Banner 1

quarta-feira, 7 de setembro de 2016

Após se envolver em acidente, piloto tem moto furtada no Rali dos Sertões. Crime ocorreu entre Padre Bernardo e Cavalcante (GO)


Uma cena inusitada ocorreu na etapa da última segunda-feira do Rali dos Sertões. 

Depois do piloto Guilherme Tavares sofrer um acidente, entre Padre Bernardo e Cavalcante, a organização da prova enviou um helicóptero para prestar atendimento médico ao piloto. 

A moto utilizada por Tavares, no entanto, ficou à margem da pista e acabou sendo furtada. Enquanto o piloto era levado ao Hospital de Base de Brasília, sua moto foi furtada à margem da pista. 

A organização do evento justificou que não fez a retirada do veículo durante a prova para não colocar a vida da equipe de resgate e dos pilotos em risco.

O Governo de Goiás, local onde acontece a etapa do Rali dos Sertões, junto com a Organização do evento mandou helicópteros e acionou a Polícia Militar, que acabou encontrando a moto sem diversas peças, como as rodas, a suspensão dianteira, o guidão e outros equipamentos.

Dois suspeitos do furto foram presos, mas seus nomes não foram divulgados.

Em comunicado oficial, a organização do Rali dos Sertões lamentou o ocorrido, mas afirmou que preza pela segurança de todos do evento, sejam competidores ou equipes técnicas e de apoio.

Piloto abandona a competição

Na última terça-feira, o piloto da Yamaha, Ricardo Martins, se envolveu em um acidente e acabou dando adeus ao Rali dos Sertões. Martins se chocou com um cavalo, tomou um tombo, e viu sua moto pegar fogo.

O piloto utilizou as redes sociais para informar aos fãs de que está se recuperando e que não sofreu nenhuma lesão grave.

Fonte: ESPN

Nenhum comentário: