Banner 1

segunda-feira, 6 de março de 2017

Arraias (TO): respeito e dignidade numa única obra. Mas por que tanto tempo?



A finalização de uma obra na cidade de Arraias, sudeste do Tocantins, nos chamou atenção nesta semana. 

O primeiro ponto é reconhecer quando um gestor faz uma coisa bacana. 

Batemos muito aqui no Blog, cobrando respeito e dignidade para com a educação das crianças e adolescentes do nordeste de Goiás e sudeste do Tocantins, reconhecidamente regiões pobres do país. 

Inúmeras vezes os descasos de prefeitos, de diversas cidades da região, com as escolas municipais, principalmente, aquelas localizadas nas zonas rurais ou em territórios quilombola. 

E quantas "escolas" insalubres instaladas em palhoças mostramos aos nossos leitores!

E dessa vez, temos a grata satisfação de apresentar uma mudança radical, a quebra de um círculo vicioso e perverso, de descaso.

Mudança que vai fazer a diferença na vida e no futuro de muita gente.   

Nas redes sociais, o nome do prefeito de Arraias, há dois meses no cargo, foi celebrado, com a inauguração dessa obra das fotos na comunidade Santa Rita. 

"O campeão de obras voltooouuuu! Inauguração da Escola Municipal João Francisco Costa! Idealizada, Começada e finalizada pelo gestor Wagner Gentil! Parabéns a Comunidade Santa Rita!

Parabéns Arraias! Veja o antes e o depois", comenta um internauta. 

Mas não podemos também deixar de ressaltar o comentário de outra leitora." 

"Parabéns a todos envolvidos pela concretização desse sonho. Afinal foram quase 10 anos de espera. Mas valeu a pena", afirma. 

E com razão. O prefeito Wagner Gentil acabou de assumir o cargo e idealizou a obra há quase 10 anos, quando assumiu o cargo de prefeito, pela primeira vez, em 2009. 

Quer dizer que a escola demorou quase uma década para sair do papel!?  

Foram 4 anos de Wagner Gentil (2009 -2012) e mais 4 anos de Cacildo Vasconcelos (2013-2016). 

O que explica tanta demora numa situação tão urgente?







Um comentário:

Anderson B. Santana disse...

parabéns pela escola, e pelo tempo recorde, dois meses pra fazer uma obra dessas, nem na obras particulares são comcluidas tão rapidame