segunda-feira, 17 de fevereiro de 2020

Diretor da Rádio Atividade diz que fim do programa "A Cidade em Foco" não foi político, mas de falta de audiência


O Diretor da Rádio Comunitária Atividade FM, de Campos Belos, Carlos Henrique, disse hoje ao Blog que o fim do programa “A Cidade em Foco”, conduzido pelo radialista Hamilton Mendes, se deu por falta de audiência e renovação, e não por questões políticas. 

"E nem poderia ser, Dinomar Miranda. Não misturo minhas questões pessoais com a atividade da rádio. Sou apenas o gestor, o gerente. Investi muito nos últimos anos e o programa não estava rendendo audiência", disse ele. 

Ainda de acordo com Carlos Henrique, há meses, logo quando assumiu a direção da rádio, reuniu-se com a equipe do “Cidade em Foco” e falou que queria o “semanal” mais dinâmico, correndo atrás das informações, com mais reportagens e um certo padrão jornalístico. 

"Eu disse que a fórmula do programa tinha se esgotado. Não se poderia esperar a notícia chegar e ficar 20 ou 30 minutos repisando e remoendo aquele assunto de forma definitiva. E mais, que se ouvissem os dois lados da história. Criticar, mas com fundamento em fatos", fundamentou. 

O diretor informou também que a comunidade pode ficar tranquila, pois não iria cometer a insensatez de misturar o serviço público de uma rádio comunitária com as questões político-partidária e que um novo programa está por vir. 

"Não vou adiantar muita coisa, porque senão quebraria a surpresa. Mas estamos montando um programa bom para esse horário. Podem ter certeza. 

Mas reafirmo que a Rádio Atividade é da comunidade e a minha responsabilidade é unicamente de mantê-la funcionando com profissionalismo e qualidade", finalizou Carlos Henrique.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os cometários aqui publicados são de inteira responsabilidade dos autores. Este Blog não se responsabiliza pelos comentários postados pelos leitores, que poderão ser responsabilizados e penalizados judicialmente por abuso do direito da livre manifestação.