Ronaldo Caiado deve pagar R$ 80 mil por derramar santinhos em ruas de cidades do interior, inclusive Campos Belos (GO)


O governador eleito, Ronaldo Caiado (DEM) foi condenado pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE-GO) a pagar R$ 80 mil por derramar “santinhos” nas ruas de algumas cidades goianas no primeiro turno das Eleições 2018, ocorrido no dia 7 de outubro. 

De acordo com o TRE, os papéis de campanha estavam espalhados em vias de Santo Antônio do Descoberto, Trajanópolis, Serranópolis, Catalão, Cavalcante, Aparecida de Goiânia, Padre Bernardo, Luziânia, Campos Belos, Planaltina, distrito de Campos Lindos, e Cristalina.

A decisão foi do juiz Juliano Taveira Bernardes, que ressaltou que a responsabilidade deve “recair solidariamente sobre o candidato e coligação”. 

O magistrado completou ainda que “embora a legislação não fixe um número mínimo de ‘santinhos’ a caracterizar a infração em destaque e a despeito de as quantidades de santinhos virem diminuindo a cada eleição, o volume constatado na presente representação é impressionante, sobretudo porque assume aspecto visual relevante, a ponto de merecer a reprimenda legal.”

Por meio de nota enviada ao O Popular, assessoria de imprensa de Ronaldo Caiado informou que o governador eleito irá recorrer da decisão e argumentou ainda que durante sua campanha ao governo, Caiado não autorizou nem foi conivente com qualquer prática irregular, como a distribuição do “santinhos”. 

A assessoria explicou ainda que na véspera das eleições, o novo governador havia exigido de candidatos e presidentes de partidos uma campanha limpa e proibindo a o derramamento do material.
Ronaldo Caiado é eleito governador de Goiás

Ronaldo Caido (DEM) foi eleito governador de Goiás no domingo, 7 de outubro, com 59% dos votos (1.773.185 votos). 

Ele derrotou o candidato Daniel Vilela (MDB), que obteve 16,9% dos votos, 389.544 e Zé Eliton (PSDB), que conquistou 13,10% dos votos válidos, ou seja 317.205 votos. Os três candidatos disputaram, durante a campanha eleitoral, os três primeiros lugares para a disputa.

Nesta segunda-feira (22/10), o governador eleito Ronaldo Caiado (DEM), que assumirá em 2019, anunciou o senador não reeleito Wilder Morais (DEM) como o coordenador da equipe de transição do governo. 

O comunicado foi feito por meio das rede sociais do novo governador, após uma reunião com o atual governador de Goiás, José Eliton (PSDB), ocorrida na manhã de hoje, no Palácio Pedro Ludovico, em Goiânia.

Fonte: O Popular