Banner 1

quarta-feira, 26 de outubro de 2016

Workshop de fotografia subterrânea ocorre agora em Novembro, em São Domingos (GO), a cidade das cavernas





O município de São Domingos (GO), nordeste do estado, guarda um dos maiores complexos de cavernas do Brasil. 

É lá também que está localizada a reserva ambiental Parque Terra Ronca e, naturalmente, atrai os amantes da natureza, principalmente os fotógrafos. 

Um deles é espeleofotógrafo José Humberto de Paula, que tem em seu acervo as mais belas fotos subterrâneas já registradas da região.

Para apresentar estas imagens e reunir especialistas e curiosos em fotografias subterrâneas é que será será realizado, entre os dias 26 e 30 de novembro, o I Workshop de Fotografia Subterrânea. 

O evento é uma parceria entre o espeleofotógrafo José Humberto com a Quarto Eclipse Fotografia. 

José Humberto é autor do livro " O Mundo Subterrâneo de Terra Ronca" - uma viagem fotográfica de mais de 10 anos sobre o maior complexo de cavernas das América Latina 

Folhei o livro

Ele vem há quase duas décadas se dedicando a essa linguagem fotográfica. 

É uma fotografia muito pouco conhecida e que se desenvolveu à margem da fotografia tradicional de natureza. Equipamentos próprios desenvolvidos, modos de iluminação, técnicas em geral. 

A linguagem em si é absolutamente particular. José Humberto utiliza-se de uma metodologia com base em sua larga experiência e conhecimentos teóricos da linguagem, mas que é focada em intensa oficinas práticas.

O aluno ao mesmo tempo que fotografa, em cada uma das Oficinas minuciosamente planejadas, participa das atividades dos demais fotógrafos, como Assistente de Iluminação. 

As Oficinas Práticas e o Workshop de Fotografia Subterrânea são uma verdadeira imersão fotográfica: em período integral pela manhã, tarde e noite, quando cada um, e todos, avaliam a produção realizada no ambiente das cavernas, com a supervisão de José Humberto. 

No período posterior ao Workshop, o fotógrafo estrutura e organiza um Grupo especial de estudo com os alunos, utilizando-se da rede social Whatsapp. 

Diversos fotos de José Humberto são propostas aos alunos semanalmente para análise e estudo. No fim de cada semana o fotógrafo comenta e discute as análises de cada aluno no grupo. "Isso tem sido uma experiência proveitosa e com intensa participação dos alunos", diz ele.

Além de fotógrafo é espeleólogo, quase uma exigência para fotografar cavernas inóspitas e não turísticas, como as que fazem parte do seu livro. José Humberto é também Professor da Universidade de Brasília-UnB, desde 1987.

Então agende aí essa aventura e participe.

Um comentário:

José Humberto disse...

Dinomar,
MUITO OBRIGADO pela divulgação. A síntese do texto ficou perfeita, precisa, completa!...
Abraços,
José Humberto.