é ano de eleições, o eleitor-cidadão tem de ficar com o olho bem aberto com esse tipo de promessa.

A boa nova é que elas estão gravadas e ficarão aqui no Blog para futuras cobranças.






Presidente da Goinfra diz que pavimentação da rodovia entre Divinópolis e Monte Alegre (GO) será feita assim que terminar as chuvas



Em mais uma promessa, que as comunidades do nordeste goiano têm como compromisso do Governo Estadual, o presidente da Goinfra (Agência Goiana de Infraestrutura), Pedro Henrique Sales, ao lado do deputado estadual Paulo Trabalho e do prefeito de Divinópolis de Goiás, Charley Tolentino, deixaram gravado, em vídeo, que, ao terminar as chuvas, a GO-447 será totalmente pavimentada.


A obra tem importância fundamental para a região e segundo 
Pedro Henrique Sales sua conclusão é uma unanimidade no governo de Caiado.

Vamos esperar.

Decepção: Governador vai a Pouso Alto, mas não fala em pavimentação da GO-452, que liga Campos Belos (GO) à Bahia


O sentimento, em princípio, foi de decepção.

O governador de Goiás, Ronaldo Caiado, esteve hoje (28) em Campos Belos, extremo nordeste de Goiás, e se deslocou até o Distrito de Pouso Alto, divisa com o estado da Bahia.

Para quem esperava que ele anunciasse a pavimentação da rodovia GO-452, uma ponta de ligação com a Bahia e com a BR-020, grande corredor do Oeste Baiano, se decepcionou. 


Nada. Nem promessa.

Mesmo conferindo in locun as dificuldades do tráfego local, Caiado apenas mandou arrumar atoleiros, de imediato, e, num futuro próximo, prometeu o levantamento da rodovia, em cascalho. 


Levantamento, diga-se, é muito diferente de asfaltamento (pavimentação), que é uma promessa tão antiga quanto a água doce do Rio Mosquito, que, a propósito, nem foi tocada nos discursos, mesmo com os canos da Saneago apodrecendo em um terreno baldio da cidade. 

Pelo visto, o "Corredor da Miséria" continua sem prioridade do governo estadual.

Sikêrão agora está em rede nacional; acompanhe o primeiro programa



Para rivalizar com Luiz Bacci, no Cidade Alerta (Record), e com José Luiz Datena, no Brasil Urgente (Band), a RedeTV! vai transmitir em rede nacional, a partir desta terça-feira (28), o Alerta Amazona, programa policial, tal qual os concorrentes do horário, mas que se difere pelo humor.

Sucesso na TV A Crítica de Manaus e com boa repercussão nas redes sociais, o jornalístico comandado por Sikêra Júnior, 53, e seu elenco de apoio, vai manter a mesma estrutura e forma de apresentação, mudando apenas o nome para Alerta Nacional.

Autêntico e sem papas na língua, Júnior diz que está com medo de aparecer para o Brasil inteiro. 

Nunca, com quase 35 anos de experiência, ele havia tido essa chance, e a nova oportunidade o assusta um pouco, mas diz que tem muito respeito pelos concorrentes.

“Vou chegar pianinho. As pessoas não têm ideia da pressão que eu sinto. Estou aperreado, com medo mesmo. Tem gente falando que vou derrubar a Globo, ganhar do Datena, do Bacci. TV, para mim, é hábito, leva tempo. E esses caras são consolidados. Não tenho meta na RedeTV!”, diz o apresentador.

Para ele, a melhor estratégia nesse começo é galgar espaço aos poucos. “É um início. Se não der certo eu sei voltar para casa, o GPS está pronto. Agradeço ao Brasil e tchau. Não vou passar por cima de ninguém”, completa.

A atração é exibida há seis meses na TV A Crítica, que é uma emissora independente e que até 2019 era afiliada da Record, em Manaus. Ela pertence a um grupo que agora é dono da afiliada da RedeTV!, no estado.

Desde o começo, ou melhor, desde o primeiro dia em que Sikêra Júnior pisou no estúdio, o Alerta Amazonas tem notícias policiais com brincadeiras no palco. É uma forma de levar a informação dura, mas de uma forma que prenda o telespectador e o faça rir após um dia cansativo de trabalho.

