Banner 1

sábado, 15 de outubro de 2016

Em vídeo, prefeito de Posse (GO) diz que ação da polícia é uma perseguição do vice-governador de Goiás e que nada encontraram



O prefeito do município de Posse (GO), José Gouveia, usou das redes sociais para, através de um vídeo, rechaçar o que chamou de uma perseguição contra seu governo. 

José Gouveia se referia à operação policial feita nesta sexta-feira (14), em várias pastas de seu governo, inclusive, com diversas conduções coercitivas de secretários municipais e de servidores públicos. 

O prefeito disse que sofre uma violenta perseguição e que chegou a ser agredido fisicamente na semana passada.

Afirmou que a ação da Polícia Civil teria sido patrocinada pelo vice-governador e secretário de segurança publica de Goiás, José Eliton.


No vídeo, Gouveia disse que a polícia foi à Prefeitura e saiu de lá "sem absolutamente nada nas mãos" e que documentos apreendidos já estavam sob o poder do Tribunal de Contas dos Municípios. 


O prefeito de Posse, que foi derrotado nas últimas eleições, disse também que tudo é uma questão de política, porque ele tinha ganhado do pai do vice-governador na disputa eleitoral de 2012.


"Sempre nos perseguiu, inclusive com duas CPIs". E usou duras palavras para criticar o vice-governador ao comentar o atentando contra o prefeito de Itumbiara (GO), Zé Gomes. 


Por fim, afirmou que fará profundos cortes na gestão do município, porque o vice-governador tem bloqueado repasses para a saúde e educação.

Assista ao vídeo


Nenhum comentário: