quarta-feira, 23 de outubro de 2019

Professores e estudantes do Tocantins participam em São Paulo das oficinas da Olimpíada de Língua Portuguesa


Nesta quarta-feira, 23, quatro estudantes e quatro professores do Tocantins viajarão a São Paulo para participarem da oficina regional da Olimpíada de Língua Portuguesa – Escrevendo o Futuro, que realiza a etapa presencial do gênero crônica, no período de 23 a 25 de outubro.

Esta primeira oficina reunirá 135 alunos e 125 professores de todo o País que alcançaram a etapa semifinal da olimpíada. 

Eles participarão de um grande encontro cultural e educativo, com passeios turísticos, palestras e debates com artistas e escritores sobre a produção de textos.

Estão na fase semifinal da olimpíada o estudante Laércio Bispo Rodrigues e a professora Rosana Ribeiro dos Santos, da Escola Estadual Joaquim Francisco de Azevedo, localizada em Taipas do Tocantins; 

a estudante Ana Vitória Ferreira Martins e o professor Jonnes Maciel Nunes, da Escola Estadual Professora Alcides Rodrigues Aires, de Porto Nacional; 

Allanis Stephani Carvalho e sua professora Alessandra Barbosa Silva Resende, de Arraias; 

e a estudante Ana Beatriz Rodrigues Paes e a professora Marilda Belizário da Silva Ribeiro, da Escola Municipal Beatriz Rodrigues da Silva, de Palmas.

Laércio participará com o texto O triste destino de João Manuel; Ana Vitória escreveu A curiosidade de Maria; Allanis está concorrendo na etapa final com o texto Operação Cinderela; e Ana Beatriz escreveu a crônica Sempre em busca de luz.

Expectativa dos estudantes


Em Porto Nacional, a equipe da Escola Estadual Professora Alcides Rodrigues Aires comemorou a conquista da aluna Ana Vitória e do seu professor Jonnes, de língua portuguesa. 

A diretora da escola, Mizia Léia Coelho Pereira, ressaltou que essa vitória incentivará outros alunos a estudarem mais para participar de outras olimpíadas. “Esse é um grande reconhecimento. 

A equipe da Diretoria Regional de Educação de Porto Nacional veio à nossa escola entregar um certificado para Ana Vitória. Isso representa uma valorização para todos da escola”, ressaltou.

A estudante Ana Vitória, 14 anos, disse estar radiante com essa oportunidade. “Nunca viajei, será uma experiência maravilhosa, de muita aprendizagem. Quando soube que estava na fase semifinal, comemoramos com a família e com a escola. Nessa última semana, eu li muito sobre crônica e escrevi novos textos”, contou.

O professor Jonnes também comemorou a conquista porque gosta muito de escrever e ler crônicas e, nas oficinas oferecidas pela Olimpíada de Língua Portuguesa, terá a oportunidade de interagir com outros educadores e com escritores.

De Taipas do Tocantins, a professora Rosana Ribeiro dos Santos se prepara para acompanhar o estudante Laércio nessa aventura do conhecimento. 

“A expectativa é muito grande, os alunos estão ansiosos. Estamos fazendo os últimos ajustes nos textos e fazendo o possível para que tenhamos sucesso nessa olimpíada”, explicou.

Um comentário:

  1. O pessoal deixou alguns nomes sem divulgar...A minha filha Laise GabriellY Soares Carvalho da escola estadual girassol Combinado também é semifinalista na categoria memórias literárias e também viajará a são Paulo no próximo dia vinte e sete com a sua professora Polaina.

    ResponderExcluir

Os cometários aqui publicados são de inteira responsabilidade dos autores. Este Blog não se responsabiliza pelos comentários postados pelos leitores, que poderão ser responsabilizados e penalizados judicialmente por abuso do direito da livre manifestação.