quarta-feira, 28 de fevereiro de 2018

Avanços da gestão hídrica do Tocantins são destacados em abertura de Conferência


Com um público qualificado formado por técnicos nacionais na área ambiental, instituições públicas, sociedade civil organizada e gestores municipais e estaduais iniciaram na última segunda-feira, 26, as discussões focadas na gestão hídrica do Tocantins, incluindo a recuperação de nascentes, tema que abriu as palestras da Conferência Regional de Mobilização para o 8º Fórum Mundial da Água e o II Encontro Estadual de Comitês de Bacias Hidrográficas (II ECOB-TO). 

A solenidade de abertura ocorreu no auditório do Palácio Araguaia, com a presença do governador Marcelo Miranda, do secretário de Articulação Institucional do Ministério do Meio Ambiente, Edson Duarte, representando o ministro, Sarney Filho, do representante do Ministério da Integração, Rafael Silveira, da secretária estadual do Meio Ambiente e Recursos Hídricos, Meire Carreira, e a vice-governadora do Tocantins, Claudia Lelis.

Durante o evento, um dos atos assinados pelo governador Marcelo Miranda foi a criação do ProComitê, sendo um avanço fundamental para a implantação do Comitê da Bacia Hidrográfica (CBH) do Rio Palma, composto por 12 municípios: Paranã, Arraias, Novo Alegre, Lavandeira, Combinado, Aurora do Tocantins, 

Taguatinga, Conceição do Tocantins, Taipas, Ponte Alta do Bom Jesus, Novo Jardim e Dianópolis – cidades localizadas na região sudeste do Tocantins e que anualmente sofrem com a seca. 

O fortalecimento dos Comitês faz parte do Plano Estadual de Recursos Hídricos, que incentiva a gestão descentralizada da água.

O potencial hídrico do Tocantins, de acordo com o governador Marcelo Miranda, é essencial para o Brasil. “Abrigamos aqui a maior parte da Bacia Tocantins-Araguaia, uma das mais importantes do país. 

Por essa representação e por tantas outras razões, estamos nos mobilizando para sensibilizar a sociedade em geral, na busca de caminhos viáveis para a proteção desses recursos”, afirmou. 

Aproveitando o momento, Marcelo Miranda pontuou que é uma grande responsabilidade para o Tocantins discutir um tema de fundamental importância para o mundo: a água.

O prefeito de Taguatinga, Miranda Taguatinga, cujo município faz parte da bacia hidrográfica do Rio Palma, ressaltou que é uma luta antiga a efetivação deste CBH. 

“A nossa situação na região sudeste é muito delicada, hoje está chovendo bem, mas na época da seca sofremos muito, pois os rios e córregos secam totalmente. E agora vemos mais uma ação do Governo Estadual que vai nos ajudar a gerenciar as tomadas de decisões”, afirmou. 

O prefeito destacou que com o comitê será um mecanismo legal para aperfeiçoar a preservação do Rio Palma e também para um crescimento sustentável.

A secretária estadual Meire Carreira frisou que o evento foi pensado e executado para debater os desafios e avanços da gestão dos recursos hídricos do Tocantins, além de promover a mobilização social para o Fórum Mundial da Água. 

“O Tocantins se destaca no cenário mundial, por suas belezas naturais e o nosso território está 100% inserido dentro da Bacia-Hidrográfica Tocantins-Araguaia, a maior região hidrográfica totalmente nacional”, disse. 

Meire destacou que nestes três anos de Governo muitos avanços ocorreram, entre eles o investimento no aprimoramento e no adensamento da Rede Estadual de Monitoramento de chuva, vazão e nível dos reservatórios, por meio de Plataformas de Coleta de Dados (PCD’s), em todas as regiões do Estado. 

“Inicialmente tínhamos 15 estações e atualmente possuímos 41 plataformas de coleta, transmitindo as informações diariamente ao sistema da Agência Nacional de Água (ANA), com isso obtivemos em 2017 a maior nota de desempenho nacional com 97.1%”, ressaltou.

Ainda em relação às ações realizadas, a gestora evidenciou o Projeto Olho D’Água, que é voltado para a recuperação de 200 nascentes em quatro bacias hidrográficas. “Para a realização da restauração das nascentes, a Semarh investe R$ 3,6 milhões no projeto, recurso oriundo do Fundo Estadual de Recursos Hídricos”, finalizou.

Governo Federal

O secretário de Articulação Institucional do Ministério do Meio Ambiente, Edson Duarte, em sua fala, enfatizou a crise hídrica nacional. “É um passo importante que o Tocantins realiza em participar e mostrar seu potencial aliado a uma gestão eficiente”, disse.

Para o especialista em recursos hídricos da Agência Nacional das Águas (ANA), Rogério Menescal, a mobilização regional para o 8º Fórum Mundial da Água, que ocorre em março em Brasília, mostra que o Tocantins está atento às questões mundiais. “Estamos há três anos preparando o Fórum e essa mobilização envolve diversos segmentos envolvidos no processo. 

O Brasil, apesar de uma riqueza natural de recursos hídricos, passa por situações críticas em algumas regiões e por isso temos que buscar juntos soluções”, declarou.

Programação

Ainda nesta tarde, a partir das 15h45, entra em debate a proposta de transposição do rio Tocantins. 

A Roda de Conversa conta com a presença deputado federal Gonzaga Patriota (PSB-PE), autor do projeto de Lei nº 6569/2003, que prevê a interligação entre o Rio Tocantins e o Rio Preto com o propósito de assegurar a navegação desde o Rio São Francisco até o Rio Amazonas, e do presidente do Comitê da Bacia Hidrográfica do Rio São Francisco, Anivaldo Miranda, além de representantes do Governo do Estado e do Governo Federal.

Fonte: CT

São João: Com 187 metros de altura, Cachoeira do Label tem a maior queda d'água de Goiás




Agora, amantes do turismo de aventura do Distrito Federal e de Goiás podem aproveitar para conhecer um local de beleza quase que inexplorada e recentemente aberto à visitação. 

