Banner 1

segunda-feira, 23 de maio de 2016

Novo Alegre (TO) lembra o Dia Nacional de Combate a Exploração e Violência Sexual de Crianças e Adolescentes






A prefeitura Municipal de Novo Alegre do Tocantins (TO), através da Secretaria de Assistência Social e do Centro de Referência de Assistência Social (CRAS), promoveram, na tarde do último dia 18 de maio, uma mobilização alusiva ao Dia Nacional de Combate a Exploração e Violência Sexual de Crianças e Adolescentes. 

As datas foram lembradas nesta sexta-feira dia 20 de maio, em todo o país.

Dezenas de pessoas da comunidade, entre elas muitas crianças e adolescentes da rede municipal de ensino, foram às ruas, em passeata, para lembrar a data e apoiar a luta, que é de toda a sociedade brasileira. 

O Dia Nacional é instituído pela Lei Federal 9.970/00 e é uma conquista que demarca a luta pelos Direitos Humanos de Crianças e Adolescentes em todo território brasileiro. 

A data foi criada para lembrar o “Caso Araceli”, ocorrido em Vitória, no Estado do Espírito Santo. 

A menina Araceli Cabrera Sanches, então com oito anos, foi sequestrada em 18 de maio de 1973, drogada, espancada, estuprada e morta por membros de uma tradicional família capixaba, e mesmo com muita gente acompanhando o andamento do caso, desde o momento em que a criança entrou no carro dos assassinos até o aparecimento do seu corpo, desfigurada pelo ácido, em uma movimentada rua da cidade de Vitória, todos se calaram, decretando a impunidade dos criminosos.

Entretanto o Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes vem manter viva a memória nacional, reafirmando a responsabilidade da sociedade brasileira em garantir os direitos de todas as suas Aracelis.

De acordo com a prefeitura de Novo Alegre, os trabalhos do CRAS vão desde a averiguação das denúncias, até o acompanhamento de toda família em que a criança ou adolescente tenha sofrido abuso ou violência sexual. 

O município conta com uma rede de atendimento especializado, composta pelo CRAS, Secretaria Municipal de Assistência Social.

Denúncias 

Autoridades do município informam que é importante lembrar que abuso e exploração sexual de crianças e adolescentes é crime, e você pode ajudar denunciando no CREAS, através do telefone 75-3437-3580 ou Conselho Tutelar, através dos telefones 3437-2465. 

Disque 100 – serviço gratuito que funciona 24h nos sete dias da semana para receber denúncias de violência contra crianças e adolescentes. A denúncia é anônima.

Nenhum comentário: