terça-feira, 4 de fevereiro de 2020

Conceição do Tocantins vive onda de violência com homicídios e roubos a residências




Por Dermival Pereira,

Moradores da cidade de Conceição do Tocantins, situada na região Sudeste do Estado, fizeram contato com a reportagem do CP Notícias, nesta terça-feira, 4, para reclamarem da onda de assassinatos, furtos e roubos a residências registrados na cidade nos últimos meses. 

Eles também cobram do Governo do Estado e das polícias Civil e Militar, providências em relação aos crimes.Conforme informação de moradores, a cidade que era tranquila, tem vivido momentos de terror nos últimos dois anos em virtude do aumento dos crimes de furto, roubos e assassinatos. 

Eles dizem que somente nos últimos 40 dias, três pessoas foram assinadas no município, sendo a última, um senhor morto a pauladas e golpes de facas quando retornava da cidade para sua propriedade na zona rural.

O servidor público, Edilson Rodrigues de Jesus, de 33 anos, que teve sua residência invadida no ano passado, conta que a cidade vive momento de medo com a falta de segurança. 

“Quando eles entraram na minha casa, levaram um celular que eu ainda estava pagando, jóias e dinheiro. 

O prejuízo foi de cerca de R$ 2 mil, procuramos a polícia, mas até agora ninguém foi preso”, relata, afirmando que, “o problema é que a maioria dos criminosos que estão agindo aqui são menores e a lei protege esse tipo de gente, a polícia prende, mas a Justiça solta”, reclama o morador.

Quem também reclama dos impactos da violência no município é a administradora de empresas, Ana Genesy dos Santos. 

“Aqui sempre foi uma cidade tranquila, todos se conheciam, agora estamos assustados com o crescimento da violência, tive amigos que foram assaltados, pessoas estão sendo mortas e pouco está sendo feito para combater a criminalidade por aqui, então estamos pedindo socorro, que as autoridade possam agir melhorando o policiamento e investigando com rigor os casos já em andamento”, pontua a moradora.

A agente comunitária de Saúde, Lindaura Azevedo foi uma das vítimas mais recentes da violência no município. 

Segundo ela, no último domingo, 2, “sair de casa por volta das 19h28 e fui para a Igreja, porém, ao retornar às 21h, vi que a porta do fundo estava aberta, fiquei muito assustada e busquei auxílio na casa do vizinho, quando voltei e entrei no meu quarto vi que tudo estava revirado, minha carteira estava em cima da cama , aí liguei direto no celular de um policial que é meu amigo, eles vieram e registram o boletim”, destaca a moradora, lembrando que, “nada foi levado, pois ao que parece, ele queria apenas dinheiro”.

“Peço que tomem uma providência, pois nós a população de Conceição do Tocantins estamos muito assustados com roubos e crimes em nossa cidade que na maioria das vezes fica impune”, cobra a moradora.

O outro lado

A reportagem acionou a Assessoria da Polícia Militar e a Secretaria de Estado da Segurança pública para obter um posicionamento sobre a reclamação dos moradores e aguarda resposta, assim que o posicionamento for dado, a matéria será atualizada.

Fonte: CP Notícias

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os cometários aqui publicados são de inteira responsabilidade dos autores. Este Blog não se responsabiliza pelos comentários postados pelos leitores, que poderão ser responsabilizados e penalizados judicialmente por abuso do direito da livre manifestação.