Banner 1

terça-feira, 15 de novembro de 2016

Pai mata o filho e comete suicídio no Setor Aeroporto, em Goiânia. O motivo seria ocupações de escolas




Uma discussão familiar provocou, no final da tarde desta terça-feira (15/11), uma tragédia no Setor Aeroporto, em Goiânia. 

Após discutir com o filho de 20 anos, o engenheiro Alexandre José da Silva Neto, de 60 anos, atirou nele e em seguida contra a própria cabeça.

O assassinato seguido de suicídio, que aconteceu no cruzamento da Avenida República do Líbano esquina com a Rua 59 A, foi filmado pela moradora de um prédio próximo. 

Após estacionar o veículo, Alexandre José desceu do carro e foi conversar com o filho Guilherme da Silva Neto, de 20 anos, que estava sentado na calçada.

Após uma rápida discussão, o engenheiro abraçou o filho, atirou contra ele e em seguida na própria cabeça. O jovem morreu na hora. 

Alexandre José chegou a ser socorrido pelos Bombeiros, mas morreu logo após dar entrada no Hospital de Urgências de Goiânia (Hugo).

Agentes da Delegacia Estadual de Investigações de Homicídios (DIH) que estiveram no local foram informados, através do relato de testemunhas, que o assassinato teria sido motivado porque o engenheiro não queria que o filho participasse de protestos em uma escola em Goiânia. 

O rapaz era estudante de Matemática da UFG.

“Ele falou que preferia matar o filho ao vê-lo participar de um protesto”, contou uma das testemunhas ao delegado Hellyton Carvalho, adjunto da DIH, e que foi quem atendeu a ocorrência.

Guilherme Neto é filho da delegada aposentada da Polícia Civil de Goiás Rosália de Moura Rosa Silva. O revólver usado no assassinato e no suicídio foi apreendido pela Polícia Civil e encaminhado para o Instituto de Criminalística.

Fonte: Mais Goiás

Um comentário:

Anonimo disse...

Fato ocorrido a parte mais da uma olhada nesse pessoal q ta fazendo ocupaçoes nesse caso filho de engenheiro,facebook ta cheio gente filmando ocupaçao com celular q vale 5 mil reais ,blusa e camisetas q custa 200 ,tenis de 1000 reais puxa as imagens q vcs vao ver .....quem ta la ne ocupaçao certeza q n tem q se preocupar que esta tendo ponto cortado ne serviço vê se tem alguem la faltando serviço tudo grande maioria e gente q tem tudo na mao.....pq vc num se ocupa ajudando quem prescisa ta cheio de creches e lar dos idosos prescisando