Banner 1

Banner 1

quinta-feira, 7 de setembro de 2017

Crianças da zona rural de Arraias (TO) estão sem estudar por falta de ônibus escolar


Crianças da zona rural de Arraias, sudeste do Tocantins, estão sem estudar. 

O motivo parece piada, mas é simplesmente por falta de condução escolar. 

A denúncia parte de Tanilla Moura, mulher de um dos proprietários de fazenda na região do distrito da Cana Brava. 

Segundo ela, crianças das fazendas Carparé e Guarani estão impedidas de irem à escola porque a estrada, de tão estragada, não permite que a condução escolar chegue aos locais. 

O vaqueiro da fazenda Carparé, de propriedade de Daniel Cunha Rosa, por exemplo, tem duas crianças que estão matriculadas numa escola municipal da Cana Brava, mas há muito tempo não pisam no espaço.

A família de trabalhadores rurais recebe o Bolsa Família e estão, inclusive, receosos de perderam o benefício.

O produtor Rural Daniel Cunha Rosa há muita luta para garantir o direito de as crianças irem à escola, e até protocolou uma reclamação junto Ministério Público do Tocantins.

Mas nem isso foi capaz de resolver o imbróglio, que esbarrou em pendengas burocráticas. 

O prefeito Wagner Gentil foi informado pessoalmente sobre o assunto em junho passado. 

O mês de setembro já está chegando em sua quinzena e o direito constitucional, sagrado, de educação dos pequeninos ainda não foi atendido. 

A pergunta é até quando esse imbróglio vai perdurar?

Com a palavra, a prefeitura de Arraias. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário