Banner 1

Banner 1

segunda-feira, 2 de maio de 2016

Brasília : Avô é preso por abusar sexualmente de netas


Na tarde desse domingo (1º), policiais da Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente (DPCA) realizaram a prisão de um homem acusado de estupro de vulnerável em ambiente familiar. 

A ação ocorreu em cumprimento a mandado de prisão preventiva.

De acordo com a delegacia, E.P.C., vulgo “Coroinha”, 56 anos, foi localizado e preso na feira do produtor de Vicente Pires, onde trabalha como carroceiro.

As investigações, iniciadas em 2013, concluíram que o autor teria abusado sexualmente de duas netas, à época, com quatro e seis anos de idade. 

“Em 2012, a Vara da Infância e da Juventude do DF adotou medidas protetivas em relação às seis crianças que conviviam na mesma casa com o autor e responsável pelo sustento da família de baixa renda. 

A Justiça, assim, determinou que as crianças fossem abrigadas em razão das condições precárias da família. 

Porém, já no abrigo, duas delas apresentaram comportamento diferenciado, quando se levantou a suspeita de que as crianças teriam sido abusadas sexualmente pelo próprio avô que, na verdade, é suspeito de ser pai delas”, esclareceu o delegado-chefe da DPCA, Wisllei Salomão.

Durante as investigações, verificou-se a hipótese de que o autor seria o legítimo pai das duas crianças por conta de ele ter abusado, por anos consecutivos, da própria filha (hoje com 27 anos). 

Em razão dos abusos sofridos, a filha acabou ficando grávida na adolescência, por duas vezes. 

De acordo com o delegado da DPCA, os crimes sexuais ocorriam em casa e em via pública, quando o pai chamava a filha para acompanhá-lo na carroça.

O autor ainda é investigado pela DPCA em outros procedimentos de natureza sexual e responde a tentativa de homicídio e roubo, além de crimes da Lei Maria da Penha e maus tratos a animais.

Nesta data, o acusado será submetido a exame de DNA para comprovar, se de fato, ele é pai das duas crianças, que estão com 8 e 10 anos de idade. 

Posteriormente, o homem será recolhido à carceragem da PCDF, onde permanece à disposição da Justiça.

Fonte:  PC DF

Nenhum comentário:

Postar um comentário