quinta-feira, 27 de setembro de 2018

Vem aí a I Semana de Africanidades e I Jornada de Ensino, Pesquisa e Extensão da UEG


A proposta de uma “semana de africanidades” na UEG de Campos Belos constitui-se da tentativa de concentrar esforços para reunir e evidenciar nossos traços africanos presentes nas ações diárias e no “projeto pedagógico do Câmpus”.


O evento que ocorrerá entre os dias 20 e 23 de novembro de 2018, durante a Semana da Consciência Negra, terá atrações artístico-culturais, palestras, mesas-redondas, rodas de conversa, apresentação de Projetos de Pesquisa e Extensão e outros trabalhos realizados por parceiros.

O dia da Consciência Negra, no Brasil, é comemorado no dia 20 de novembro, data do falecimento do escravo Zumbi dos Palmares, líder do Quilombo dos Palmares e símbolo da resistência dos negros contra a escravidão.

Veja o que diz o Prof. Me. Roberto Carlos Galvão sobre a temática do evento:

"Entre pessoas a única raça admitida no meio científico é a raça humana. Atribuir defeitos de conduta moral a um grupo étnico-cultural é uma prática sem qualquer fundamento científico. O


 que existe, quando muito, são estereótipos perigosos. Nenhuma pesquisa sociológica séria nos autoriza a associar, por exemplo, terrorismo com povos de origem árabe. 

Bobagens como a crença na superioridade da raça ariana ou na subalternidade dos povos africanos carecem igualmente de qualquer base racional e serviram de pretexto para alguns dos mais bárbaros crimes já cometidos contra a humanidade".

Fonte e texto: UEG