segunda-feira, 19 de agosto de 2019

Polícia apresenta suspeitos de matar casal na frente da filha de 9 anos, em Goiânia



A Polícia Civil de Goiás, através da Delegacia Estadual de Investigações de Homicídios (DIH), apresentou nesta segunda-feira (19/8) os dois suspeitos de terem matado a tiros um casal na frente da filha de 9 anos, em Goiânia. 

O crime ocorreu em maio deste ano, e os autores foram encontrados num município do estado do Tocantins.

Conforme informações da DIH, Jeferson Pereira de Oliveira e Ravel da Silva Moreira foram presos no dia 16 de agosto em Miranorte, no Tocantins. 

A polícia conta que no dia 29 de maio deste ano, a dupla alvejou o casal Karmen Lúcia da Silva e Júnior Leão Feitosa, no Setor Santos Dumont, em Goiânia.

As investigações apontaram que o casal foi morto na frente da filha pequena, que tem apenas 9 anos. O crime ocorreu quando Karmen Lúcia e Júnior faziam entregas de marmitas.

A polícia ainda conta que toda a ação foi registrada por câmeras de monitoramento, o que auxiliou no processo de investigação.

Restou apurado pela investigação que a motivação do crime foi guerra entre facções criminosas. A DIH apurou ainda que ambos os autores continuavam praticando crimes no estado vizinho. A investigação foi conduzida pelo delegado João Victor Costa.

Casal morto na frente da filha, em Goiânia, fazia marmitas fitness para vender

O crime ocorreu na noite de quarta-feira, 29 de maio deste ano. O casal foi morto com diversos tiros em uma rua do Setor Santos Dumont. 

Segundo a PC na ocasião, Júnior Leão Feitosa, de 30 anos, e Karmen Lúcia da Silva, de 33, produziam marmitas fitness para vender e foram ao local para fazer uma entrega.

Segundo a informações da PM na ocorrência, a filha do casal, de 9 anos, estava no carro da família, estacionado ao lado das vítimas. Ela dormia no banco traseiro quando os pais foram executados.

Imagens de câmeras de segurança mostram o casal conversando na calçada. O veículo está bem próximo deles. Dois homens surgem caminhando a pé pela rua.

Eles chegam e atiram várias vezes contra o casal. Mesmo com as vítimas caídas, os disparos não cessam. O casal foi atingido na cabeça, peito, pescoço e costas. A dupla foge logo em seguida.

Fonte: Dia Online

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os cometários aqui publicados são de inteira responsabilidade dos autores. Este Blog não se responsabiliza pelos comentários postados pelos leitores, que poderão ser responsabilizados e penalizados judicialmente por abuso do direito da livre manifestação.