Banner 1

Banner 1

quinta-feira, 27 de outubro de 2016

PEC 241: "Estou perplexa com esse seu comentário"


Caro Dinomar, 

Estou perplexa com esse seu comentário! Essa sua analogia é um tanto esdrúxula, infeliz e desprezível, tinha outra visão a seu respeito! Que comparação absurda? 

Com certeza não é você quem ganha R$ 1.000 e gasta R$ 1.500, afinal toda a classe operaria neste país recebe salários maiores que isso, não é mesmo? 

Certamente seus filhos serão blindados contra a PEC? 

Melhor ainda, seu salário em 20 anos irá de vento em popa por apoiar a corja que está alojada no Planalto? 

Que absurdo! Discurso sensacionalista a essa altura do campeonato? Fala sério! Não estou te pedindo para defender pobre, pelo contrário gaste neurônios! 

Pensando você que afetará somente os meros mortais de salário mínimo. Porventura, a inflação será congelada também?

Precisamos de Reforma Política, para desmamar os anelídeos do Estado que se dizem estar em prol da sociedade e não fazem nada além do próprio interesse. 

Mas para que isso ocorra é necessário que o povo mude de mentalidade, para haver mudança é preciso de educação de qualidade e não retrocesso, é preciso aplicar FREIRE e não FROTA!

Aí te pergunto, Crônica? 

Como crônica, se isso está mais para tragédia? 

Um pensar fora da caixa? Será mesmo que você está pensando fora da caixa? Quem pertence a essa caixa, a minoria ou a maioria? 

Te faço um convite, saia da sua caixa e olhe este país além do seu território (enquanto espaço dia-a-dia) de terno, gravata e ar condicionado e me diz se PEC 241 resolve o problema?

Enquanto houver pessoas distribuindo clichês de governo sensacionalista, nada irá mudar neste país! Porque será que ninguém levanta bandeira de Educação? 

Porque será que uma Lei para ser efetivada é preciso passar por longo período de debate, e para ser derrubada basta uma canetada?

Como está acontecendo agora! E não vejo ninguém defende as bandeiras da causa como em período de campanha! Não dá para engolir essa!

Por uma Educação de qualidade, NÃO PEC 241!

Por um Brasil melhor, REFORMA POLÍTICA JÁ! 


Leiliane de Moura

Comentário deste Blogueiro

Prezada Leiliane de Moura, 

Muito obrigado pelo seu comentário, que já foi devidamente publicado e colocado em evidência. 

É importante esclarecer a você que antes de estar "engravatado por  detrás de uma mesa e ar condicionado", que antes de assumir um cargo relevante na administração pública federal, passei por um longo caminho: 

Engraxate, vendedor de picolés, de queijos e de hortaliças na minha linda Campos Belos (GO), locutor de rádios piratas, auxiliar de funerária e, por fim, para conseguir fugir do círculo vicioso e danoso, que destrói gerações e gerações – a falta de uma educação digna - fui obrigado a emigrar da nossa cidade e alistar-me nas Forças Armadas (como soldado e suas vicissitudes).

Desde cedo o trabalho dignifica o homem, né verdade?

Para poder continuar o sonho de pagar uma universidade -  a minha vida foi na escola pública e que não foi muita efetiva para a disputa de mercados. Não por culpa dos nossos queridos professores, mas da realidade que você tanto conhece (o sistema). 

Pobre estuda em universidades particulares, enquanto os endinheirados, nas públicas. Você conhece essa história, né?

Por cerca de 15 anos trabalhei para custear os meus estudos e conheço muito bem o gosto amargo dos baixos salários.

Fiz o curso de história, jornalismo e entrei para o mundo da ciência política (Unb). Bebi da mesma fonte ideológica que você tem bebido, mas soube muito bem ultrapassar as barreiras das crises ideológicas, muito ativas nos nossos 20 anos. 

Mas também tive a oportunidade de beber da realidade. Principalmente a realidade crua do Haiti. 

Enquanto muitos brasileiros, estavam aqui no país, em suas "caminhas", muitos outros estavam do outro lado do mundo tentando, por meses a fio, ao menos, levar esperança para um povo demasiadamente sofrido e esculachado. 

Travei contato com os lindos discursos humanistas dos estadistas da ONU, no entanto, surpreendentemente, muito diferentes das práticas adotadas por eles próprios no contexto da desgraça humana.

Fico triste em ouvir você dizendo que não olho para as pessoas mais necessitadas. 

Há dez anos editamos este Blog, que, modestamente, tem mudado muito o como as pessoas da minha região têm enfrentado seus problemas sociais, políticos, econômicos e conhecendo mais de si mesmas.  

Este próprio espaço de cidadania que você desfruta agora é reflexo disso. Tente mandar seu texto para o UOL, G1 ou para os portais de partidos políticos. 

Isso me deixa triste, mas não vai me tirar do foco e daquilo que apadrinhei, de coração, que é o certo a fazer.

Deixo só mais um recadinho. A maturidade humana aparece com o tempo, mas ela também pode ser muito bem lapidada com os enfrentamentos da realidade e com a tal da resiliência, que nada mais é do que você crescer nas durezas das dificuldades.   

E quando falo “pensar fora caixa”, digo se despir de todas as nossas subjetividades ideológicas e ver o mundo como ele de fato é. 

Abaixo, seguem algumas fotos, feito por este "engravatado blogueiro", durante uma jornada de 10 meses ininterruptos no país mais pobres das Américas.  

(Nota: possivelmente a maioria dessas crianças estão mortas devido ao grande terremoto que matou quase 400 mil pessoas no Haiti em 2010 - as fotos são de 2006). 









Comentário sobre: 


Crônica: a PEC 241 e o seu orçamento. Um pensar fora da caixa (ideológica) 



2 comentários:

  1. Paulo Correia Filho27 de outubro de 2016 16:49

    Pensar fora da caixa não é pensar fora do país... E seu comentário não não melhorou em nada seu texto anterior.Mas há algum tempo seus textos ora confusos, ora sem averiguações, perdeu credibilidade.

    ResponderExcluir
  2. a resposta do blogueiro é uma piada pronta, so pode!
    o cara cita sua visita ao Haiti (pais vitima do capitalismo nefasto) e defende uma PEC que retira investimentos da saúde e educação para aloca-los para pagamento de uma divida publica(setor financeiro) q nunca foi auditada, é meio estranho para ñ dizer contraditório!
    Modestamente mudado?! soberbamente se achando!!
    Vc defendeu seu ponto de vista e q bom q a Sra. Liliane DEFENDEU O DELA E D QUASE TDS OS LEITORES DESSE BLOG!
    Melhor congelar para sempre esses investimentos(COMO O BLOGUEIRO DEFENDE), afinal a educação e saúde em nosso pais é de primeiro mundo....agora basta manter!!kkk
    PATETICO CARA PALIDA!

    ResponderExcluir