quinta-feira, 12 de dezembro de 2019

Assaí joga um lote inteiro de carne no lixo


Com a carne bovina de primeira passando dos R$ 30 o quilo, após aumentos sucessivos nos últimos dois meses, que acumularam mais de 35% de reajuste, a rede atacadista Assaí jogou fora centenas de quilos nesta terça-feira (10). 

O descarte dos produtos aconteceu na unidade da Vila Luzita, em Santo André e foi flagrado por consumidores.

Em nota a rede não esclareceu quantos quilos foram jogados fora, nem o motivo, relatou apenas que as carnes “apresentaram alterações”. 

Os produtos descartados chamaram atenção porque foram postos em container de lixo nas embalagens originais e ainda congelados. 

“A rede informa que, em cumprimento aos rigorosos procedimentos de segurança alimentar da companhia, descartou um lote de carnes que apresentava alterações na tarde de hoje, 10, em uma de suas unidades localizadas em Santo André”. informou a assessoria de imprensa do grupo GPA, que engloba as redes Assaí, Extra e Pão de Açúcar.

Em anúncios de supermercados é fácil encontrar o quilo da picanha acima dos R$ 50. 

Na região do ABC, a última pesquisa realizada pela Craisa (Companhia Regional de Abastecimento Integrado de Santo André) e realizada em comércios das sete cidades, mostra que o quilo do coxão mole, está custando em média R$ 31,99. 

A mesma pesquisa, divulgada no dia 04/12, mostra que o mesmo produto foi encontrado a R$ 39,99 (valor mais alto) e R$ 25,99 (o mais barato), numa variação de 53%. 

Em uma semana, medida entre a semana da pesquisa e a anterior, a carne de primeira aumentou 4,78%.

As exportações da carne brasileira para a China explicam o aumento. A repercussão negativa dos preços fez o presidente Jair Bolsonaro se manifestar. Ele garantiu que a carne vai estabilizar e culpou a “entressafra”. 

“É natural nessa época do ano a carne subir por volta de 10%. Subiu um pouco mais, tendo em vista as exportações”, disse o presidente.

Apesar do preço o consumidor não descarta a carne na mesa, principalmente no período de festas. 

Pesquisa do Observatório Econômico da Metodista, mostra que o consumidor, que não despreza carnes nas festas, vai as aves assadas que já são tradicionais, mas o mesmo consumidor admite que também colocará na mesa um assado bovino; 66% disseram que vão servir carne e apenas 18% escolhem o peixe.

Fonte: Repórter Diário

Um comentário:

  1. É incrível somente está justificativa é o suficiente? Não seria necessário uma explicação mais detalhada!!!

    ResponderExcluir

Os cometários aqui publicados são de inteira responsabilidade dos autores. Este Blog não se responsabiliza pelos comentários postados pelos leitores, que poderão ser responsabilizados e penalizados judicialmente por abuso do direito da livre manifestação.