Banner 1

Banner 1

segunda-feira, 24 de abril de 2017

Alto Paraíso (GO): Documentário sobre Dona Flor, a parteira, tem estreia gratuita no DF



O documentário “Flor do Moinho” teve estreia gratuita, no último sábado (22/4), às 18h, no Cine Brasília (106/107 Sul). 

Idealizado por duas moradoras da capital, o curta de 52 minutos conta a história da parteira e raizeira Florentina Pereira dos Santos, conhecida como Dona Flor.

Não é a Dona Flor que tinha dois maridos, imortalizada no livro de Jorge Amado. Essa teve 46 filhos – 28 adotados – e realizou o parto de mais de 310 crianças.

Moradora do Povoado do Moinho, próximo a Alto Paraíso (GO), na Chapada dos Veadeiros, Dona Flor trabalhou como parteira, raizeira, garimpeira, tropeira, quitandeira, tecelã e agente de saúde. 

A história de sua vida foi descoberta em 2010 pela cineasta Érika Bauer, que buscava falar sobre as raizeiras do país e acabou encontrando, nessa forte mulher, a história que precisava para o documentário.

A exibição do curta no Cine Brasília faz parte da programação do Lobo Fest: Festival Internacional de Curtíssimos. Logo após o filme está programado um debate com a cineasta. 

Na conversa, Érika fala sobre a experiência de trabalhar com Dona Flor.

“Flor do Moinho” foi produzido após receber mais de R$ 85 mil em uma campanha de financiamento coletivo. 

O valor foi alcançado no logo no primeiro mês e superou o orçamento estipulado, que era de R$ 50 mil.

Fonte: Metropóles

Nenhum comentário:

Postar um comentário