Banner 1

sábado, 7 de maio de 2016

Filosofia de Buteco



"Vivia sob muita tensão diária, medos, inseguranças, ao relento para receber sol e chuva, corria para sobreviver aos predadores ou para caçar o que comer, quase sempre tendo que disputar estes mesmos alimentos com eles, às vezes lhe restando os restos estragados, que comia com voracidade não sabendo se no dia seguinte haveria mais e sua expectativa de vida era definida por todos estes intempéries da natureza e de suas condições precárias. 

Morriam aos 35 os que tinham sorte, pois muitos nem chegavam à fase adulta para experimentar a adrenalina cotidiana de seus parentes"

Nenhum comentário: