Banner 1

Banner 1

sábado, 11 de novembro de 2017

Energia em Campos Belos: um poema à nossa maravilhosa concessionaria



Por Jefferson Victor,

Eu nasci notra cidade adispois eu mudei pra cá
Aqui formei famia, e peguei esta mania di
aqui querê fica                                                               

Tem muitu Brasiu afora ondi muita genti mora
Mais não saiu desti lugá, adispois qui a genti gosta
i aprecia a moradia, outru lugá num servi
num tem a  menor  serventia, num  presta pra genti habitá.

Só qui quandu cumeça a chuvê o morado já cumeça a sofrê
Cum a queda  di energia, qui  farta di noiti i di dia
Trazenu muita agunia, da raiva qui farta é morrê.

Mi adisculpe estis moçus qui trabaia nessa impresa
É qui oceis so tem destreza quandu a luiz oceis vãu cortá,
Cum o alicati na mãu,  corta numa rapideis e nem avisa o fregueis

Qui venceu a conta do meis i qui eli deixô di pagá.

Adispois a religaçãu é muita  humilhaçãu qui o cidadãu vai tê di passá Tem qui quitá a fatura e vai na repartiçãu levandu a conta na mãu, I tem que pagá uma taxa pra sai da escuridão.

Ainda bem qui ainda existi essa  tar di democracia, qui diz qui a gente
Elogia mais tamém podi xingá.

Eita firma miserenta, mula veia  di cara marrenta, fuzaca de monguagá, capeta de seti infernu, vestino um terno amarelu, muzenga de Ali Babá.

Cadê os treis pudê, qui manda nesta cidadi, usi
A sua otoridade pra mode a coisa funcioná, tô falano
Du prefeitu, juiz e veriador vê se junta oceis treis,
Todu mundo  di uma  só veiz  pa fazê a coisa mudá.

Si a genti num paga a conta, corta luiz cum quinzi dia, mais quandu a luiz acaba por conta di um chuviscu passamu a corrê riscu é uma eterna agunia.

Si o cachorro mija no posti, a luiz custuma fartà
Aí tem qui rezá  e conta cum muita sorti pidino pra ela vortá.

Si assistir televisãu e o moço da a previsãu diz  qui  vai cumeçá a chuvê, uma vela já tem qui acendê  pra esperar a escuridão, dai é a veiz do ladrão entrá na casa du povu, e leva tudo di novu e deixa o cabra na mão.

Todo mundo já sabe u risco,
Causado por um chuviscu i já cumeça a prepará
pra ficá até treis dias isperando pra  luiz vortá.

As coisa da geladeira apodreci e não podi usá,
tem qui jogá  tudu no lixo só servi pra alimentá os  bixo
e a firma si nega a pagá, poê  pra mais  de vinti adivogadu,
ai o casu é findadu nem adianta tentá.

Todu anu qui tem eleiçãu, uns homi vistidu di ternu,
diz que vai resolvê a pendenga, mais  essis fio di quenga
adispois que recebi o votu, somi tudu pru inferno, 
só se  vê eles  em fotu.

Agora qui us gringus comprô, diz qui a coisa vai miorar,
tomara qui seja verdadi pra genti  elogiá, mais si elis num resolvê, podi  aprepará us ouvidu,
pois um povu aborrecidu nunca para di xingá.

Nenhum comentário:

Postar um comentário