terça-feira, 22 de outubro de 2019

Deputado pede investigação em obra que teria beneficiado ex-governador


A obra de pavimentação da GO-453, entre Posse e Guarani no Nordeste do Estado foi assunto na Assembleia Legislativa do Estado de Goiás (Alego), nesta segunda-feira (21). 

O tema foi posto em pauta pelo deputado Paulo Trabalho (PSL), que apresentou requerimento na CPI das Obras Paradas com pedido de investigação.

A execução da pavimentação da GO-453 no referido trecho começou na gestão do ex-governador José Eliton (PSDB). 

Paulo Trabalho afirmou que a obra custou R$ 60 milhões aos cofres públicos e pediu a investigação dos gastos e a finalidade do serviço executado.

Em 30 de dezembro do ano passado, o jornal O Popular mostrou que a obra no trecho foi prioridade no último mês da gestão de José Eliton. 

Segundo matéria da jornalista Fabiana Pulcineli, foram dois pagamentos nos dias 14 e 20 de dezembro. O primeiro de R$ 8,3 milhões e o segundo de R$ 3,39 milhões, totalizando o repasse de R$ 11,69 milhões em menos de dez dias.

O trecho da GO-453 entre os municípios de Guarani e Posse beneficia a fazenda de José Eliton, no Nordeste goiano. 

Em 2017, o promotor de justiça Fernando Krebs, do Ministério Público Estadual (MP-GO), instaurou inquérito para investigar o benefício ao então vice-governador. Desde abril do ano passado, quando José Eliton assumiu o governo, o processo passou para a Procuradoria Geral de Justiça.

Os deputados membros da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) das Obras Paradas aprovaram a prorrogação dos trabalhos por mais 60 dias no último dia 2 de outubro. 

Na ocasião, Amauri Ribeiro (Patriota) afirmou que a CPI não andou por falta de informações de alguns órgãos do governo e dos 247 municípios goianos. 

De acordo com Amauri Ribeiro apenas 107 prefeitos enviaram relatório das obras paradas em suas cidades. “Até agora, temos números oficiais de obras paradas em 98 municípios, sem contar as 273 informadas pela Agehab, Seduce e Goiás na Frente”, relatou.

Na reunião da CPI do início do mês o deputado Paulo Trabalho já havia mostrado preocupação com a obra de pavimentação da GO-453. 

“O asfalto só chegou até a porta da fazenda dele (José Eliton), a outra metade da obra está parada há mais de ano. Isso precisa ser investigado”, disse.

Fonte: Sagres

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os cometários aqui publicados são de inteira responsabilidade dos autores. Este Blog não se responsabiliza pelos comentários postados pelos leitores, que poderão ser responsabilizados e penalizados judicialmente por abuso do direito da livre manifestação.