Banner 1

Banner 1

sábado, 30 de setembro de 2017

Mostra de Cinema Político, em Goiânia, começa no dia 17


De 17 a 21 de outubro, a Vietnam Filmes e a Balaio Produções realizam o Manifesto - Mostra de Cinema Político com foco em Cuba, no Cine Cultura.

O projeto também promove o encontro de realizadores audiovisuais e dirigentes de instituições de cinema, da TV comunitária e Web TV universitária para difundir a produção regional e discutir parcerias que fortaleçam a diversidade e criem redes de exibição alternativa para dar visibilidade aos realizadores audiovisuais independentes e comunitários de outros territórios criativos da América Latina.

"Tudo começou quando fomos a Cuba em 2015 para gravar o programa piloto da série de TV Mostra seu Mundo, projeto inspirado nas videocartas produzidas pela emissora camponesa TV Serrana, em Serra Maestra. 

Pensamos ser importante dar visibilidade a uma iniciativa dessa natureza, já reconhecida pela UNESCO, assim como multiplicá-la regionalmente", contam os cineastas e coordenadores do Manifesto, Claudia Nunes e Erico Rassi.

A proposta interessou a Magnífica Mundi e a web TV da Faculdade de Informação e Comunicação (FIC), da Universidade Federal de Goiás (UFG), e foram iniciados os diálogos entre as duas emissoras para elaboração de uma parceria. 

Dessa forma, o evento foi pensado também para que dirigentes de instituições de ensino e do audiovisual goianos e cubanos se encontrassem para pensar formas de promover a troca de experiências, o intercâmbio de conteúdo e a criação de redes alternativas de pensamento, pesquisa e criação de novas linguagens e estéticas.

A ideia cresceu e, hoje, a diretora da FIC, Angelita Pereira de Lima, quer ampliar a futura parceria entre as emissoras de televisão, TV Serrana e Magnífica Mundi, para um acordo internacional entre a Universidade Federal de Goiás e a Universidade de Havana, que englobaria não apenas a troca de conteúdos, mas permitiria o desenvolvimento de pesquisas acadêmicas, idas e vindas de professores para andamento de projetos conjuntos e cursos na área de jornalismo e cinema.

Santiago Alvarez

A programação das mostras, com um forte foco político, traz para Goiânia um conjunto de produções inéditas na cidade e em boa parte do país. 

A principal delas é dedicada à obra do cineasta cubano Santiago Alvarez, considerado o cinecronista da Revolução Cubana. 

Sua vastíssima produção é inventiva e experimental, combinando diferentes elementos para construir uma narrativa revolucionária e extrapolar os limites na área.

Segundo o cineasta, a realidade no cinema não se capta, mas se constrói: "Gosto mais do filme documentário, pois, para mim, a realidade é uma ficção constante. Gosto de filmar e elaborar, a mim me interessa registrar e participar dessa realidade".

Além de seus filmes, ainda será apresentada uma conferência a respeito de sua obra ministrada por Lazara Herrera, viúva do cineasta e diretora da Oficina Santiago Alvarez, do Instituto Cubano de Arte e Indústria Cinematográficos (ICAIC).

As outras três mostras exibirão documentários produzidos pela TV Serrana, como a produção mais recente da Escola Internacional de Cine e TV de Cuba (EICTV), e filmes goianos, pouco vistos, de linguagem e temática mais inconformista, em sintonia com a obra do cineasta.

Para tornar possível esse panorama, o Manifesto conta com parceiros de peso no universo audiovisual latino-americano como o Instituto Cubano de Rádio e TV (ICRT) e a TV Serrana, uma emissora comunitária que tem a participação dos camponeses de Serra Maestra em sua produção; o Instituto Cubano de Arte e Indústria Cinematográficos (ICAIC); e a Escola Internacional de Cine e TV de Cuba (EICTV), dos quais estarão presentes representantes durante todo o evento.

Filmes goianos em Cuba

Outro parceiro é o Festival Internacional de Novo Cine Latinoamericano de Havana, que irá incluir em sua programação uma mostra de filmes goianos e abrirá espaço para a divulgação das parcerias construídas pelo Projeto Manifesto.

Nessa segunda etapa, de 9 a 19 de dezembro, uma comitiva de Goiás – formada pela diretora da FIC-UFG, Angelita Pereira de Lima, Milena Nominato, representante da Magnífica Mundi, e Sandro di Lima, Pró Reitor de Extensão do Instituto Federal de Goiás (IFG) e diretor do Campus Cidade de Goiás, onde funciona o Curso de Cinema e Audiovisual – estará em Havana (Cuba) para reunir-se com os dirigentes do ICAIC, ICRT, EICTV e Universidade de Havana para concluir as negociações iniciadas em Goiás e formular novos acordos de cooperação com a participação do IFG.

Fonte: Assessoria de Imprensa

Nenhum comentário:

Postar um comentário