O destino é a Cachoeira do Label, que tem ganhado fama por ser a maior do estado goiano e por estar entre as seis maiores do país. 

Com cerca de 187 metros de altura, ela supera em 19 metros o Salto do Itiquira, considerado, até então, a mais alta queda-d’água de Goiás.

A cachoeira fica na Reserva Bellatrix, uma área Particular do Patrimônio Natural (RPPN) localizada a 25km do município de São João d’Aliança, na região da Chapada dos Veadeiros. 

A pequena cidade fica a cerca de 150km de Brasília. Apesar de ser visitada por moradores da região desde a década de 1980, a abertura ao público só ocorreu há menos de um mês, em 29 de janeiro. 

A fazenda onde a cachoeira se localiza foi comprada em 2016 e transformada em uma reserva. Nos últimos dois anos, a área ganhou trilha, sinalização, restaurante e espaço para camping, exatamente para atrair turistas.

O trajeto até lá começa no município de São João d’Aliança, o mais próximo de Brasília entre os sete que compõem a região da Chapada dos Veadeiros. 

O acesso se dá pela BR-020, sentido Planaltina, e pela GO-118 (ou BR-010, na Rodovia Belém-Brasília). A partir dali, o caminho é por estrada de terra até a Reserva Bellatrix. 

O percurso pode ser feito por qualquer tipo de veículo, mas carros muito baixos podem ter dificuldade com as irregularidades do terreno em alguns trechos.

De acordo com Marcello Clacino, um dos proprietários da fazenda, o acesso da reserva à cachoeira exige uma caminhada de 1,8km. 

A trilha tem dificuldade moderada e, apesar de os últimos 200 metros serem um pouco mais complexos, não há maiores obstáculos para pessoas acompanhadas de crianças. O percurso não é recomendado para turistas com problemas de locomoção.

Com a abertura para visitação, Marcelo quer tornar o local popular, mas mantendo a região preservada. “Esta área fazia parte dos atrativos da Chapada dos Veadeiros, mas era meio abandonada. 

Nosso trabalho é para promover o turismo sustentável e a preservação da área”, comentou. De acordo com ele, serão instalados equipamentos para segurança em turismo de aventura, além de serem feitos o levantamento de espécies nativas e vegetais úteis e o reflorestamento da margem do rio.

Fonte: Correioweb

Nova sede da Vara do Trabalho de Dianópolis (TO) será inaugurada em 16 de março


A inauguração da nova sede da Vara do Trabalho de Dianópolis (TO) está marcada para acontecer no dia 16 de março, a partir das 16 horas. 

O prédio fica na Avenida Wolney Filho, Quadra 69A. 

A solenidade contará com a presença do presidente do Tribunal Regional do Trabalho da 10ª Região (TRT10), desembargador Pedro Luís Vicentin Foltran, da atual titular da unidade, a juíza Sandra Nara Bernardo Silva, e de magistrados, servidores e advogados que atuam na região.

A Vara de Dianópolis foi criada pela Lei 10.770/2003 e instalada em setembro de 2005. A Resolução nº 23/2005 prevê que sua jurisdição abrange, além de Dianópolis, outros 19 municípios da região. 

As antigas instalações da Vara estavam condenadas e foram demolidas. 

O novo prédio foi erguido na Avenida Wolney Filho, em um terreno de aproximadamente 1,7 mil metros quadrados, sendo que 1,1 mil deles de área construída, com estacionamento interno para servidores, acessibilidade e área ampla de hall de espera para jurisdicionados.

Dianópolis

Localizada a cerca de 350 quilômetros de distância da capital Palmas, a cidade de Dianópolis conta atualmente com 21 mil habitantes. 

A Vara do Trabalho da região recebe, por ano, em média, aproximadamente 450 processos. Os tipos mais recorrentes de reclamações trabalhistas são oriundos das atividades de agropecuária e mineração. 

A unidade foi a quinta da Décima Região da Justiça do Trabalho a receber o Processo Judicial Eletrônico (PJe-JT), no ano de 2013.

Arreio de Ouro canta no dia 28 de julho, na Vaquejada de Divinópolis


A tradicionalíssima Vaquejada de Divinópolis, em Goiás, já tem data para começar e conta com uma grade show: Arreio de Ouro, confirmado para o dia 28 de julho. 

Em  2018, o evento completa 35 anos, com maduridade e muita reputação.

Também está prevista para cantar, no dia 29 de julho, a dupla sertaneja Humberto e Ronaldo.

Agende aí no seu calendário de festas e não perca. 




Aulão de concurso grátis em Monte Alegre de Goiás


O projeto Social Amigos do Concurso, maior preparatório gratuito para concursos do DF, a pedido do seu Cofundador e também Monte alegrense, Professor Rodrigão, irá promover, gratuitamente, um final de semana de Preparação para o Concurso da Polícia Militar do Tocantins. 

As aulas  irão acontecer no dia 03 (diuturno) e 04 ( manhã) no Colégio Estadual Dona Joaquina Pinheiro em Monte Alegre de Goiás.

Informações: 061 99805-8830( Professor Rodrigão)

Funcionário dos Correios é indiciado por uso indevido de cartões de crédito, em Formosa (GO)


Um funcionário dos Correios foi indiciado pelos crimes de corrupção passiva, falsa identidade e estelionato na manhã de segunda-feira (26), em Formosa. 

A Polícia Civil do município concluiu o inquérito policial que investigava o uso indevido de cartões de créditos de diversas vítimas da região.

As investigações concluíram que o responsável pela utilização dos cartões de crédito é W.F.F., de 36 anos, empregado público da Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos. 

Segundo o delegado responsável pelo caso, José Antônio Sena, o investigado, ao efetuar a entrega das encomendas, se apropriava indevidamente dos cartões e realizava a habilitação para posteriormente efetuar reiteradas compras.

“Recebemos informações que usuários dos serviços do Correio não estariam recebendo seus cartões de crédito, mas que estes estariam sendo usados em compras. 