PARA FRENTE DAS CÂMERAS

Para Sikêra Júnior, de nada adiantaria fazer o mesmo programa que várias outras pessoas já fazem. Ele precisava de um diferencial. Por isso, em vez de contratar humoristas e atores, pinçou algumas pessoas da produção e deu apelidos a todos eles.

Naquele momento, auxiliares, ajudantes, câmeras e contrarregras ganhavam nomes, rostos e novas funções na empresa. 

Todos entram na brincadeira, seja ela para dançar no ar, fazer um merchan com tinta caindo na cabeça, pintar o cabelo ao vivo ou fazer uma corrida de patins com um foguete implantado nas rodinhas. O que vale é o entretenimento.

“Acredito que o cara de casa preste atenção nos dois [notícias e zoeiras]. Na TV canso de ver gente remoendo desgraça. O brasileiro já tem muito problema, ele quer se divertir”, opina Júnior. “Quando tem de falar sério, a gente fala, mas logo volta a diversão”, pondera.

No elenco de apoio os personagens mais conhecidos do público e que sempre dão as caras em vídeos compartilhados nas redes sociais são: Michelle Obama, Thammy Gretchen, Toalha Podre, Samurai e Jumento (um deles se veste como o animal).

O jeito descontraído no estúdio e até fora dele, como em um quadro de desafios propostos pelos internautas, às sextas, vai continuar, agora para todo o Brasil, no Alerta Nacional. Mas tudo o que é feito, diz Júnior, é conversado previamente com cada integrante para que ninguém se sinta humilhado.

“Tenho receio de perder a linha, sim, tanto que já perdi várias vezes. Já errei a mão. E quando eu erro, eu peço desculpas no ar. Mas depois que cai na internet, esquece. A internet é meu pior juiz”, diz Júnior.

O elenco, aliás, já consegue colher frutos da fama -eles conseguiram patrocínios e já colecionam fãs nas redes sociais. Até shows, eles fazem junto com o próprio Sikêra Júnior. 

‘O que eu ouço deles é que estão muito felizes. Houve uma mudança grandiosa na vida de cada um. Eram todos auxiliares de câmeras, com exceção do Samurai”, diz o apresentador.

“Thammy Gretchen [que leva esse nome por ser parecido com o filho da rainha do rebolado] tinha sido contratado para abrir portas, e hoje é um dos mais famosos, está ganhando uma grana, celular. Eu só peço a eles que sejam inteligentes e não troquem tudo isso por pizza ou sanduíche”, completa Júnior.

E o jeito descontraído atingiu até os patrocinadores do programa. De um tempo para cá, Sikêra Júnior começou a usar o elenco para anunciar os produtos. 

Em vez de falar o texto da propaganda previamente combinado, ele adaptou o texto à sua maneira. Se a propaganda é sobre biscoitos, o elenco deve comer os biscoitos até não aguentar mais; se é de tinta, o elenco é todo pintado, ao vivo, por exemplo.

“Não temos roteirista, é tudo na hora que acontece. A gente inventa, pede opinião ao internauta, aprimora uma ou outra brincadeira que deu certo. Só estamos conquistando a moçada por causa da linguagem da gente. O que é velho não cola mais. Se a TV não se renovar, vai perder.”
CARREIRA

Natural da cidade de Palmares (PE), Sikêra Júnior começou a trabalhar em 1982 no rádio. Depois, ele passou por outros empregos em outros municípios do Nordeste até ser chamado para fazer reportagens policiais na Band.

Quando migrou para o SBT local, um apresentador enveredou para carreira política e ele assumiu uma atração por oito anos. Mais recentemente, ele aceitou o convite da TV em Manaus e, desde então, é sucesso no canal e na internet com sua equipe de apoio que entra em muitas brincadeiras no estúdio.

O primeiro vídeo de Sikêra que viralizou foi em 2016, quando ele mandou uma mensagem para usuários de maconha, no ar. 

Ele dizia que quem usava drogas “iria morrer antes do Natal”. Dois meses depois ele mesmo sofreu um infarto e ficou alguns dias se recuperando. A volta dele ao programa, mais uma vez, repercutiu. Saiu de dentro de um caixão e disse: “Achou que eu tinha morrido, não foi?“.

“Meu sonho é fazer um programa de auditório aos domingos. Já namoramos essa ideia aqui na TV, mas ainda não saiu do papel. 

