Banner 1

terça-feira, 6 de dezembro de 2016

Diretor humilha aluno por causa de chinelo e acaba preso






Em Planaltina (DF), o vice-diretor de uma escola pública foi detido por humilhar um estudante de 12 anos, matriculado no 7º ano. 

O caso aconteceu no Centro de Ensino Fundamental Arapoanga, na segunda-feira (5), no turno vespertino. 

Um vídeo com as cenas do menino chorando na sala de aula viralizaram nas redes sociais.

Jordenes Ferreira da Silva teria agido para punir o menino, que tinha ido de chinelo para escola, e brincava descalço no pátio para não escorregar. 

O gestor escolar teria então, pisado no pé do garoto, pego as sandálias dele e o obrigado a voltar para a sala descalço.

“Não doeu tanto. O pior foi a vergonha que senti. Comecei a chorar e fui para a sala, descalço, como ele mandou”, relatou o aluno à reportagem do Jornal de Brasília.

Ele ainda relata: “Eu estava jogando futebol com os meus amigos no pátio. Começou uma confusão por causa da bolinha de papel que estávamos usando para brincar, e o diretor apareceu. Eu estava com a sandália nas mãos para não escorregar. 


Ele tomou meu chinelo, pisou no meu pé e disse ‘já que você quer tanto ficar descalço, agora vai para a sala assim’. 

Todo mundo ficou rindo de mim. Eu pedi licença depois que ele pisou e fui para a sala”.

A mãe do adolescente disse, em entrevista ao Correio Brasiliense, que ele está com vergonha de ir para a escola.

Jordenes foi preso em flagrante depois que o Conselho Tutelar recebeu a denúncia e foi até o local. De acordo com o artigo 232 do Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA): “nenhuma criança pode ser submetida a constrangimento ou vexame”.

O menino receberá acompanhamento psicológico.


Fonte: DM

Nenhum comentário: