Banner 1

Banner 1

domingo, 9 de julho de 2017

Governo de Goiás volta a nomear ex-prefeitos para cargos comissionados. Assessoria voltou a falar em erro. Ex-prefeito de Posse (GO) aparece na lista


O Governo de Goiás voltou a nomear 15 dos 78 ex-prefeitos derrotados  - adversários políticos de Perillo - ou que não disputaram eleições em 2016 para cargos comissionados do Vapt Vupt e Detran, com salários de R$ 1.750.

Os nomes publicados na edição de quinta-feira (05), do Diário Oficial do Estado constavam também da lista revelada a cerca de duas semanas e que, atribuía a um erro, foi anulada.

Assim como ocorreu anteriormente, a assessoria de imprensa do governador Marconi Perillo (PSDB) atribuiu as nomeações a um erro e a maior parte dos atos foi revista em suplemento do DOE que também circula hoje.

A lista inclui o ex-prefeito de Posse, José Gouveia, o ex-prefeito de Alvorada do Norte, David Moreira, a ex-primeira dama de Santa Tereza de Goiás, Anair Maria de Jesus, e o filho do prefeito de Senador Canedo, Daniel Uitan Miguel Lemos.

A administração estadual não informou detalhes da causa deste segundo erro. 

A anulação publicada atinge os atos referentes aos 11 ex-prefeitos que foram, ao menos oficialmente, designados para postos de auxiliares técnicos do vapt vupt.

Repetindo o ocorrido anteriormente, os atos de nomeação foram publicados para o preenchimento de parte dos polêmicos 800 postos criados ou transformados no primeiro semestre.

Conforme apurado nos bastidores, da primeira vez as nomeações teriam ocorrido a partir de um erro no manuseio de lista de indicações de deputados que visavam atender demandas políticas em suas bases no interior, mas não necessariamente destinadas aos ex-prefeitos.

Fonte: O Popular

Nenhum comentário:

Postar um comentário