Tudo tem seu tempo. Homenagearia ícones como Chacrinha [1917-1988], Flávio Cavalcanti [1923-1986]. Sendo sincero, se eu pudesse sair do programa policial eu sairia, não me agrada”, conclui.

ALERTA NACIONAL

Quando: De seg. a sex., das 18h às 19h30
Onde: RedeTV!

Notícia boa para o produtor rural: ‘Em 10 anos, Brasil vai se tornar grande fornecedor de alimentos para a Índia’


O Brasil deve se tornar um grande fornecedor de alimentos para a Índia em um período de dez ano. 

A projeção é do diretor de relações internacionais da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA), Gedeão Pereira, que participou da missão oficial do governo ao país.

“Hoje a população da Índia ultrapassa 1,3 bilhão e em pouco tempo será a maior do mundo. No médio e longo prazo, ela terá que importar alimento de outros países, uma vez que o campo não está preparado para atender esse consumo interno crescente”. 

Segundo ele, o Brasil tem condições de suprir essa necessidade. “A visita do governo brasileiro foi muito importante para estreitar o relacionamento comercial e estabelecer confiança entre os países”, disse.

Durante a missão, o Ministério da Agricultura firmou cooperação técnica na área de produção animal. 

O acordo prevê parceria em sanidade animal, capacitação técnica e pesquisa em genômica bovina e intercâmbio mútuo de germoplasma (material genético).

O Brasil também vai exportar gergelim para o mercado indiano e passará a importar sementes de milho. 

“Estamos abrindo para a Índia as exportações de semente de milho, levando tecnologia indiana para o Brasil. Isso será muito importante para o começo da cooperação entre os nossos governos”, explicou a ministra da Agricultura, Tereza Cristina.

Com informações do Canal Rural 

Direito em Arraias (TO): UFT suspende divulgação de estudantes selecionados após problemas com notas do Enem


A Universidade Federal do Tocantins (UFT) decidiu suspender a divulgação da lista de estudantes selecionados para o curso de Direito no campus de Arraias, no sudeste do estado, em razão dos questionamentos sobre inconsistências na correção das provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem 2019).

O resultado estava previsto para ser divulgado nesta quarta-feira (29). 

“A decisão tem como objetivo resguardar os direitos de todos os candidatos inscritos nos Processos Seletivos 2020/1 que utilizaram a nota do Enem 2019, tendo em vista que a ação judicial questiona a validade das notas divulgadas pelo INEP/MEC, as quais são utilizadas como critério de avaliação dos candidatos a uma vaga na instituição”, disse a UFT em nota nesta terça-feira (28).

A divulgação dos resultados do Sisu com a lista de aprovados para os demais cursos da UFT também está suspensa por ordem da Justiça Federal.

No caso do seletivo de Arraias, os estudantes foram selecionados com base no desempenho no Enem de 2018 ou 2019, mas as notas de milhares de candidatos que participaram da última edição seguem indefinidas.

Conforme a UFT, a lista de aprovados e o novo cronograma de matrícula sairão tão logo as informações prestadas pelo MEC sejam reconhecidas como válidas e definitivas.

“Lamentamos o transtorno causado aos candidatos e seus familiares e reafirmamos nosso compromisso com a integridade e transparência dos processos seletivos”, disse.

Fonte: UFT

UFT: Mestrado em Comunicação e Sociedade tem inscrições abertas até a próxima segunda-feira (3)



O período de inscrições para o processo seletivo do mestrado em Comunicação e Sociedade do Programa de Pós-Graduação em Comunicação e Sociedade (PPGCom) se encerra no próximo dia 3 de fevereiro. 

Serão ofertadas 19 vagas, sendo 16 de ampla concorrência e outras três dentro do sistema de cotas, sendo uma vaga para estudantes negras/os, um para estudantes quilombolas e uma para estudantes com deficiência.

A novidade para esta edição é a oferta de uma vaga para estudantes indígenas na modalidade ações afirmativas. 

Todos os candidatos indígenas terão direito a isenção da taxa de inscrição. Para o público geral, a taxa é R$ 100,00. O item 5 do edital dispõe dos critérios para isenção.

As inscrições para o processo seletivo deverão ser efetuadas por e-mail (selecaoppgcom@gmail.com), conforme edital disponível no link.
Etapas

O processo de seleção ao mestrado será realizado em quatro etapas, as duas primeiras de caráter eliminatório e classificatório, sendo respectivamente: análise de projeto de pesquisa e prova escrita. 

As outras duas etapas são classificatórias, sendo análise do currículo Lattes e arguição. O cronograma completo pode ser conferido no edital.

A data provável para a divulgação do resultado final é 18 de março, com início das aulas na semana seguinte, no dia 23.
Linhas de pesquisa

O PPGCom oferta duas linhas de pesquisa, a primeira: Jornalismo, Mídias e Cultura, que recepciona pesquisas com temas relativos ao jornalismo, estudos de mídia e cultura e sua interface com as tecnologias, as mídias sociais e as mídias tradicionais.

Comunicação, Poder e Identidades é a segunda linha de pesquisa do Mestrado, que desenvolve pesquisas que estabelecem relações entre comunicação, identidades culturais e poder.

“Governo para quebrar desigualdades”, destaca Caiado na entrega do Vapt Vupt de Campos Belos


“Vai facilitar demais”, animou-se o lavrador Alberto Soares Campos. 


“Será muito bom para nossa cidade. Uma simples identidade aqui levava quase dois meses para ficar pronta”, afirmou dona Marisa Assunção. 

Esse sentimento de esperança da população de Campos Belos, município a mais de 600 quilômetros de Goiânia – quase na divisa com o Tocantins – é fruto da instalação da mais nova agência do Vapt Vupt no Estado. 

A placa da 70ª unidade da rede foi descerrada pelo governador Ronaldo Caiado na manhã chuvosa desta terça-feira (28/1).

“Ao assumir o governo, eu disse que daria atenção para as 62 cidades que têm o menor Índice de Desenvolvimento Humano [IDH] no Estado de Goiás. 

Eu acredito que ou se quebra as desigualdades regionais ou não se governa com honestidade”, pontuou Caiado em seu discurso.

O tempo adverso não nublou o entusiasmo da população, que passará a contar com serviços como emissão de carteira de identidade, Carteira Nacional de Habilitação (CNH), atendimentos da Saneago, serviços da Prefeitura de Campos Belos, entre outros. 

O funcionamento será de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h. A agência terá capacidade para realizar aproximadamente 10 mil atendimentos mensais.

A unidade chegou a ser instalada no apagar das luzes do governo anterior, em dezembro de 2018. 

No entanto, por falta de condições para seu pleno funcionamento, foi fechada pouco tempo depois. 

“Esse Vapt Vupt aqui funcionou dez dias. Depois, por acharem que o prefeito não estava muito alinhado, resolveram fechar”, frisou Caiado, que completou: “Esse aqui é outro nível. 

Vocês veem a ampliação, tudo com ar condicionado e todos os serviços do município e do Estado sendo feitos ao cidadão. Está aberto e vai funcionar definitivamente em meu governo”.

O secretário de Estado da Administração, Bruno D'Abadia, elencou a democratização do atendimento ao cidadão, a transformação e a modernização dos serviços como ações prioritárias do governo Ronaldo Caiado. 

“O Estado tem voltado seus olhos para o interior. Isso mostra a preocupação do governo em universalizar seus serviços”, destacou.

O titular da Sead afirmou que a descentralização dos serviços, promovida pelo governador, é uma importante ferramenta para combater desigualdades e tornar o Estado mais acessível para todos os goianos. 

Bruno salientou ainda que nova cultura de prestação de atendimento ao cidadão, em curso na gestão estadual, está sendo potencializada por outros meios e plataformas de atendimento, principalmente via acesso digital.

O prefeito de Campos Belos, Eduardo Terra, disse que a ocasião teve um gosto especial. 

“Aqueles que nos acompanham sabem da nossa luta para que esse momento enfim chegasse. Vamos entregar vários serviços em uma unidade nova e moderna, e creio que tenha sido a mais barata. 

E não para atender somente Campos Belos, mas a todos os municípios da região.” Eduardo também demonstrou seu entusiasmo com a visita do governador. 

“Acredito este dia será o início da solução de muitos de nossos problemas, pois encaminhamos boa parte das nossas demandas. Fico feliz de ter um pedacinho de participação nisto que vai ficar na história de nossa cidade”, ressaltou.

Representantes do Legislativo

Entre os parlamentares que participaram da inauguração estava o deputado estadual Paulo Trabalho, que reconheceu a boa gestão de Caiado, pautada, como destacou, pela transparência e seriedade nos gastos públicos. 

