Banner 1

Banner 1

segunda-feira, 30 de maio de 2016

Goiás contrata Higor Leite, o meia camposbelense que estava encostado no Fluminense


Há três jogos sem vencer na Série B do Campeonato Brasileiro, o Goiás acertou na manhã desta segunda-feira (30) com o meia Higor Leite, natural de Campos Belos (GO), mais conhecido como ‘primo do Kaká’. 

O jogador estava no Fluminense e chega para reforçar o elenco do técnico Enderson Moreira, com quem trabalhou na última temporada. 

Seu contrato vai até o final de 2016 e ele já é aguardado pela diretoria para assinar contrato.

Higor, de 22 anos, vinha sem espaço com Levir Culpi no Fluminense e nem completou um jogo entre o time titular do tricolor. 

Aos poucos perdeu espaço e pediu para ser emprestado para não perder o ritmo de jogo. 

Como já conhecia Enderson, o acerto foi rápido: ele não é mais esperado nas Laranjeiras nesta segunda. O jogador deve pegar um avião para Goiânia no final de tarde e realizar os exames na terça.

Ainda assim, o meia não deve ser apresentado ao elenco no desembarque. 

Isso porque o Goiás já viajou para Fortaleza, onde enfrentará o Ceará pela 5ª rodada da Série B. 

“Temos que pontuar fora de casa, isso é fundamental para que possamos chegar forte em busca do acesso. 

Vamos buscar pontos longe de casa, estamos muito concentrados para que isso possa acontecer”, disse o atacante Rafhael Lucas, artilheiro do Goiás na temporada com 10 gols.

Jogar longe de Goiânia, neste início de competição, tem sido uma rotina para o Verdão, já que a equipe teve que cumprir dois jogos de punição e atuar em Itumbiara, no estádio JK. Rafhael reconhece que o cenário no começo da disputa não foi o ideal.

“Série B é uma competição muito difícil, para nós o início foi ainda mais complicado, por não podermos jogar no Serra. 

A partida contra o Ceará também será muito difícil, mas estamos trabalhando forte para conseguirmos fazer uma boa partida”, pontuou o atleta alviverde.

Deivid, zagueiro que falhou no empate por 1 a 1 com o Brasil, não embarcou com o restante do elenco por opção da comissão técnica. 

Além dele, o atacante Cléo sentiu o desgaste físico e acabou poupado pelo departamento médico. 

Com isso, Anderson Salles deve assumir o sistema defensivo, enquanto o meia Wagner deve compor o setor de ataque, dando mais liberdade para Rossi.

Com isso, o Goiás deve entrar em campo com Renan; Johnatan, Wesley Matos, Anderson Salles e Jefferson; Willian, Wendel e Léo Sena; Rossi, Wagner e Rafhael Lucas.

Fonte: Futebol Interior

2 comentários:

  1. No dia que esquecer um pouco mais o KAKÁ , e lembrar um pouco dele mesmo , o desempenho vai melhorar ! #FICADICA

    ResponderExcluir