Banner 1

Banner 1

terça-feira, 17 de abril de 2018

Prefeito Martinho Mendes atua com firmeza e SED contrata empresa para realizar georreferenciamento em Alto Paraíso e região




Por Roberto Naborfazan,

Dezenas de proprietários de áreas envolvidas em questões de regularização fundiária, empresários, sindicalistas, autoridades municipais, entre elas o prefeito Martinho Mendes, o vice-prefeito, Marlon Bandeira, o presidente da Câmara, Marlony Bernardes, o prefeito de Teresina de Goiás, Josaquim Miranda e sua esposa, Jesus, vereadores e pessoas da comunidade participaram de proveitosa reunião na tarde desta segunda-feira, 16, no auditório da Câmara de vereadores, para debater com técnicos da Secretaria de Desenvolvimento do estado de Goiás (SED) pontos sobre regularização e georreferenciamneto de áreas em Alto Paraíso de Goiás.

Importantes esclarecimentos foram dados pelo ex-superintendente de regularização fundiária, Doutor Vavá, pela gerente de regularização fundiária, Solange Silva, pelos engenheiros agrônomos Marco Aurélio Leite e Altamir Andrade, e pelo técnico em agrimensura, Junio Carlos, aos questionamentos dos presentes.

O prefeito Martinho Mendes lembrou que na busca por esse processo de regularização que envolve, além de Alto Paraíso, os municípios vizinhos de Teresina, Cavalcante, Colinas do Sul e Campos Belos, foi ele quem arbitrou o projeto junto ao então superintendente, doutor Vavá, buscando a titularização e o georreferenciamento de áreas.

“Cobramos do governador José Eliton já no segundo dia de seu governo para que nossas demandas fossem atendidas. O governador foi sensível ao nosso pedido e autorizou que o trabalho se iniciasse por Alto Paraíso de Goiás”.

A gerente de regularização fundiária, Solange Silva, afirmou que “É determinação do governador que as coisas aconteçam. Começamos por Alto Paraíso, onde as demandas estão mais aceleradas. 

A equipe ficara por 12 dias na cidade para dar inicio ao georeferenciamento. Estamos empenhados para que consigamos realizar o sonho de todos que buscam que isso aconteça, que é ter o titulo em mãos”.

O presidente da Câmara, Marlony Bernardes, afirmou que esteve com o prefeito Martinho Mendes, acompanhados pelo doutor Vavá, buscando, na gerência estadual de regularização fundiária, caminhos para que se fizesse esse trabalho importante para todos que estão na busca da conclusão desse processo. 

Marlony Afirmou ainda que a Câmara de vereadores de Alto Paraíso de Goiás, através das comissões especificas, estão empenhadas em respaldar ações que provoquem a solução desse desejo antigo dos proprietários rurais.


Já o ex-superintendente de regularização fundiária, Doutor Vavá, frisou, ”Hoje é um dia importante para mim particularmente. 

Em 2015 fui convocado pelo então vice-governador Zé Eliton para atuar nesse trabalho, buscando dar solução para uma questão que se arrasta há mais de 15 anos. 

Ele recomendou que colocássemos empenho e dedicação sobre isso, e assim fizemos. Tive que deixar o cargo para caminhar em outra missão, mas o trabalho prossegue e logo vocês estarão com seus títulos na mão, o que impulsionará o desenvolvimento da região. 

José Eliton assumiu o governo do estado, então temos que aproveitar o fato de termos um governador que quer ajudar a solucionar esse problema e agirmos rápido nessa legalização”.

O vice-prefeito Marlon Bandeira, que também comanda a secretaria de agricultura e meio ambiente, afirmou que “É com espírito de luta e parceria que vamos buscar a solução dessa demanda. 

Precisamos da parceria e apoio de gente como os integrantes do Conselho Rural para que comuniquem aos interessados para providenciar documentação, e também na ajuda aos técnicos da SED no trabalho em campo. 

Já disponibilizamos uma sala na prefeitura para os técnicos do estado, que ficarão 12 dias em nosso município, auxiliando no preenchimento dos requerimentos e nos esclarecimentos de dúvidas. Há muito já falamos em nossas reuniões sobre a importância dessa regularização e agora estamos concretizando esse sonho”.

O que ficou claro nessa reunião foi que a Procuradoria Geral do Estado (PGE) precisa resolver, urgentemente, as questões jurídicas legais, e isso foi exposto pela maioria dos presentes.

Outro ponto importante apontado durante a reunião é que a prefeitura municipal, através do prefeito Martinho Mendes e todo o seu secretariado, tem dedicado empenho e apoio para que se encontre solução para os entraves e se realize, finalmente, a tão desejada regularização fundiária no município, mas a descrença em relação as ações do Estado também ficaram latentes, visto que, em outras ocasiões, se fez muito alarde e nada andou.

Nenhum comentário:

Postar um comentário