Banner 1

Banner 1

segunda-feira, 25 de julho de 2016

Estupro e "justiça com as próprias mãos" em Divinópolis de Goiás. Acusado teria tido parte das genitálias cortada e negou o crime


Dois crimes de extrema gravidade ocorreram neste fim de semana na cidade de Divinópolis de Goiás, nordeste do estado. 

Segundo o Blog Antônio Carlos, uma mulher foi estuprada na madrugada do último domingo (24) quando chegava ao trabalho. 

O caso aconteceu na entrada da cidade, momento em que ocorria a festa da Vaquejada, um dos principais eventos do município e que movimenta toda a comunidade. 

Câmeras de segurança do local registraram o momento em que a mulher foi abordada pelo suspeito.

O acusado do bárbaro crime foi identificado como um comerciante do estado da Bahia e trabalhava durante a festa de vaquejada.

Posteriormente, ele foi encontrado, atacado e violentado por populares. A publicação diz que parte do órgão genital do suspeito foi cortada.

Ele foi preso pela polícia militar e negou o estupro. 

No entanto, as características descritas pela vítima são as mesmas do homem e que aparecem nas imagens das câmeras de segurança.

A mulher foi encaminhada para realizar exames de corpo de delito no Instituto Médico-Legal.

Nesses casos, a vítima toma um coquetel de medicamentos para evitar a contaminação por doenças sexualmente transmissíveis.

Fonte: Blog Antônio Carlos

Nenhum comentário:

Postar um comentário