“O governador sabe que pode contar com seus deputados da base para fazer melhorias. É um governador diferenciado, que começou seu trabalho pelas regiões mais desfavorecidas, sem obras eleitoreiras”, afirmou.

O deputado Tião Caroço destacou a determinação de Ronaldo Caiado em levar soluções para a cidade de Campos Belos. 

“O governador tem atendido a todas as nossas reivindicações para o Nordeste goiano. Tanto que trouxe justamente os dois homens para sanar os maiores problemas da região”, disse, apontando para o secretário de Estado da Saúde, Ismael Alexandrino, e para o presidente da Agência Goiana de Infraestrutura e Transportes (Goinfra), Pedro Sales .

No mesmo tom, o deputado federal José Nelto ressaltou que, em Goiás, não tem mais propina, corrupção e o bandido tem que mudar de profissão. 

“Caiado é correto com os compromissos assumidos e vai emocionar o povo goiano e o presidente Jair Bolsonaro, quando eles virem a Policlínica funcionando”, disse, referindo-se à inauguração da primeira Policlínica, em fevereiro, na cidade de Posse. 

O deputado também elogiou o convênio com os Correios, que deve levar, a longo prazo, os serviços a todos os municípios goianos. “Isso representa a modernidade.”

Interiorização

A inauguração do Vapt Vupt em Campos Belos é mais uma ação do governador Ronaldo Caiado no sentido de democratizar o acesso do cidadão aos serviços estaduais. 

Exemplo foi a implantação do Balcão do Cidadão, convênio entre o Governo de Goiás e Correios para disponibilizar serviços estaduais nas unidades da estatal. 

O lançamento foi realizado no sábado (18/01), nas cidades de Abadiânia, Edéia, Nova Crixás e Niquelândia, e demonstrou a disposição da gestão em priorizar o cidadão e a excelência na prestação dos serviços.

Além de avançar no número de postos do Vapt Vupt à disposição da população, com três novas unidades inauguradas recentemente – Itapaci, Luziânia (Jardim ingá) e Campos Belos –, o Governo de Goiás tem atuado para modernizar e otimizar o programa de atendimento integrado ao cidadão. 

Desde setembro de 2019, a disponibilidade de agendamento on-line para os principais serviços da rede propiciou a organização do atendimento e a redução das filas. 

A modalidade está disponível em 15 cidades e já alcançou mais de 85 mil procedimentos via agendamento prévio só no ano de 2019.

Compareceram à inauguração em Campos Belos os secretários de Estado Ismael Alexandrino (Saúde), Marcos da Silva (Comunicação) e Pedro Sales (Goinfra); o superintendente de gestão do Atendimento Cidadão, Dioji Ikeda; os prefeitos Juvenal Fernandes (Monte Alegre de Goiás), Débora Domingues (São João d'Aliança), Joaquim Barbosa Filho (Mambaí), Josaquim Miranda (Teresina de Goiás), Charley Tolentino (Divinópolis) e Fernando Pereira (Novo Alegre, município do Tocantins); o estudante Isaías Vinícius, que executou o Hino de Goiás ao saxofone; além de vereadores, ex-prefeitos; vice-prefeitos, presidentes de associações, lideranças locais e servidores municipais e do Vapt Vupt.

Fotos: Hegon Corrêa
Fonte e texto: Secretaria de Comunicação – Governo de Goiás

Péssima notícia e desemprego: Itafos anuncia inatividade de Itafos Arraias (TO)


Itafos anunciou sua decisão de inativar a Itafos Arraias e suspender o plano de reaproveitamento anunciado anteriormente. 

A decisão é parte de uma abordagem da alocação de capital, considerando a contínua pressão descendente nos preços globais de fertilizantes.

“Embora tenhamos demonstrado a viabilidade do plano de reaproveitamento na Itafos Arraias, incluindo a produção e comercialização de novos produtos premium, os preços de mercado continuaram em queda e, atualmente, atingiram níveis insustentáveis. 

Como resultado desses fatores externos, decidimos inativar a Itafos Arraias, enquanto avaliamos opções estratégicas para o negócio ”, disse o Dr. Mhamed Ibnabdeljalil, CEO interino da Itafos.

Durante 2019, a Companhia implementou o plano de reaproveitamento na Itafos Arraias, a fim de otimizar a produção de fertilizantes da Itafos Arraias com um portfólio de vários produtos de superfosfato simples de grau superior, SSP com micronutrientes (“ SSP +”) e compostos PK premium. 

