quinta-feira, 14 de novembro de 2019

Homem que matou por dívida é o primeiro de Mato Grosso do Sul a ter alvará de soltura após STF derrubar prisão em 2ª instância


A Justiça de Mato Grosso do Sul concedeu, terça-feira (12), o primeiro alvará de soltura a um preso com base na decisão do Supremo Tribunal Federal (STF), que no último dia 7, derrubou a prisão de condenados em segunda instância.

O beneficiado é um condenado por homicídio ocorrido no dia 20 de fevereiro de 2016, no Jardim Panorama, em Campo Grande. Ele teria matado a vítima a tiros por causa de uma dívida.

Na decisão, o juiz da Primeira Vara de Execuções Penais, Mário José Esbalqueiro, ressaltou que tem posicionamento contrário ao STF, que prevê prisão só após o trânsito em julgado.

O advogado do preso, Renê Siufi, informou que não sabia se o cliente já havia sido colocado em liberdade.

Fonte: G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os cometários aqui publicados são de inteira responsabilidade dos autores. Este Blog não se responsabiliza pelos comentários postados pelos leitores, que poderão ser responsabilizados e penalizados judicialmente por abuso do direito da livre manifestação.