Banner 1

Banner 1

domingo, 30 de outubro de 2016

"Eu avisei que toda ação teria uma reação nossa", diz Vanderlan sobre ataques a Iris


O candidato a prefeito de Goiânia Vanderlan Cardoso (PSB) votou na manhã deste domingo (30) na Escola Estadual Jardim Novo Mundo, em Goiânia.

Vanderlan estava acompanhado de seu candidato a vice, Thiago Albernaz (PSDB), da senadora Lúcia Vânia (PSDB), do vice-governador José Eliton (PSDB) e do presidente da Agência Goiana de Transportes e Obras (Agetop), Jaime Rincón.

Questionado sobre os ataques ocorridos entre ele e Iris Rezende (PMDB), principalmente na campanha de televisão e rádio, Vanderlan afirmou que a intimidação começou com o adversário, que mostrou a forma do PMDB de fazer política. “Eu avisei que toda ação teria uma reação nossa. 

Mostramos que ele estava faltando com a verdade e apresentamos os fatos como realmente são, como as propostas que ele diz que são novas, mas já prometeu e não cumpriu antes”, disse Vanderlan.

Thiago Albernaz lamentou os ataques e avaliou a ação da oposição como “velha política” e “tentativa de depreciar a imagem de Vanderlan”. Para Albernaz, o eleitor está cada vez mais consciente e sabe avaliar, dentro da campanha, o que é propositivo e o que não é agradável do ponto de vista eleitoral. “Vamos perceber essa distinção nas urnas hoje”, afirmou.

Na oportunidade, José Eliton avaliou as possibilidades de resultado desta eleição e afirmou que a vitória de Vanderlan traria resultados positivos para Goiânia por causa da parceria com o governo estadual. 

Em caso de derrota, Eliton disse que não haverá dificuldades para a base do governador Marconi Perillo em 2018. “Já ganhamos duas eleições sem apoio do prefeito da capital. 

Vamos acelerar o trabalho realizado no estado e apresentar um portfólio de ações. Em cenário de crise, temos contas equilibradas e uma plataforma de programas sociais eficiente”, avaliou o vice-governador.

Fonte: Mais Goiás

Nenhum comentário:

Postar um comentário