segunda-feira, 14 de janeiro de 2019

Sob risco de ser fechada, DRE de Arraias (TO) depende de luta encabeçada pelo prefeito


O prefeito de Arraias, no sudeste do Tocantins, Wagner Gentil, tenta uma audiência com o governador Mauro Carlesse para segurar a Diretoria Regional de Ensino (DRE) naquele município. 


Ouvido na sexta-feira, 11, o prefeito declarou que será um perda enorme para a região ficar sem a DRE de Arraias, ainda mais depois de perder a Delegacia Regional da Polícia Civil.

"Estamos numa luta para segurar a DRE de Arraias, o governador já tirou a regional da polícia civil de lá", lamenta. 

O prefeito afirma que das 13 DREs do Estado, três podem ser extintas e a de Arraias seria uma delas. 

"Por isso quero mostrar ao governador que a cidade de Arraias está em desenvolvimento e não podemos perder a Diretoria de Ensino", relata. 

A justificativa para a retirada da DRE, segundo o prefeito, seria por esta ser uma das menores do Estado, com menor quantidade de escolas e alunos atendidos pela rede.

"Mas eu quero ponderar que a DRE é importante para nossa cidade. 

Temos um campus da UFT [Universidade Federal do Tocantins] em Arraias, inclusive vai ser implantado agora o curso de Direito; temos mineradora lá, em que foram investidos mais de R$500 milhões para implantação, também fomos recentemente convidados para os Emirados Árabes para tratar de um projeto de expansão em turismo. Nossa cidade está em desenvolvimento. 

Se a DRE for retirada de lá, não só a gente vai perder, mas o Estado como um todo", pondera.

O prefeito ainda reitera a boa localização de Arraias na Região Sudeste do Tocantins e reafirma "estou disposto a lutar pela DRE até o fim. 

Perdemos a delegacia de Polícia e não podemos perder de novo passos que foram dados pelo desenvolvimento da região. 

Imagina andar 300 e poucos quilômetros para resolver assuntos da Educação, numa cidade que já é universitária?", questiona.

Seduc não confirma fechamento da DRE de Arraias

A Secretaria da Educação foi procurada para falar sobre o assunto e declarou que "até o momento, não há nenhuma decisão sobre mudanças na estrutura da rede estadual de ensino, no que diz respeito às Diretorias Regionais de Educação. 

Qualquer alteração que vier a ocorrer seguirá os termos da reforma administrativa, a ser publicada pelo Governo nos próximos dias".

Fonte e texto: T1 Notícias

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os cometários aqui publicados são de inteira responsabilidade dos autores. Este Blog não se responsabiliza pelos comentários postados pelos leitores, que poderão ser responsabilizados e penalizados judicialmente por abuso do direito da livre manifestação.