Durante as investigações conseguimos identificar o local em que as compras eram efetuadas e com isso conseguimos imagens das câmeras de segurança para identificar quem estava utilizando os cartões”, explicou José Antônio.

Na última sexta-feira (23), a equipe policial realizou busca e apreensão na residência do suspeito e encontrou diversas notas que comprovaram as compras ilícitas. “Foi encontrado um cupom fiscal de aproximadamente R$ 600 de compra, bem como uma bermuda, ainda com etiqueta, adquirida na mesma semana, avaliada em R$ 360, comprada com o cartão de uma das vítimas”, contou o delegado.

Segundo José Antônio Sena, o prejuízo total provocado pelo golpe gira em torno de R$ 30 mil. O delegado contou que em alguns casos ele usou e entregou o cartão, mas em outros ele nem chegou a entregar. “O funcionário realizava as compras uniformizado. 

Em algumas compras ele se passava pelo titular do cartão, em outras ele dizia que era algum amigo do titular do catão, pelo fato de ser uma cidade pequena”, explicou.

Fonte: Mais Goiás

Livros: a história dentro da história



Durante quase dez anos Maura Palumbo se dedicou a ler biografias e análises e a pesquisar tudo que se relacionava ao Nazismo e à Segunda Guerra. 

Este interesse foi despertado muitos anos antes, quando, adolescente, leu O diário de Anne Frank e se transportou para um mundo de privação, silêncio e incertezas.

Atualmente, Maura estuda as relações dos grupos extremistas e facções de extermínio que aumentam no mundo, e faz um paralelo com as ações nazistas ocorridas na Segunda Guerra.

O PERFUME DAS TULIPAS

O desejo de criar uma história dentro da História fez com que se debruçasse por dois anos e meio sobre a construção das personagens e tramas de O perfume das tulipas, seu primeiro romance histórico. 

Desde o pré-guerra acompanhamos Helga e sua família, judeus alemães que, apesar de enfrentar perseguição, o campo de concentração e mortes, conseguem lutar pela vida.

Em paralelo segue outra família, protestante, ambas em direção a um desfecho totalmente inesperado e cheio de suspense, numa narrativa ágil que apresenta fatos e personagens históricos.

AUSCHWITZ, PRISIONEIRO/SOBREVIVENTE 186650

A publicação de O perfume das tulipas abriu o caminho para que seu nome chegasse a Francisco Balkanyi, que a selecionou para escrever um romance baseado em sua própria história no maior campo de concentração que existiu. 

Em setembro de 2017 foi lançado o segundo livro de Maura Palumbo: Auschwitz – Prisioneiro (sobrevivente) 186650 – Romance baseado na história de Francisco Balkanyi. Hoje com noventa anos, Balkanyi reside em São Paulo, onde refez sua vida a partir de 1971.

Balkanyi sempre teve a intenção de contar sua história de sobrevivência e superação, como um alerta para que a história não se repita e para que as futuras gerações não se deixem levar por doutrinas que conduzam ao fanatismo.

Com a publicação dos dois romances históricos, Maura Palumbo conduz o leitor por momentos da história mundial que não devem ser esquecidos, traz à tona questões e conflitos que parecem não ter sido resolvidos até os dias de hoje e dá vida a personagens fictícios em cenários reais, o que nos ajuda a ver como um sistema tão brutal mudou a vida de milhões de pessoas.

ESCRITORA

Maura Palumbo nasceu em 1963, na cidade de São Paulo. Cursou Direito na PUC-SP e hoje é empresária. Publicou dois livros pela Duna Dueto Editora: O perfume das tulipas e Auschwitz – Prisioneiro (sobrevivente) 186650 – Romance baseado na história de Francisco Balkanyi. 

Seu terceiro livro, Entre os canteiros, é uma continuação de O perfume das tulipas e retrata a vida no pós-guerra.

Ministra palestras sobre Nazismo, Segunda Guerra e temas correlatos em universidades, escolas, centros culturais e para grupos.

Artigo: a preguiça, a esmola e o comodismo


Por Leandro Ferreira Carvalho,

O que está por trás de um ato de doar uma cesta básica ou dar um cartão cidadão mensalmente que proporciona uma alimentação básica para uma família gratuitamente?

Vejo que por trás desta atitude “benéfica” se esconde um mal que traz consequências danosas à sociedade, primeiramente a família que recebe a doação contraria um dizer espiritual “Do teu suor comerás”, já que está sendo fomentado a preguiça; o desanimo; 

o comodismo que ficará sempre esperando que alguém tenha dó daquela situação e faça lhe um agrado, ao invés de arrancar as estacas e numa atitude, ir buscar o seu pão de cada dia, comendo do teu suor e não das migalhas do suor de outros.  

E neste ponto que chegamos à conclusão que o bem praticado na verdade causou um grande mal, pois neste ambiente de desanimo, morosidade, surgi a inveja, que pode desvirtuar para a má querência, ódio, o desejo do mal. 

Se neste diapasão, ao invés de doar um bem, negando e mostrado que para ter o desejado é necessário pagar um preço de esforço, de privação, para sim merecer possuir aquilo que deseja e claro que quem teve aquele bem negado vai transformar a energia do “não” em impulso para buscar ter o desejado ou até mais, assim o mal praticado em negar na verdade trouxe consequência boas. 

Então o que é fazer o bem?

A riqueza material nós traz uma pobreza espiritual e a matéria é passageira e o objetivo é juntar “tesouros no céu” e para isso devemos ter atitudes boas, nobres; sermos bons filhos; sermos bons pais; cuidar dos irmãos. 

Enfrentando sentimentos de cobiça; inveja que pode levar a mentira, raiva, que é caminho também para prática de delitos e outros sentimentos ruins. 

Estamos cercados por influências negativas que nos cegam e não nos atemos a procurar moedas espirituais e passamos a vida em ilusões que já sabemos que não vamos levar. 

Então precisamos encontrar caminho do bem, da evolução espiritual e livrar-nos de sentimentos que prende-nos a um mundo falso, passageiro e pequeno e nos elevar ao verdadeiro objetivo que é evoluir e neste ponto, acredito que fazer o bem e mostrar que a preguiça é errado, comer do suor dos outros é errado; desejar o bem do outro é errado. 

