Banner 1

Banner 1

sexta-feira, 24 de novembro de 2017

Tocantins: Prefeitos do Vale do Rio Palma unidos atendendo convocação da ATM para marcha de Brasília


Os prefeitos do Consórcio Intermunicipal de Desenvolvimento Sustentável (CIDS) do Vale do Rio Palma, no Sudeste tocantinense, Dolfin de Combinado, Roberto Cesar de Lavandeira, Fernando de Novo Alegre e Miranda Taguatinga (foto), e Caçula de Aurora, atendem convocação da Confederação Nacional dos Municípios (CNM) e da Associação Tocantinense dos Municípios (ATM) partiram rumo a Brasília para a 20ª Marcha em defesa dos municípios durante essa semana de "21 a 25 de novembro".

Entre as proposta da marcha está pressão aos congressistas pela derrubada do veto do INSS com relação ao parcelamento das dividas e encontro de contas do instituto com os municípios brasileiros. 

O INSS deve bilhões aos municípios e não se atenta para pagar, enquanto arrocha os prefeitos para pagar o que é devido pelos municípios.

Outra negociação dos prefeitos é com relação aos precatórios dos municípios que tem até 2020 para pagar e trabalham com a possibilidade de prorrogar até 2030. 

O município de Taguatinga, por exemplo, tem uma divida milionária de cerca de R$ 15 milhões, com a prorrogação dará mais fôlego ao atual gestor que assumiu no meado deste ano.

Os prefeitos de todo o Brasil foram convocados pelo movimento municipalista nacional a comparecerem em Brasília, a fim de pressionar deputados e senadores para votação de matérias de interesse do municipalismo que tramitam nas Casas, além de um auxílio financeiro com o Executivo Federal, no valor de R$ 4 bilhões, a serem distribuídas as prefeituras brasileiras.

Com informações do Tribunal do Interior 

Nenhum comentário:

Postar um comentário