O plano de reaproveitamento da Itafos Arraias teve como objetivo aprimorar o posicionamento competitivo e a lucratividade da Itafos Arraias, reduzindo o perfil de risco operacional. 

Para viabilizar o plano de reaproveitamento, a Itafos Arraias adquiriu, recebeu e processou rochas fosfáticas de alto grau de terceiros durante 2019, incluindo um contrato de fornecimento de rochas fosfáticas do Grupo OCP. 

Além disso, a Companhia avançou em outros aspectos do plano, incluindo produção e vendas de compostos SSP, SSP + e PK premium de melhor qualidade, implementação de um processo logístico eficiente relacionado à rocha fosfática de terceiros, reorganização do local e comissionamento de equipamentos. 

A Itafos Arraias continuará a manter todas as licenças e autorizações em situação regular e em conformidade com os regulamentos existentes.

Fonte: Globalfert

segunda-feira, 27 de janeiro de 2020

Combate à Corrupção: ao Pânico, Sérgio Moro diz que fica no Governo, por enquanto; Assista à íntegra


Governo de Goiás trabalha para recuperar pontes e bueiros no Nordeste goiano


Buscando a melhoria da infraestrutura rural no interior do Estado de Goiás, equipes da Secretaria de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Seapa) e da Agência Goiana de Infraestrutura e Transportes (Goinfra) percorreram municípios cortados pelas GO 116 e GO 114 para realização de visita técnica relacionada ao projeto de recuperação de pontes e bacias. 

A ação faz parte da execução do planejamento traçado na proposta voluntária apresentada pela Seapa e aprovada em dezembro de 2019 pelo Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra), que liberou recursos de R$ 3 milhões voltados para benefício da população.

As melhorias serão realizadas entre São João da Aliança e Flores de Goiás, região com a maior área de assentamentos do Estado de Goiás e com alta densidade populacional, além de baixo Índice de Desenvolvimento Humano (IDH). 

Foram vistoriadas 30 pontes de madeira, todas em médio ou ruim estado de conservação, com algumas exceções. Entre as duas cidades, numa distância aproximada de 60 quilômetros, há um total de 45 pontes. 

“Quando chove na região, a população rural fica ilhada, tornando impossível o escoamento da produção. 

O projeto foi apresentado com o objetivo de melhorar as condições estruturais, proporcionando um desenvolvimento econômico e também social para os produtores ali instalados”, comenta o gerente de Infraestrutura Rural da Seapa, Alexandre Bernardes.

Foram realizadas também reuniões com os engenheiros e técnicos responsáveis pela terraplanagem de manutenção das rodovias pavimentadas da região, com a cobrança de melhorias na conservação do leito viário. 

A prefeitura de Flores de Goiás dispõe de dois caminhões e duas retroescavadeiras cedidas pela Seapa, por meio de contrato de concessão, resultado de emenda parlamentar da bancada federal e de contrato de repasse de patrulha mecanizada estabelecido entre governo estadual e Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) para auxílio nos trabalhos de melhorias nas áreas rurais. 

“Encontramos as pontes em um estado de conservação parcial, necessitando melhorias voltadas para trafegabilidade. 

Apesar do empenho dos governantes locais em cuidar das estruturas, é preciso um apoio e suporte técnico e operacional para que isso se concretize”, enfatiza Vitor Hugo Antunes, gerente de Agricultura Irrigada da Seapa.

Com a aprovação da proposta, os próximos passos são licitar e implantar o plano de recuperação para contratação de empresa que possa realizar o serviço na região. 

O início das operações deve ocorrer no período de estiagem, entre junho e setembro de 2020. 

A Secretaria faz estudos para apresentação de projetos semelhantes voltados a outras regiões do Estado.

De acordo com o secretário de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Antônio Carlos de Souza Lima Neto, todo esse acompanhamento e trabalho visam garantir benefícios não somente aos produtores rurais, mas também à população dos municípios.

“É fundamental permitir o acesso, com segurança, às pessoas que precisam trafegar entre as zonas rural e urbana. 

O Governo de Goiás atua para proporcionar essas melhorias e possibilitar que a produção possa ser escoada, movimentando a economia dos municípios e do Estado, e garantir o direito de ir e vir de todos”, afirma.