Tomar o bem do outro é errado, mostrando atitudes que façam o indivíduo ver o outro com as mesmas capacidade e que o livre arbitro que o fez está na situação que se encontra, ou seja, colhe o que se planta, isso em termos amplos (sentimentos e atitudes).

Fórum alternativo mundial da água reúne com lideranças kalungas de Cavalcante (GO)



Por Evônio Madureira,

A reunião aconteceu na tarde de domingo(25) na sede da Associação Kalunga de Cavalcante, onde os convidados foram recepcionados pela professora Eriene, atual presidente da associação. Um dos objetivos da reunião foi a socialização das demandas e desafios dos municípios que compõe ao Território da Chapada: Campos Belos, Monte Alegre, Nova Roma, Teresina, Cavalcante, Colinas, alto Paraíso e São João D’Aliança.

Os convidados lotaram o salão de reuniões da associação kalunga e os participantes ficaram impressionados pela participação de todos em torno da união em defesa da água e o meio ambiente como um todo. A energia positiva das pessoas disseminou uma luz que iluminou a mente de todos no sentido de promover a união e a paz entre os povos da chapada em torno de um só objetivo, que é a defesa da água, o nosso Bem Maior.

O  Comitê das Águas da Chapada – FAMA 2018 foi criada em Alto Paraíso por um grupo de pessoas de vários segmentos da sociedade ligadas a defesa do meio ambiente. A comissão do Fórum Alternativo Mundial da Água (DF) esteve presente na reunião e esclareceu dúvidas sobre o evento e como organizar as caravanas e participação no Fórum, em Brasília de 17 a 22 de Março.

As lideranças kalungas do Vão do Moleque, Vão de Almas, Engenho II, Morro, Capela, São Domingos, fizeram uma roda de conversa com a comissão FAMA e Comitê das Águas da Chapada e encaminharam as principais demandas dos quilombolas, ficando acertado, entre vários assuntos, o apoio do Coordenador Geral do Território da Cidadania, Ribamar Neto, para oficializar o pedido dos ônibus para as prefeituras de Cavalcante, Monte Alegre e Teresina de Goiás, levar as caravanas no FAMA 2018 em Brasília.

O FAMA é um evento internacional, democrático e que pretende reunir mundialmente organizações e movimentos sociais que lutam em defesa da água como direito elementar à vida.

Este  Fórum pretende unificar a luta contra a tentativa das grandes corporações em transformar a água em uma mercadoria, privatizando as reservas e fontes naturais de água tentando transformar este direito em um recurso inalcançável  para  muitas populações, que, com isso, sofrem exclusão social, pobreza e se vêm envolvidas em conflitos e guerras de todo o tipo.

Várias entidades brasileiras e internacionais se reuniram e decidiram impulsionar este evento, como continuidade de Fóruns Alternativos anteriores, como os realizados em Daegu, na  Coreia do Sul, e em Marselha, na França.

Este  Fórum  se  contrapõe ao  autodenominado “Fórum Mundial da Água” que é um encontro promovido pelos grandes grupos econômicos que defendem a privatização das fontes naturais e dos serviços públicos de água.

Como  já foi  afirmado  em encontros anteriores o ‘8o Fórum Mundial da Água’ é ilegítimo. É uma feira de negócios que visa promover um mercado que dá acesso às multinacionais do setor de água e do saneamento. 

A portas fechadas, este evento permite que as grandes empresas tenham acesso privilegiado às decisões dos governos e bloqueiam, a base de corruptelas e subornos, o avanço de políticas públicas globais que resolvam a crise de acesso à água.

Para os organizadores do  “Fórum Alternativo – FAMA2018”,  as políticas públicas de água devem ser debatidas democraticamente com as populações e, em particular, com as comunidades afetadas.

No FAMA 2018 serão debatidos os temas centrais de defesa pública e controle social das fontes de  água, o acesso democrático à água, a luta contra as privatizações dos mananciais, as barragens e em defesa dos povos atingidos, serviços  públicos de água e saneamento e as políticas  públicas necessárias para o controle social do uso da água e preservação ambiental, que garanta o ciclo natural da água em todo o planeta.





Campos Belos: morre o professor Nailton



Por Jefferson Victor,

Morreu nesta terça feira (27),  por volta das 11h, de causas naturais, o professor Nailton Mendes Silva, 53 anos, natural de Itabuna na Bahia.

O professor sofreu um infarto no sábado, foi encaminhado a Goiânia onde foi internado na manhã de domingo, seu estado era muito grave, e infelizmente veio a óbito no dia de hoje.

Ele ingressou no serviço público em 1993 começando a lecionar no Colégio Felismina.

Em 1994 foi transferido para o  Colégio Polivalente onde permaneceu até seus últimos dias.

Nailton cursou matemática  na UEG, Universidade Estadual de Goiás, com isso tornou-se um especialista na matéria, era muito querido por seus alunos, e costumava dizer que eram seus filhos e os colegas de trabalho seus verdadeiros irmãos.

Segundo informações, Nailton era uma pessoa religiosa, muito místico, e dizia ter uma filha, perdeu a mãe quando era criança, e foi criado pela avó.
Interessava-se muito pela política, e era um exímio defensor da classe dos professores.

Nas manifestações pela melhoria nas condições de trabalho, sempre portava uma bandeira e era um destaque nos atos públicos.

Hoje as aulas foram suspensas, a direção do Colégio polivalente colocou uma faixa preta em sinal de luto, há um clima de comoção entre alunos e professores pelo passamento de um colega e amigo de formai tão precoce.

Não se tem notícias de parentes do professor em Campos Belos, pouco se sabe sobre a sua família que reside em sua de maioria na Bahia.

Externamos os nossos sentimentos á família do Nailton, e principalmente aos seus alunos e colegas de trabalho, os quais estão passando por um momento difícil com a perda de um ser humano tão dedicado e que adotou Campos Belos como sua terra natal.

