Banner 1

Banner 1

segunda-feira, 11 de setembro de 2017

Imagem do Dia: equipe do Misto, na década de 1980


Em pé: Zé de Paulo, Moisés, Ádio, João Januário, Rafael e Quinha. 
Agachados: Wanderley Ceguinho, Sinval, Toquinha, Careca e Bira

Jefferson Victor deixou um novo comentário sobre a sua postagem "Imagem do Dia: equipe do Misto, na década de 1980": 


Por Jefferson Victor,

Eu era torcedor do Juventude, mas não há como negar que essa deve ter sido uma das melhores formações do time do misto. 

Dava gosto ver essa turma jogando. No ataque lembro também de Sinval, Mudinho e Edimilson de Arraias, não tinha defesa que suportasse a habilidade desses moços. Saudades daqueles tempos. 

Ali sim era futebol e não tinha enrolação. Misto e Juventude era uma espécie de Fla x flu, era um clássico regional que atraia torcedores de toda região. Eu costumo dizer que tive o privilégio de ver Sinval jogando. 

Eu o considero o mais completo jogador que já passou por essa região, era sem dúvida, melhor que muitos jogadores que já vestiram a camisa de nossa seleção. 

O que faltou na época foi oportunidade, se fosse nos dias de hoje, certamente ele jogaria na Europa, e estaria credenciado a atuar ao lado de Messi, Cristiano Ronaldo e Neymar. 

Atualmente estamos carentes de craques. Ivan Rodrigues, finado Bira, Zitão, Peru, eram também craques que levavam multidões ao campo de terra (hoje estádio), tinha até cascalho em determinadas localidades, mas aos nossos olhos era uma espécie de Arena. 

Ver esse pessoal jogar era o melhor programa do domingo, um privilégio que podemos vivenciar e que hoje é apenas saudades daquele tempo. Eramos felizes e não sabíamos. 

4 comentários:

  1. Eu era torcedor do Juventude, mas não há como negar que essa deve ter sido uma das melhores formações do time do misto. Dava gosto ver essa turma jogando. No ataque lembro também de Sinval, Mudinho e Edimilson de Arraias, não tinha defesa que suportasse a habilidade desses moços. Saudades daqueles tempos. Ali sim era futebol e não tinha enrolação. Misto e Juventude era uma espécie de Fla x flu, era um clássico regional que atraia torcedores de toda região. Eu costumo dizer que tive o privilégio de ver Sinval jogando. Eu o considero o mais completo jogador que já passou por essa região, era sem dúvida, melhor que muitos jogadores que já vestiram a camisa de nossa seleção. O que faltou na época foi oportunidade, se fosse nos dias de hoje, certamente ele jogaria na Europa, e estaria credenciado a atuar ao lado de Messi, Cristiano Ronaldo e Neymar. Atualmente estamos carentes de craques. Ivan Rodrigues, finado Bira, Zitão, Peru, eram também craques que levavam multidões ao campo de terra (hoje estádio), tinha até cascalho em determinadas localidades, mas aos nossos olhos era uma espécie de Arena. Ver esse pessoal jogar era o melhor programa do domingo, um privilégio que podemos vivenciar e que hoje é apenas saudades daquele tempo. Eramos felizes e não sabíamos.

    ResponderExcluir
  2. Fase de ouro! Que saudades dessa década. Que time maravilhoso, só craques nessa formação. Quero destacar nessa time: meu amigo BIRA E QUINHA, que não estão mais conosco. Campos continua maravilhosa, mas chega a doer na gente lembrar desse passado, porque foi bom demais! Demais! Demais!
    Abraços a vocês conterrâneos,
    Defilardes Barbosa Rocha.

    ResponderExcluir
  3. O Ze de Paulo e o Quinha são meus Tios,infelizmente não estão mais conosco.E
    o meu pai Paulo Reges já jogou se não me engano no Juventude.

    ResponderExcluir
  4. Acho que o Paulinho Reges jogou no Campos Belos. Não tenho certeza. Ou talvez em ambos. ..Paulinho foi o primeiro a falecer. Quinha faleceu recentemente. Não sabia que o Zé de Paulo também havia falecido. Saudades. Grandes pessoas. Grandes companheiros. ..

    ResponderExcluir