quinta-feira, 24 de janeiro de 2019

Criada a Academia de Letras e Artes de Campos Belos (ALACAMP)

 



Em momento histórico e de grande relevância, foi criada as bases, nesta quarta-feira (23), para a implantação da Academia de Letras e Artes de Campos Belos (ALACAMP).

O evento que inaugura o novo marco para os escritores locais ocorreu nas dependências das Universidade Estadual de Goiás (UEG).

Além de diversos escritores do município, também participaram do encontro, o diretor da UEG - Câmpus Campos Belos e escritor Adelino Machado, e o escritor e idealizador da ALACAMP  Nemilson Vieira.
Segundo Vieira, foi elaborado e está sendo implantado com todo apoio do diretor da Universidade Estadual de Goiás,Câmpus Campos Belos, este projeto, de grande relevância para as artes e para a cultura dessa cidade do nordeste goiano e para Goiás. 
"Nesse evento de esclarecimentos, foram dados também, passos significativos rumo a implantação da academia municipalista de letras. - A Academia de Letras e Artes de Campos Belos (ALACAMP) e dado nome e sigla para a entidade acadêmica e formada parte da diretoria da entidade".
No mesmo ato, foram eleitos, por aclamação, o presidente da ALACAMP,  Nemilson Vieira de Morais. Ele é acadêmico vitalício da Academia de Letras do Brasil, Minas Gerais região Metropolitana de Belo Horizonte (ALB/MG/RMBH), da Academia Nevense de Letras Ciências e Artes (ANELCA) e Núcleo Acadêmico de Letras e Artes de Portugal (NALAP).
O vice-presidência ficou por conta do escritor, poeta e professor Adelino Machado.
Como primeira secretária, a professora Júnia Januária Garcia e, como segunda secretária, a escritora, historiadora, a professora-doutora Odiva Xavier.







Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os cometários aqui publicados são de inteira responsabilidade dos autores. Este Blog não se responsabiliza pelos comentários postados pelos leitores, que poderão ser responsabilizados e penalizados judicialmente por abuso do direito da livre manifestação.