Até a conclusão desta matéria, a programação inicial é que seu corpo será velado a partir das 02h00 desta quarta-feira (28), no Colégio Polivalente, sua segunda casa, como ele mesmo dizia, e o sepultamento será realizado em horário ainda indefinido no cemitério local.

Nota da UEG

"Nota de falecimento do Prof. Nailton Mendes da Silva. 

É com todo pesar que vimos trazer a triste notícia do falecimento de nosso querido amigo Prof Nailton Mendes da Silva. Ele parte deixando-nos muitas lições de amor, amizade, profissionalismo, ética e humanidade. 

As pessoas são insubstituíveis em sua existência, e quando são especiais, além da falta que fazem àqueles que as amam, deixam o mundo mais pobre. Sem o nosso amigo, o mundo perde um pouco do seu brilho, alegria e cor.

Não temos palavras para expressar os nossos sentimentos. Pedimos a Deus que conforte o coração dos familiares e amigos neste momento de dor. Que a luz e o amor divino pairem sobre a alma de quem sofre esta imensurável perda, e os console e lhes dê serenidade para atravessar esta tempestade.

O Prof Nailton foi aluno da UEG Campus Campos Belos no Curso de Licenciatura em Matemática.

A Deus pedimos também que dê ao nosso amigo Nailton o merecido repouso eterno em seu reino. Muito respeitosamente, prestamos as nossas condolências e deixamos os nossos mais sinceros pêsames."

segunda-feira, 26 de fevereiro de 2018

Belzinha completa 70 anos e quer conhecer Amado Batista, o rei do brega



A comunidade de Campos Belos, nordeste de Goiás, está preparando uma grande festa de aniversário dos 70 anos de "Belzinha".

Feliz da vida com a festança, que acontece no próximo dia 11 de março, Belzinha já pediu logo seu presente.

Deseja, nada mais, que realizar o seu grande sonho: conhecer o cantor Amado Batista, de quem é fã há décadas.

Toda arrumadinha, ela foi às redes sociais pedi, ao menos, uma mensagem do rei do brega. 

Será que Amado Batista vai atender?

De Goiânia, tropa de elite do exército conhecida como “os fantasmas”, chega ao Rio de Janeiro



Uma tropa que recebe treinamento de alto nível, com sede em Goiânia, chegou ao Rio de Janeiro para ficar na linha de frente da intervenção federal na área da segurança pública do estado, sob o comando do general Walter Souza Braga Netto.

Entre os militares, seus integrantes são chamados de “os fantasmas” por atuarem nas sombras, em operações sempre cercadas de sigilo. 

O Batalhão de Forças Especiais do Exército conta com aproximadamente 2 mil homens. Não raro, eles são comparados aos Navy Seals da Marinha americana, que mataram Osama bin Laden no Paquistão em 2011. 

Esses militares, preparados para ações antiterror, têm nas mãos uma missão muito difícil: expulsar o tráfico e as milícias de algumas favelas cariocas.

Coronel da reserva e ex-integrante das Forças Especiais, Fernando Montenegro coordenou a ocupação do Complexo do Alemão, em 2010. Ele explica que o grupo tem um nível de preparo muito superior à média da tropa do Exército. 

Além de táticas de guerrilha, “os fantasmas” aprendem estratégias de combate à criminalidade urbana durante o período de formação: fazem treinamentos com oficiais do Bope da PM e com militares de unidades especiais de outros países.

É por isso que se espera, nas ruas, um resultado muito diferente dos obtidos até agora pelas operações de Garantia da Lei e da Ordem no Rio. 

Os integrantes das Forças Especiais passam por um rígido processo de seleção no Forte Imbuí, em Niterói, antes de seguirem para um mínimo de cinco anos de preparação em Goiânia.

fonte: O Globo 

Imagem do dia: Campos Belos visto por cima


Polícia Civil prende mulher acusada de mandar matar a amante do marido, há 29 anos, em Porto Nacional


Policiais Civis da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), de Porto Nacional, comandados pelo delegado Wagner Raiely Siqueira Pereira, prenderam, na tarde da última sexta-feira, 23, em Aliança do Tocantins, Lindalva A. C., de 67 anos de idade.

Ela é a acusada de ser a mandante do homicídio, que vitimou a jovem Marlene Rodrigues Abreu, de 20 anos, fato ocorrido no dia 16 de junho de 1989 e foi capturada, mediante cumprimento de mandado de prisão preventiva.

De acordo com o delegado Wagner Siqueira, após investigações realizadas pelos policiais civis da DHPP de Porto Nacional, foi possível localizar o paradeiro de Lindalva, a qual se encontrava na cidade de Aliança. 

Com base nas informações, os agentes deslocaram-se até o município e efetuaram a prisão da mulher.

Após ser capturada, a autora foi recambiada para Porto Nacional, onde prestou depoimento ao delegado Wagner Siqueira. 

Após os procedimentos legais cabíveis, Lindalva será recolhida a Unidade Prisional Feminina de Palmas, onde permanecerá à disposição do Poder Judiciário.

O crime

Ainda conforme o delegado, no dia 16 de junho de 1989 , por volta das 3h da madrugada, em Porto Nacional, a vítima Marlene Rodrigues Abreu foi alvejada no pescoço por um disparo de arma de fogo. 

De acordo com as investigações realizadas pela Polícia Civil, a época dos fatos, o crime teria sido praticado por um pistoleiro a mando de Lindalva.

Os policiais civis também descobriram, durante a investigação, que o crime teria sido motivado pelo fato de Marlene manter um relacionamento extraconjugal com o marido de Lindalva, sendo que ao descobrir o fato, a autora inconformada, teria contratado um pistoleiro para matar a rival.

Devido aos ferimentos, a vítima ficou tetraplégica e faleceu, dois meses depois do crime. 

Desde a época dos fatos, as suspeitas recaíram sobre Lindalva, devido ao fato de que ela já havia ameaçado a vítima de morte por algumas vezes, afirmando que se não a matasse, pagaria um pistoleiro para fazê-lo. 

