terça-feira, 21 de janeiro de 2020

Investimentos do Governo na área da segurança pública reduzem índices de crimes violentos e letais no Tocantins, diz Governo


A área da Segurança Pública obteve grandes avanços no ano de 2019. 

Isso em razão do Governo ter investido na aquisição de equipamentos, munições, inteligência, estrutura física e de pessoal nas polícias Militar e Civil, colocando em prática as metas prioritárias estabelecidas em seu Plano de Governo entregue à Justiça Eleitoral durante as eleições de 2018.

Em relação à meta Segurança Pública, o Governo conseguiu reduzir em aproximadamente 10% os Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLIs) registrados pelas forças de segurança no ano passado. Foram realizadas mais de 140 operações policiais e feitos mais de quatro mil autos de prisão em flagrante.

Os investimentos de mais de R$ 5 milhões na Polícia Civil também fortaleceu a área de inteligência e o combate ao crime, com a entrega de armamentos, munições, veículos, equipamentos de proteção, materiais administrativos, além da capacitação dos policiais.

O Governo inaugurou ainda a Central de Atendimento à Mulher 24h; a nova sede da 1º Divisão Especializada de Repressão a Narcóticos (Denarc); e os complexos de delegacias e unidades da polícia científica em Arraias e Dianópolis.

Foram criadas também a Diretoria de Repressão a Corrupção e ao Crime Organizado (Dracco); a 1ª Delegacia Especializada de Repressão a Crimes de Menor Potencial Ofensivo (1ª Deimpo); a 8ª Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher e Vulnerável em Porto Nacional; 

além da implementação dos Conselhos Comunitários de Segurança (Conseg) e realização de Seminário Internacional da Polícia Comunitária.

O Governo também melhorou as condições de trabalho dos servidores e a estrutura da 2ª Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher; 

das Delegacias dos municípios de Chapada de Natividade, Santa Fé, Aragominas, Natividade, Conceição e Alvorada; além dos Complexos das Delegacias de Dianópolis, Colinas, Araguaína, Augustinópolis, e Araguatins.

Já a Polícia Científica apresentou resultados bastante positivos em 2019 com quase 20 mil atendimentos na área da Perícia Criminal; emissão de mais de 7.500 Carteiras de Identidades e mais de 9.600 atendimentos/exame de Lesão Corporal.

Além disso, ocorreram também as inaugurações do Laboratório de Genética Forense; do Núcleo do Instituto de Identificação em Taquaralto, Luzimangues, Taquaruçu e Araguaína; e do 3º Núcleo Regional do Instituto Médico Legal (IML) de Colinas do Tocantins. 

Os policiais também coletaram material biológico dos apenados por crimes hediondos e houve a implantaram o Programa de Agendamento e Atendimento (Papi) nas unidades do Instituto de Identificação.

Em relação à meta Polícia Militar, o Governo anunciou no ano passado a realização do concurso da corporação, que vai selecionar mais de mil policiais. Além disso, foram realizadas em 2019 mais de 50 grandes operações, além de mais de 800 operações descentralizadas que atenderam a população em datas específicas.

Também houve investimentos com aquisição de material e equipamentos; capacitações; promoções de policiais; e no Programa Educacional de Resistência às Drogas e à Violência (Proerd), que atende os 139 municípios do estado.

Sobre as atividades do Corpo de Bombeiros Militar (CBM), o Governo prepara para lançar ainda neste ano o concurso público da corporação.

Já na meta Cidadania e Justiça, o Governo realizou diversas capacitações para os servidores, além da aquisição de novos veículos de transporte, equipamentos de segurança, aparelhamento das unidades prisionais e criação do Grupo de Intervenção Rápida (GIR).

Outro destaque foi a assinatura do governador Mauro Carlesse na Medida Provisória (29) que instituiu o Fundo Rotativo, no âmbito da Secretaria da Cidadania e Justiça (Seciju), com o objetivo de fomentar o trabalho de reeducandos e socioeducandos nos estabelecimentos do Sistema Estadual de Atendimento Socioeducativo e Sistema Penitenciário e Prisional, garantindo-lhes recursos para a aquisição, transformação e revenda de mercadorias.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os cometários aqui publicados são de inteira responsabilidade dos autores. Este Blog não se responsabiliza pelos comentários postados pelos leitores, que poderão ser responsabilizados e penalizados judicialmente por abuso do direito da livre manifestação.