sexta-feira, 6 de setembro de 2019

UFT inicia atividades do curso Gestor de Turismo das Serras Gerais




Começaram, nesta semana, as atividades do curso Gestor de Turismo das Serras Gerais. 


A iniciativa é fruto das ações do curso de Turismo Patrimonial e Socioambiental, da Universidade Federal do Tocantins (UFT), Câmpus de Arraias. 

O projeto tem o objetivo de desenvolver habilidades para facilitar o gerenciamento e acompanhamento das ações estratégicas de desenvolvimento do turismo nos municípios que compõem a região turística das Serras Gerais.

A ação é coordenada pelos professores Ana Cláudia Sampaio, Valdirene de Jesus e Roosevelt de Castro. 

A principal premissa metodológica é integrar o processo de aprendizagem às realidades vividas pelos profissionais na condução de atividades nos trabalhos realizados.

De acordo com a Coordenação do projeto, “como resultado, espera-se mobilizar os municípios para o processo de recadastramento do mapa turístico, fortalecimento dos conselhos e dos municípios que compõem as Serras Gerais, enquanto região turística”.

A proposta do curso é composta por três momentos:

Mobilização nos municípios acerca da necessidade de envolvimento dos atores locais no processo de desenvolvimento do turismo e contextualização quanto às novas exigências da política nacional de Turismo, no que se refere ao Programa de Regionalização do Turismo e o respectivo Mapa de Municípios Turísticos;

Curso de Formação: nessa etapa os conteúdos programáticos serão trabalhados e vivenciados em cinco módulos, com carga horária de 90h;

Seminário e sistematização das ações e avaliação do projeto.

O formato semipresencial é dividido em Familiarização ao Ambiente Virtual de Aprendizagem (AVA), com design gráfico do professor Wesley Nunes, do Câmpus de Gurupi; e mais seis módulos com duração de um ano, perfazendo um total de 120 horas. 

Nesse modelo, os estudantes serão auxiliados por tutores e professores do curso de Turismo, do Câmpus de Arraias.

O projeto é financiado pela Proex, em parceria com a Agência de Desenvolvimento do Turismo, Cultura e Economia Criativa (Adetuc), Sebrae Sudeste e apoio das prefeituras municipais dos municípios de Almas, Aurora, Arraias, Dianópolis, Lavandeira, Natividade, Pindorama, Taguatinga e Rio da Conceição.

As fotos são dos encontros iniciais, distribuídos em quatro polos nos municípios:  
Aurora, Dianópolis, Natividade e Arraias. 

A intenção é que ocorra, no mínimo, um encontro a cada etapa para os 105 candidatos já matriculados.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os cometários aqui publicados são de inteira responsabilidade dos autores. Este Blog não se responsabiliza pelos comentários postados pelos leitores, que poderão ser responsabilizados e penalizados judicialmente por abuso do direito da livre manifestação.