Logo após o crime, Lindalva foi ouvida pela Polícia Civil, mas temendo ser presa, fugiu e nunca mais foi vista, permanecendo foragida da Justiça durante 29 anos, até a data de sexta.

Fonte: PC TO

Norte e Nordeste passam a receber alerta de desastres naturais nessa segunda-feira


Os estados das regiões Norte e Nordeste passam a contar a partir dessa segunda-feira, 26, com o serviço do sistema de alerta de desastres naturais via mensagens de texto (SMS). 

Com isso, o sistema, que tem por objetivo prevenir e orientar as pessoas quanto aos procedimentos que devem ser adotados diante do risco de inundações, alagamentos, temporais ou deslizamentos de terra, entre outras ocorrências, passará a cobrir todo o Brasil.

A implantação ficou a cargo da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), em parceria com a Defesa Civil e com o apoio das empresas de telecomunicações.

A previsão inicial era que o serviço começasse a funcionar nessas regiões a partir do dia 19 de março. Contudo, no dia 15, o Sindicato Nacional das Empresas de Telefonia e de Serviço Móvel Celular e Pessoal (SindiTelebrasil) informou que a entrada em funcionamento do sistema de alerta de desastres naturais via SMS em estados das Regiões Norte e Nordeste foi antecipada para esta segunda-feira.

O sistema envia o alerta por mensagens de texto para os celulares em caso de iminência de desastres naturais. 

O envio das mensagens ficará a cargo do Cenad (Centro Nacional de Gerenciamento de Riscos e Desastres) e Defesa Civil dos estados e municípios. 

A partir do próximo ano, a implantação deverá ocorrer gradualmente para outros estados.

A mensagem de texto que a população receberá da Defesa Civil será: “Defesa Civil informa: novo serviço de envio de SMS gratuito de alertas de riscos de desastres. Para se cadastrar responda para 40199 com CEP de interesse”.

Qualquer pessoa que estiver em uma das localidades atendidas pode se cadastrar, mesmo não tendo recebido a mensagem e não sendo morador da região, desde que informe um CEP do local atendido.

Ao fim do cadastro, o usuário receberá uma mensagem que vai informar que o celular está apto a receber alertas e recomendações de Defesa Civil. Também será possível cancelar o serviço por mensagem de celular.

Sistema

O sistema de envio de SMS para alerta de desastres começou a ser utilizado no Japão a partir de 2007. Atualmente, ele também funciona em mais de 20 países.

No dia 19 deste mês, o serviço foi ativado no Distrito Federal, Mato Grosso e Tocantins. 

O projeto-piloto foi colocado em prática em fevereiro do ano passado. Inicialmente o sistema foi ativado em 20 municípios de Santa Catarina, onde moram cerca de 500 mil habitantes.

Essas cidades foram escolhidas por conta de eventos meteorológicos com potencial de acidentes, entre eles, ressacas, vendavais, alagamentos, enxurradas e granizo.

Durante aula inaugural de pós-graduação para professores, Paulo Mourão anuncia mais R$ 1 milhão em emendas



Durante a aula inaugural do curso de especialização Lato Sensu Linguagens, Cultura, Educação e Tecnologia, ocorrida na manhã deste sábado, dia 24, no campus da Universidade Federal do Tocantins (UFT), em Palmas, o deputado Paulo Mourão (PT) anunciou mais emendas para a UFT investir na capacitação de professores. 

O montante dessa vez é de R$ 1 milhão. 

O valor será destinado à capacitação de professores, com enfoque nos que atuam nas áreas de Ciências (Biologia, Química e Física), e Matemática. 

Deste valor, R$ 100 mil será destinado à um laboratório de Gastronomia em Arraias e capacitação da rede de restaurantes do sudeste, região turística dos Azuis.

Paulo Mourão tem a educação como uma de suas principais bandeiras de defesa, desde que entrou para a vida pública. 

O curso de especialização iniciado neste sábado está sendo oferecido pela UFT a professores da rede pública graças a uma emenda do parlamentar de 2016 no valor de R$ 260 mil. 

São duas turmas de especialização, cada uma com 60 professores. A outra especialização na área de Sociedade, Gestão Democrática e Trabalho Docente, está sendo oferecida para professores de Araguaína. 

A especialização é oferecido pela UFT, em parceria com o Sindicato dos Trabalhadores em Educação (Sintet) e Secretaria de Estado da Educação, Juventude e Esportes (Seduc).

O curso é destinado a professores da rede pública de ensino e será oferecido pela UFT, em parceria com o Sindicato dos Trabalhadores em Educação (Sintet) e Secretaria de Estado da Educação, Juventude e Esportes (Seduc).

Mourão acredita que qualificando os professores estará melhorando o nível de aprendizagem dos alunos e assim formando cidadãos mais bem preparados. 

“A modernização tecnológica que precisamos tanto nas nossas escolas passa, de forma imprescindível, pela eficiência pedagógica dos nossos professores, garantindo às nossas crianças e jovens um ensino de qualidade”, declarou.

O parlamentar reitera que o mundo se prepara para um processo nunca visto de competitividade que será balizado e ancorado essencialmente no saber. “Precisamos estar muito bem qualificados nessa questão da competência do saber”, avalia.

A diretora de Pós-Graduação da UFT, Karileila dos Santos Andrade, explicou que a especialização contempla professores da educação básica da rede pública municipal e estadual no processo de formação continuada. 

Karileila disse ainda que as emendas anunciadas pelo deputado Paulo Mourão para a formação de professores das áreas de Ciências (Biologia, Química e Física), e Matemática vão abranger vários municípios. 

“São áreas carentes aqui no estado, diante dos índices da educação básica, portanto extremamente importantes”, destacou.

Todos Contra a Corrupção

A palestra com o tema “Todos Contra a Corrupção”, ministrada pela promotora de Justiça do Ministério Público do Distrito Federal e Territórios (MPDFT), Luciana Asper, prendeu a atenção do público formado por professores e autoridades convidadas, durante a aula inaugural do curso de especialização. 

