sexta-feira, 27 de abril de 2018

Em Taguatinga (TO), Polícia Civil prende quadrilha especializada em aplicar golpes em agências bancárias



A Polícia Civil do Tocantins , por intermédio da Delegacia de Taguatinga com o apoio Delegacia Regional de Dianópolis, desarticulou uma quadrilha que vinha efetuando saques de PIS, mediante o uso de documentos falsificados, em agências bancárias da Caixa Econômica Federal.


A quadrilha foi desarticulada após a prisão em flagrante, na última terça feira, dia 24, de A.G.F.C, na agência bancária da CEF situada em Taguatinga. 

Na ocasião da prisão, Ana Gabriela portava uma cédula de identidade falsa, que utilizaria para realizar os saques.

Segundo os funcionários da CEF, uma das comparsas da mulher conseguiu fugir da agência assim que o atendente percebeu a fraude, deixando para trás, contudo, documento de identidade falso.

A partir daí, policiais obtiveram informações de que os demais comparsas de da moça teriam fugido em um veículo Chevrolet Onix, cor marrom, sentido município de Dianópolis. 

A par disso, a equipe de Taguatinga seguiu no encalço dos suspeitos e acionou a Delegacia Regional de Dianópolis.

As autoridades prenderam  A.C.R, H.G.P e E.R.R.M, no instante em que se preparavam para uma nova investida criminosa na CEF de Dianópolis. 

Com os suspeitos, apreendeu-se insumos para fabricação de documentos falsos, cédulas de identidade falsas, notebook , impressora e o veículo Chevrolet Onix.

Em interrogatório, parte dos suspeitos confessaram que haviam se associado para praticar saques de PIS, não só no estado de Tocantins, mas também na Bahia e no Distrito Federal.

Com informações da PCTO

Nenhum comentário:

Postar um comentário