quarta-feira, 14 de novembro de 2018

Instituído o dia cívico: Detentos passam a cantar hino nacional em presídio de Formosa (GO)



A Diretoria Geral de Administração Penitenciária do Presídio Estadual de Formosa, no entorno do Distrito Federal, instituiu o dia cívico no presídio. 

Todos os reeducandos devem estar uniformizados e devem ter atitude de respeito, fica de pé e em silêncio durante a execução do hino nacional.

A cerimonia em respeito à pátria através da canção do hino nacional brasileiro ocorrerá uma vez por semana, sendo executado o hino em posição de respeito à bandeira nacional, preferencialmente as segundas-feiras, sempre no período matutino.

O objetivo é a necessidade de demonstração de fiel comprometimento com o cumprimento da pena e sua finalidade ressocializadora, objetivando resgatar o conjunto de princípios éticos, morais e cívicos para o reingresso a sociedade de forma justa e digna, embasados no dever de honestidade, respeito aos símbolos nacionais, o patriotismo a cidadania e a indispensável conscientização do papel social do individuo perante a sociedade e a família.

“A iniciativa foi dos diretores do presídio estadual com apoio do Ministério Público. Acredito que estimular o sentimento de pertencimento e integração cívica dos reeducandos é uma iniciativa que deve ser apoiada. 

Desenvolve a consciência do preso de que ele, mesmo estando privado da liberdade, é um membro da sociedade, não deixou de ser um cidadão e que no momento certo será reintegrado a esta própria sociedade”, disse o promotor de justiça Douglas Chegury.

“A ausência deste sentimento de nacionalidade, de grupo, no meu modo de ver, é que faz com que o reeducando busque fazer parte de facções criminosas. 

O ser humano tem esta necessidade de se sentir fazendo parte de algo maior que ele mesmo”, completou o promotor Douglas Chegury.

Promotoria de Campos Belos e Programa Ser Natureza apoiaram Fica Itinerante

A Promotoria de Justiça de Campos Belos, por meio do Programa Ser natureza, em parceria com as Secretarias Estadual e Municipal de Ed...