Luciana é coordenadora do Fórum Nacional de Combate à Corrupção do Conselho Nacional do Ministério Público e coordenadora da campanha “10 Medidas Contra a Corrupção”, também coordena a campanha do órgão Todos Juntos Contra a Corrupção.

Luciana falou de sua experiência como promotora de justiça para combater a corrupção no País. Ela considera que a operação Lava Jato trouxe um avanço muito grande nesse aspecto. “A Lava Jato é um rompimento com a impunidade, ela deixa um recado de que os dias de impunidade estão chegando ao fim”, disse.

A promotora defende que a corrupção é um problema a ser enfrentado através de uma ação coletiva, que cada um deve fazer sua parte no dia a dia, nas questões mais simples como não furar uma fila no hospital, não pagar propina para o guarda de trânsito, não vender o voto, não pedir favores através do famoso “jeitinho brasileiro”.  

“O estado não consegue enfrentar esse problema sozinho”, diz ela defendendo que o Brasil adote uma agenda de combate à corrupção através da integridade.

Ela considera que esse é um processo à longo prazo. 

“Você não resolve um problema de 500 anos, em dois, três ou cinco anos, o importante é começar fazer essa caminhada de forma estratégica acreditando que vamos fazer essa mudança cultural”, afirma.

Fonte: CT

UFT abre seleção para preencher vagas remanescentes do Sisu


Universidade Federal do Tocantins (UFT) abriu edital para preencher as vagas remanescentes do Sistema de Seleção Unificada (Sisu). 

São oferecidas 723 vagas para ingresso no primeiro semestre deste ano. As inscrições são gratuitas e devem começar nesta terça-feira (27), no site da UFT. O prazo segue até o dia 4 de março.

No edital estão previstas três modalidades de concorrência: ampla concorrência, ações afirmativas destinadas a indígenas e quilombolas e pelo sistema de cotas para alunos de escolas públicas.

O processo seletivo é destinado para os candidatos que tenham participado da edição do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) referente ao ano de 2016 ou 2017, independente de participação ou inscrição no processo seletivo do Sisu.

As vagas são para os câmpus de Araguaína, Arraias, Gurupi, Miracema, Palmas, Porto Nacional, Tocantinópolis.

Veja no edital a relação do número de vagas para cada curso.

O processo seletivo complementar tem como objetivo o preenchimento de vagas remanescentes nos cursos presenciais de graduação por motivos de não ocupação, desistências e cancelamentos dos alunos selecionados no Sisu.

Fonte: g1

Mais chuva: Ministério da Integração Nacional reconhece situação de emergência em Nova Roma (GO)


O Ministério da Integração Nacional reconheceu a situação de emergência no município de Nova Roma, no nordeste goiano.

A portaria foi publicada no Diário Oficial da União (DOU). O município sofreu com as fortes chuvas durante o mês de janeiro.

O reconhecimento de situação de emergência facilita o acesso da prefeitura a recursos federais para recuperação após os danos causados pelas chuvas.

Para ter acesso ao apoio emergencial, o município deve apresentar um relatório com os danos. Também é necessário entregar um plano com as ações que pretendem ser tomadas.

Fonte: Governo Federal 

Chuva: Defesa Civil Nacional decreta situação de emergência em Flores de Goiás após alagamento


A Defesa Civil Nacional decretou situação de emergência Flores de Goiás após a cidade ficar alagada devido a fortes chuvas. 

Com isso, a prefeitura pode pedir apoio do Governo Federal para ações de socorro e também restabelecer serviços essenciais.

O decreto foi publicado no Diário Oficial da União no dia 22 de fevereiro. Entretanto, as chuvas que alagaram a cidade aconteceram em dezembro de 2017.

A reportagem tentou contato com a Prefeitura de Flores de Goiás por telefone para saber sobre a recuperação dos estragos da chuva, mas as ligações não foram atendidas.

A situação de emergência tem o prazo de 180 dias. Para ter acesso ao apoio emergencial da Secretaria Nacional de Proteção e Defesa Civil, o município deve apresentar um relatório com os danos após o alagamento. Também é necessário entregar um plano com as ações que pretendem ser tomadas.

Caso as documentações sejam aprovadas, é definido um valor para auxiliar a cidade e a verba é liberada.

Fonte: G1



Nove presos fogem da cadeia de Águas Lindas de Goiás por buraco em parede



Nove presos fugiram na madrugada desta segunda-feira (26) do presídio de Águas Lindas de Goiás, no Entorno do Distrito Federal, por meio de um buraco na parede. 

O incidente aconteceu por volta de 4h. Dois dos homens foram recapturados.

De acordo com a Diretoria-Geral de Administração Penitenciária (DGAP), o buraco foi aberto na parede dos fundos da cela 4B, que dá acesso à rua. 

O órgão determinou a abertura de uma sindicância para apurar as circunstâncias da fuga.

Os foragidos foram identificados como João Francisco de Carvalho Souza, Rafael Bezerra Pereira Ferreira da Silva, Fábio Luís Silva Nunes, Carlos Alberto Carvalho Cavalcante, William Ferreira dos Santos, Elenilton Santos Carvalho e Leonardo Santos Barros. De acordo com a DGAP, eles respondem por crimes como roubo e furto.

Outro caso

Dez presos fugiram em 25 de dezembro do presídio de Águas Lindas de Goiás, também por um buraco na parede. 

De acordo com a Superintendência Executiva de Administração Penitenciária (Seap), na ocasião, um agente penitenciário viu pelas câmeras o movimento e fez o alerta geral, mas não conseguiu impedir a fuga.

Fonte: G1

Saneago lança programa de renegociação de dívidas; desconto sobre multas e juros chega a 98%


A Saneago lança nesta segunda-feira (26) a nova edição do programa Sanear, voltado para clientes que possuam débitos relacionados à companhia vencidos até o mês de julho de 2017. 


A meta da empresa é negociar em torno de R$ 3 milhões do débito pendente e, para isso, são oferecidos descontos de 50 a 98% sobre os valores da multa e juros.

Todos os clientes da categoria particular e pública, com pendências até esse período, podem procurar as agências de atendimento da Companhia nas unidades do Vapt Vupt, para negociarem os seus débitos. 

Quem optar pelo pagamento à vista, terá um desconto de 98% sobre os valores de multa e juros, incidentes nas faturas até a referência 07/2017.

O pagamento dos débitos também pode ser parcelado, com desconto progressivo variando entre 50% e 70% sobre os valores de multas e juros, de acordo com o número de parcelas, mediante o pagamento de 10% do valor como entrada, desde que este valor não seja inferior a R$ 100,00 (categoria particular) e R$ 500,00 (categoria pública).

O parcelamento pode ser feito em até 60 meses, corrigido por juros de 1º ao mês.

Parcelamento Desconto sobre multa e juros:
até 12 vezes 70%
de 13 a 24 vezes 65%
de 25 a 36 vezes 60%
de 37 a 48 vezes 55%
de 49 a 60 vezes 50%

A negociação à vista poderá ser feita pelo proprietário do imóvel ou por terceiro interessado, com apresentação dos seguintes documentos de identidade e CPF, além de um telefone de contato. 

Em caso de parcelamento, a negociação poderá ser feita pelo proprietário do imóvel, com apresentação dos documentos de identidade e CPF, telefone de contato e documento que comprove legalmente a propriedade (escritura, recibo ou contrato de compra, termo de posse) ou pelo cliente que não seja proprietário do imóvel, munido de procuração por Instrumento Público com poderes específicos para a negociação de débito.

Programa Sanear 2018
Data: 26/02/2018 a 30/04/2018
Local: Agências de Atendimento Presencial da Saneago e Unidades do Vapt Vupt
Canal de Atendimento Telefônico: 0800-6450115

Fonte: Mais Goias e Saneago 

Rodovia da morte: Homem morre após veículo em que estava capotar na GO-116, em Formosa


Um homem morreu na noite deste sábado (24) após o veículo em que estava capotar na GO-116, próximo à Formosa, no Entorno do Distrito Federal. 

Outros quatro ocupantes do veículo foram encaminhados para o Hospital Municipal do município com diversos ferimentos.

Segundo o Corpo de Bombeiros, as vítimas tinham entre 22 e 54 anos. Testemunhas relataram à corporação que o Nissan Frontier que o grupo estava seguia pela rodovia no sentido do Salto de Itiquira, quando, em uma curva, o condutor perdeu o controle, saiu da pista e capotou.

Os sobreviventes apresentaram cortes em diversos membros e alguns com suspeitas de alguma fraturas. 

A vítima, que estava no banco de trás do veículo, não resistiu a lesão crânio-encefálica que sofreu. 

O corpo da vítima fatal ficou sob cuidados da Polícia Militar e, posteriormente, encaminhado para o Instituto Médico Legal de Formosa.

domingo, 25 de fevereiro de 2018

Alto Paraíso, Cavalcante e Mambaí/GO conquistam melhores posições na nova categorização do Ministério do Turismo


O Ministério do Turismo divulgou, na semana passada, nova categorização dos municípios turísticos brasileiros, com base na análise dos serviços de hospedagem. 

Os critérios para a classificação incluem quatro variáveis: a quantidade de empregos formais gerados pelos empreendimentos voltados para a hospedagem; quantidade de hotéis, pousadas, resorts e outros; demanda de recepção de turistas nacionais; e a demanda internacional de turistas.

As fontes dos dados são o banco de empregos do Ministério do Trabalho e Emprego (MTE), a Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe) e o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), que dão o panorama do desempenho da economia no turismo a partir das hospedagens.

Em Goiás, o setor comemora a ascensão de dez municípios que estão no Mapa do Turismo Brasileiro, todos subiram uma letra em relação à categorização anterior, realizada em 2014: Abadiânia, Alto Paraíso de Goiás, Caçu, Campos Verdes, Catalão, Cavalcante, Corumbá de Goiás, Mambaí, Pirenópolis e Turvelândia.

Alguns merecem destaque, como Alto Paraíso de Goiás, integrante da Região Turística da Chapada dos Veadeiros e um dos principais indutores do turismo nacional, que tem visto sua economia crescer por causa da melhoria e formalização da atividade. 

O mesmo vale para Cavalcante, na mesma região, que também tem vivenciado o crescimento econômico devido a investimentos públicos e privados e consequente aumento do fluxo turístico.

Vale ainda ressaltar o esforço da cidade de Abadiânia, que passou da categoria C para a B, por causa da grande demanda de turistas internacionais atraídos pelo turismo religioso, e a pequena Mambaí, que vem se transformando em referência nacional em turismo de aventura.

Segundo o coordenador de Estruturação de Destinos Turísticos da Goiás Turismo, Luciano Guimarães Soares, os municípios que subiram de categoria souberam aproveitar os incentivos do governo federal e estadual, investimentos na divulgação dos destinos, no marketing e na estruturação. 

“A Goiás Turismo, por exemplo, tem investido em press trips, participação nas feiras nacionais e internacionais, realização de grandes eventos gastronômicos e culturais pelo estado. E isso melhora o desempenho da economia do turismo para os destinos”, analisa Soares.

Em Goiás, além de Goiânia, outros dois municípios já alcançaram a categoria A, onde eram enquadradas somente as capitais de estados: Caldas Novas e Pirenópolis, que recebeu a nova letra agora.

“Esses municípios concorrem em pé de igualdade com qualquer destino turístico importante do Brasil”, avalia Soares, que é turismólogo por formação. 

Ele conta que quatro cidades foram rebaixadas na nova categorização, Valparaíso de Goiás que foi da categoria C para a D; e Damianópolis, Leopoldo de Bulhões e Santa Cruz de Goiás que baixaram de D para a E. 

Luciano Soares explica que esses municípios são pequenos, entraram para o Mapa em 2017, e começaram a se organizar e a desenvolver seu turismo recentemente.

Assessoria de Comunicação da Goiás Turismo